Flamengo 2 x 1 Vasco

por Mauro Beting em 11.abr.2010 às 19:05h

 

* Ainda não dá para comentar o jogo que pouco vi no primeiro tempo, e só li e ouvi na segunda etapa. Apenas que Vágner Love continua letal, o Vasco continua confiando pouco no próprio talento, e a arbitragem no Rio segue ruim do apito. No mínimo.

 

* Nem toda bola na mão é falta. Nem toda queda é pênalti. Dá para discutir, e muito, cada um dos lances de sábado e, sobretudo, os de domingo. O que não dá mais é que, infelizmente, o nível e o número dos erros é muito grande para tamanha história.

 

* O único palpite que acertei nas semifinais da Taça Rio foi dizer que Flamengo x Vasco seria definido nos pênaltis – e a favor do Fla. Acabei não errando tanto.

 

* Não teria marcado num primeiro momento o pênalti de Márcio Careca em Leo Moura. Depois, é possível interpretar que aconteceu o empurrão do lateral vascaíno. No Brasil, dá para marcar esse tipo de pênalti que raramente se marca na Europa.

 

* No lance reclamado pelos vascaínos no final do jogo, aos 42 minutos, o próprio Williams teria marcado a mão na bola dentro da área, impedindo Thiago Martinelli de cabecear. O árbitro ao lado da trave deveria computar como público não pagante. Nada faz, nada ajuda, nada vê. Quase como o árbitro principal.

Tags:

  • Torcedor

    COMPLETAMENTE MEDÍOCRE O SEU RESUMO, EU TERIA VERGONHA DE PUBLICAR TAMANHA MERDA SEM NEM AO MENOS TER VISTO O JOGO.