Santistas compram sombreiro para se proteger do sol



Com o forte calor que faz em Mogi Mirim antes da semifinal, alguns santistas recorreram ao sombreiro, grande chapéu tradicional no México. Eles são vendidos por comerciantes da cidade e são confeccionados com o distintivo do Peixe. Custam, em média, R$ 20.

Além de chapéus, muitas bandeiras, camisetas e diversos artigos podem ser encontrados durante um giro pelo Estádio Romildo Ferreira. Muitos santistas estão próximos ao estádio e prometem dividir os cantos na arquibancada com os donos da casa.

Comerciantes vendem sombreiros personalizados do Peixe a torcedores (Crédito: Marcio Porto)

Comerciantes vendem sombreiros personalizados do Peixe a torcedores (Crédito: Marcio Porto)



MaisRecentes

Pensem no contrário da razão



Continue Lendo

O Santos real deu as caras e tirou o título do Santos hipotético



Continue Lendo

Escalação contra o Vasco diz mais sobre 2016 do que sobre o presente



Continue Lendo