Barral: um ídolo exótico



Barral quase entrou para a História do futebol espanhol neste sábado. Afinal, o atacante do modesto Sporting Gijón marcou o gol de sua equipe no empate de 1 a 1 contra o Barcelona, no El Molinón.

O jogador só não imortalizou seu nome por causa do atacante Villa, que fez um golaço de cobertura aos 34 minutos do segundo tempo. Mas quem é esse tal Barral? Onde ele começou a jogar?

Não se trata de nenhum fenômeno o tal Barral. Tem 27 anos e joga profissionalmente desde 2002. Marcou apenas 65 gols em partidas oficiais desde então.  Em sua ficha consta que ele saiu justamente das canteras do Real Madrid, só que ele nunca atuou no time principal do clube merengue. Mas vestiu a camisa do Real Madrid C, que disputa a Terceirona da Espanha.

Como sua produção de gols não era lá tanta, o Real resolveu emprestá-lo ao Fuenlabrada, também da Terceirona. Em 2004 Barral foi “promovido” Real Madrid B e jogou a Segundona. Desde 2006 o atacante está no Sporting Gijón.

Porém Barral é um personagem único por alguns fatos insólitos, vamos listar-los aqui:

– Em 2008 Barral prometeu que nadaria no meio de tubarões se o clube retornasse à Primeira Divisão. O objetivo foi alcançado e Barral cumpriu a sua promessa. Nadou no meio de tubarões no aquário de Gijón. A experiência foi descrita pelo “matador” como “uma experiência incrível”. Descontraído, chegou a colocar um cachecol do clube em uma tartaruga.

– Barral pelo menos já tem um gol histórico no currículo. Entre os 65 de sua vasta carreira está o gol mil do Sporting Gijón no Estádio El Molinón, em jogos válidos pela Primeira Divisão da Espanha.

– Por fim, Barral ofereceu sua camisa para a família de um torcedor fanático do Sporting, falecido em 2009. Detalhe: O último desejo do falecido foi ser cremado vestindo a camisa 23 do ídolo Barral.

No sábado Barral quase colocou mais um feito na sua inusitada galeria. Afinal o seu gol quebrou uma invencibilidade de três jogos, ou 270 minutos, da defesa do Barcelona no Campeonato Espanhol. Além de decretar a segunda derrota do Barça no torneio.

Veja o golaço de Barral sobre o Barça (imagens Canal Mais)

Mas ao menos o nosso anti-heroi pode ser orgulhar de ter sido o cara que quebrou a sequência de triunfos do clube catalão no campeonato. Se vencesse o Gijón, o Barcelona alcançaria sua 17ª vitória consecutiva igualando o recorde da Internazionale que vem da temporada 2006/2007.

Esse é Barral, o personagem do fim de semana.

Adicione o Futebol Internacional do LANCE! no Facebook



MaisRecentes

Pique vira inspiração para empresa de cerveja de Barcelona



Continue Lendo

O lado bom (para o futebol) da saída do Reino Unido da União Europeia



Continue Lendo

Liverpool x Sevilla: algumas curiosidades da final da Liga Europa



Continue Lendo