logo lance
undo
Nacionais
Internacionais

BlogsL!

Colunistas

2 Pontos

por Rodrigo Borges e Fabio Chiorino

Blog da L!TV

Vídeos

Blog do Baldini

por Wilson Baldini

Blog do Bechler

por Marcelo Bechler

Blog do Kfouri

por André Kfouri

Blog do Garone

por André Schmidt

Blog do Gui Gomes

por Guilherme Gomes

Blog do Guilherme de Paula

por Guilherme de Paula

Blog do Janca

por João Carlos Assumpção

Blog do Mansell

por Eduardo Mansell

Blog do Marra

por Mário Marra

Blog do Salata

por Thiago Salata

Blog do Tironi

por Eduardo Tironi

Bulla na Rede

por Rafael Bullara

Crônicas do Morumbi

por Ricardo Flaitt

De Prima

por Fábio Suzuki e Igor Siqueira

Em Cima do Lance

por Bernardo Cruz e Igor Siqueira

Fora de Campo

O dia-a-dia dos atletas

Futebol & Ficção

por Valdomiro Neto

Futebol na Terrinha

por Thiago Correia

Gol de Canela FC

por Jonathan Oliveira

Humor Esportivo

Trollagem e zoação

Laguna Olímpico

por Marcelo Laguna

Lance! Livre

por Lucas Pastore

Made in USA

por Thiago Perdigão

Marketing & Economia da Bola

por Amir Somoggi

Números da Bola

por André Schmidt

O Mundo é Uma Bola

por Leonardo Pereira e Luiza Sá

Papo com Boleiro

por Luiz Otávio Abrantes

Planeta Fut

por Luiz Augusto Veloso

Press Start

por Lazlo Dalfovo e Pedro Scapin

Quem Não Sonhou?

por Gabriel Carneiro

Saque

por Daniel Bortoletto

Segunda Pele

por Leonardo Martins, Rafael Pereira e Vinícius Perazzini

Sua Saúde

por Fabiano de Abreu

Super-Raio X

por Alexandre Guariglia

Tênis

por Fabrizio Gallas

Clubes

Doentes

Alemanha 4 x 0 Argentina – AO VIVO | Blog Mauro Beting
logo lance
undo
Nacionais
Internacionais

BlogsL!

Colunistas

2 Pontos

por Rodrigo Borges e Fabio Chiorino

Blog da L!TV

Vídeos

Blog do Baldini

por Wilson Baldini

Blog do Bechler

por Marcelo Bechler

Blog do Kfouri

por André Kfouri

Blog do Garone

por André Schmidt

Blog do Gui Gomes

por Guilherme Gomes

Blog do Guilherme de Paula

por Guilherme de Paula

Blog do Janca

por João Carlos Assumpção

Blog do Mansell

por Eduardo Mansell

Blog do Marra

por Mário Marra

Blog do Salata

por Thiago Salata

Blog do Tironi

por Eduardo Tironi

Bulla na Rede

por Rafael Bullara

Crônicas do Morumbi

por Ricardo Flaitt

De Prima

por Fábio Suzuki e Igor Siqueira

Em Cima do Lance

por Bernardo Cruz e Igor Siqueira

Fora de Campo

O dia-a-dia dos atletas

Futebol & Ficção

por Valdomiro Neto

Futebol na Terrinha

por Thiago Correia

Gol de Canela FC

por Jonathan Oliveira

Humor Esportivo

Trollagem e zoação

Laguna Olímpico

por Marcelo Laguna

Lance! Livre

por Lucas Pastore

Made in USA

por Thiago Perdigão

Marketing & Economia da Bola

por Amir Somoggi

Números da Bola

por André Schmidt

O Mundo é Uma Bola

por Leonardo Pereira e Luiza Sá

Papo com Boleiro

por Luiz Otávio Abrantes

Planeta Fut

por Luiz Augusto Veloso

Press Start

por Lazlo Dalfovo e Pedro Scapin

Quem Não Sonhou?

por Gabriel Carneiro

Saque

por Daniel Bortoletto

Segunda Pele

por Leonardo Martins, Rafael Pereira e Vinícius Perazzini

Sua Saúde

por Fabiano de Abreu

Super-Raio X

por Alexandre Guariglia

Tênis

por Fabrizio Gallas

Clubes

Doentes


Alemanha 4 x 0 Argentina – AO VIVO

por Mauro Beting em 03.jul.2010 às 11:58h

PRIMEIRO TEMPO

Os melhores 10 minutos iniciais de 2010. E alemães. 1 x 0 aproveitando a falha defensiva usual dos co-hermanos na defesa, e o mérito do cada vez melhor Schweinsteiger para o impressionante Muller, marcando seu quarto gol na Copa. Com a 13 de Gerd, marcando os mesmos 4 gols que ele marcara no título de 1974. A Argentina depois mudou, colocando Di María pela direita, recuando Maxi, e adiantando Messi. Deu uma equilibrada. Mas os alemães foram melhores, e merecem o resultado parcial. Mas, depois do Brasil x Holanda, melhor aguardar.

Alemanha no usual 4-2-3-1. Argentina variando do 4-1-3-2 para o 4-3-1-2, como aconteceu a partir da metade final do 1o. tempo

SEGUNDO TEMPO

Acredite. A Alemanha foi ainda melhor e mais espetacular. Uma atuação vibrante, focada, fantástica. Os alemães, como sempre, acreditam e jogam alemão do primeiro até depois do último minuto. Mas, hoje, e quase toda esta Copa, jogou além do sonho. Um senhor time que venceu um senhor rival. A Argentina começou melhor que a encomenda o segundo tempo, acuando a rival em seu campo. Se Maradona demorou a mexer, se poderia ter apostado em Diego Milito, não se poderia espera nada perto do que fizeram os alemães de Klose, que empatou com Gerd Muller, com 14 gols em Copas. Alemanha de um imenso Schweinsteiger, volante todocampista, inexcedível. Fazendo a melhor dupla de volantes com Khedira.

Volantes, vírgula. Porque Khedira o jogo todo, todos os jogos, está na área rival. Articulando com Ozil (que não brilhou contra os argentinos), o cada vez melhor Muller, e o recuperado Podolski, bem aberto no 4-2-3-1 alemâo. Por vezes um 4-4-2 para esperar uma Argentina que se abriu e escancarou uma defesa com um goleiro pavoroso – Romero -, um zagueiro pesado – Demichelis -, e um Heinze de origem controlada.

A Argentina se atirou ao ataque. Mas quem foi mais letal e brilhante foi o time alemão