Clube triplica policiamento para o clássico



A preocupação para que não ocorra confusão no clássico decisivo entre Santos e Corinthians, às 16h, está no planejamento do policiamento. Em média, cerca de 200 policiais trabalham na Vila Belmiro em jogos decisivos. Dessa vez, serão 600 que prometem rigor redobrado.

Com as ruas de acesso totalmente cercadas, eles estão orientados a só permitirem a passagem de sócios com carteirinha, torcedores com ingressos e jornalistas. Abordado, um policial garantiu que haverá cuidado para com os cambistas já que os ingressos estão esgotados. A reportagem do LANCENET! não foi abordada por nenhum cambista, ao contrário do que acontecia nos jogos mais importantes.

A PM também está preocupada com guardadores de carro, que pedem até 20 reais aos motoristas, dizendo que cuidarão de seus carros.

O LNET!, em algumas voltas em torno do estádio, não constatou nenhum clima negativo para a final.

Ônibus com policiais militares chegam à Vila Belmiro para a final (Foto: Israel Stroh)



MaisRecentes

Pensem no contrário da razão



Continue Lendo

O Santos real deu as caras e tirou o título do Santos hipotético



Continue Lendo

Escalação contra o Vasco diz mais sobre 2016 do que sobre o presente



Continue Lendo