Impressões e alertas sobre o Maracanã



Novo Maracanã cheio (Foto: Heuler Andrey/AFP)

Novo Maracanã cheio (Foto: Heuler Andrey/AFP)

POR MARCELO BRAGA, REPÓRTER DO DIÁRIO LANCE!

De folga no fim de semana, fui ao Rio de Janeiro para assistir ao jogão entre Itália e México. O Maracanã realmente ficou maravilhoso – apesar dos gastos absurdos, é bom lembrar. Relato aqui algumas coisas que funcionaram e outras que não funcionaram na minha ida ao estádio:

TROCA DE INGRESSOS
Compramos o ingresso pelo site da Fifa. Minha namorada era a titular, com eu e um amigo de dependentes. Como só há troca nas cidades-sede e sou de São Paulo, agendamos a retirada para o sábado, no Aeroporto Galeão. Por lá, ficamos 4h30 na fila. A “organização” criou duas filas: a dos agendados e a dos não-agendados. Curiosamente, percebemos depois de algumas horas que a segunda andou mais rápida.

NUMERAÇÃO DO INGRESSO
Outro detalhe, minha namorada (titular) ficou com o lugar U-17 enquanto os dependentes com os lugares DD-6 e DD-7. Mas se compramos juntos, por que não nos deram assentos lado a lado?

VENDA NOS BARES
Já fui preparado para filas e preços absurdos, mas uma coisa me chamou a atenção. Você não pode comprar fichas. Você compra e leva. Por exemplo, eu queria comprar quatro cervejas e duas águas de uma vez, para evitar idas ao bar. Mas não existem fichas. O que você compra, leva na hora. Se fizessem uma fila para trocar fichas, as filas seriam mais rápidas, já que o pagamento é o que emperra o procedimento.

NUMERAÇÃO DOS SETORES
Quando você está na área de banheiros e lanchonetes, há indicação pra os setores. O meu era o bloco 305. Já quando você entra na área dos assentos, esses números não existem. Às vezes aparece alguém do 304 ou 306 brigando por aqueles assentos. Mas, na verdade, os dele são na outra fileira. Essa falta de identificação causa dúvidas, mas os voluntários acabam resolvendo rápido.

METRÔ
Quem tem ingresso e mostra na hora do embarque, não paga para ir ao Maracanã. Acredito que seja assim em todos os lugares. A volta também teve catracas liberadas, fato que evitou filas e problemas. A única coisa ruim é que algumas orientações dentro do metrô estão só em português, mas os gringos vão na onda dos brasileiros e conseguem chegar lá.

FISCALIZAÇÃO DO INGRESSO
O ingresso leva o seu nome e a Fifa diz que você só pode revendê-lo pelo programa deles, através do site. Para entrar no Maracanã, porém, você passa por um Raio-X (onde não olham seu ingresso) e depois por um aparelho de leitura óptica que vê se o bilhete tem procedência ou não. Nesse lugar, não se olha o documento. Depois dali, você já está dentro. Isso dá margem a cambistas.



MaisRecentes

Pique vira inspiração para empresa de cerveja de Barcelona



Continue Lendo

O lado bom (para o futebol) da saída do Reino Unido da União Europeia



Continue Lendo

Liverpool x Sevilla: algumas curiosidades da final da Liga Europa



Continue Lendo