Empresário paga 10 mil libras para jogar em time da Quinta Divisão inglesa e sai lesionado



O empresário James Gorfin se tornou o primeiro “jogador pagante” do Macclesfield Town, clube que disputa a Conference Premier (equivalente à Quinta Divisão) do futebol inglês. Gorfin pagou mil libras (cerca de R$ 3.500) por cada minuto que esteve em campo no amistoso contra o Stoke City, disputado no último sábado, no Moss Rose, estádio do Macclesfield.

A experiência porém poderia ter sido melhor. Gorfin planejava estar em campo 20 minutos, mas só pode ficar metade do tempo. O “jogador pagante” foi obrigado a ser substituído por ter sofrido uma lesão.

O lance em que Gorfin se machucou foi justamente a sua melhor chance de marcar. O empresário percebeu um lançamento em sua direção, ele dividiu com o zagueiro do Stoke e acabou levando a pior.

– Foi um brilhante cruzamento na minha direção, olhei para cima mas não pude alcançar a velocidade suficiante para concluir o lance – explicou Gorfin ao diário “Daily Mirror” sobre o que ocorreu no lance.

O empresário afirmou que poderia ter marcado, caso ficasse em campo mais tempo.

– Infelizmente não pude jogar o tempo todo. Mas creio que seu eu tivesse ficado os 20 minutos em campo marcaria um gol -sentenciou.

Quanto ao placar do jogo, o Macclesfield Town não fez feio e perdeu para o Stoke City, que disputa a Premier League, por apenas 2 a 1.



MaisRecentes

Pique vira inspiração para empresa de cerveja de Barcelona



Continue Lendo

O lado bom (para o futebol) da saída do Reino Unido da União Europeia



Continue Lendo

Liverpool x Sevilla: algumas curiosidades da final da Liga Europa



Continue Lendo