Lições de quarta para o Santos na quinta



O santista certamente não perdoou os rivais corintianos, eliminados pelo Atlético-MG na Copa do Brasil. Mas certamente em algum momento durante as gozações surgiu um pensamento do tipo “é bom o meu time fazer a sua parte contra o Botafogo”.

A noite de quarta-feira, com três jogos da Copa do Brasil, trouxe lições que podem ser utilizadas pelo Peixe no duelo contra o Botafogo. A situação do Corinthians, que tinha vantagem parecida com a que tem o Santos, talvez seja o mais emblemático, mas não o único.

As torcidas de Flamengo e ABC-RN, por exemplo, mostraram aos alvinegros como é possível jogar junto e empurrar o time em um mata-mata. Os santistas parecem que ainda não perceberam isso, tanto que compraram apenas cerca de 10 mil ingressos para a decisão antecipadamente.

Se o Galo mostrou que não há vantagem que não possa ser revertida, o outro mineiro, o Cruzeiro, também deixou um recado ao Peixe: não se acomode. Vencendo por 3 a 0 no agregado, a Raposa quase levou a virada.

Outra lição de quarta veio do Rio, onde o Flamengo soube controlar o jogo, mesmo com a euforia da torcida, e matou a partida no momento certo. É isso que o Santos precisa nessa noite.

Sem Robinho e diante de um adversário tradicional e com jogadores que, apesar de apenas medíocres tecnicamente, já deram mostras de que podem se superar na base da raça e da vontade, o Peixe precisa entrar ligado nesta noite no Pacaembu. Com humildade, atenção e tranquilidade, dificilmente o Santos perderá a vaga na semi.



  • NETUNO

    Espero que os jogadores do peixe encarem os 2 jogos dessa semana como de vida ou morte, se pretendem ter alguma esperança pr conseguir uma vaga na Libertadores, e salvar o ano. Não pode de jeito algum deixar de escapar a classificação hoje contra o Bostafoguinho, e se conseguir passar não pode dar mole contra o Guarani da Capital, pelo Brasileirão, só a vitória interessa, pois um empate, já era Libertadores via Brasileirão, pois depois só tem jogos pedreira. Infelizmente o técnico bobeou contra o Criciuma, tem que se reabilitar custe o que custar.

  • Jbrunno

    Preocupante, ja que quando assisto jogos do Santos vejo os jogadores pouco empenhados em vencer, o comprometimento é zero, parece que não recebem salario a seis meses. Falta garra, determinação, vontade de vencer, tudo bem que o time é horrível, mas se tiver vontade e comprometimento, melhora e muito. Vamos torcer para eu está errado.

  • Nunca cai

    BorasANTOS!!!

  • so ganhar, ta bom….

  • Esperamos hoje ver um time com raça e muita vontade bem diferente daquele time apatico e sem NENHUMA vontade que vimos contra o Criciuma!!

  • Elizeu

    COM RILDO E CICINHO COMO TITULARES FICA DIFÍCIL TER ESPERANÇA E NÃO ACREDITAR NO PIOR, RILDO SERIA APENAS UM GANDULA REGULAR E CICINHO É O DESESPERO EM PESSOA…E PRA PIORAR PARECE QUE O GABRIEL ,OU ESTA SEM RITMO OU ESTÁ EM PÉ DE GUERRA COM O ENDERSON,ANTES DEFENSOR DO GAROTO AGORA JÁ ACHO QUE SURGINDO UMA PROPOSTA O MELHOR É VENDER E DAR REAIS OPORTUNIDADES AO STEFANO YURI, OU QUEM SABE COLOCAR O DIEGO CARDOSO NUMA FUNÇÃO DE FALSO 9.

  • patureba

    O que é um time bem escalado, o Enderson tem que largar de ficar esperimentando jogador todo jogo. Tem que firmar a equipe titular, tem que esquecer o Dormião , o Gabriel é bem mais jogador e hoje está provando isso com a maneira que o time ta jogando com os 3×0 encima do Botafogo só no primeiro tempo. Agora tem que ter muita atenção no segundo tempo e não recuar o time, sempre querer fazer mais gols.

MaisRecentes

Pensem no contrário da razão



Continue Lendo

O Santos real deu as caras e tirou o título do Santos hipotético



Continue Lendo

Escalação contra o Vasco diz mais sobre 2016 do que sobre o presente



Continue Lendo