Flamengo. Botafogo. Seco.

por Mauro Beting em 27.jan.2010 às 9:37h

* Love. Adriano. Love. Adriano. Love. Gol. Golaço. 3 x 2 no Americano. O placar, de novo, apertado. Maldonado e Aírton fazendo falta na defesa ainda vulnerável. Mas o golaço, o terceiro, é para emoldurar. E mostrar que Love e Adriano dão samba. Ainda mais com Petkovic bem pertinho e disposto.

* Não está legal o futebol. Mas o desempenho é 100%. Tudo que o Flamengo precisa para poder, se tudo der ainda mais certo, tirar o time da reta na Taça Rio para pensar no que importa e exporta – Libertadores. É ganhar a Taça Guanabara e seguir o planejado. Mas, para tanto, é preciso derrubar Fluminense e Vasco. Que pintam estar melhores que o esperado.

* Lúcio Flávio. Alessandro. Eduardo. Fahel. Nomes do índex da torcida do Botafogo. Como jogar – ou tentar jogar – com tamanha cobrança, com ou sem razão? O Botafogo venceu o Tigres do Brasil poir 2 a 1 para poucos gatos pingados em São Januário. E não voltará tão cedo a atuar bem com tamanha cobrança.

* Joel Santana parece um acerto exatamente pela capacidade de, na conversa, driblar as dificuldades do elenco, e tentar reparar as fraturas entre a arquibancada e o grupo.

Tags:

  • Rodrigo

    Mauro, como assim o Botafogo não voltará a atuar bem tão cedo? o Botafogo não atuou bem. Podia ter tomado outros seis gols, se o Tigres não fosse tão sem pontaria.

    Se o jogo tivesse terminado empatado, mesmo assim o Botafogo teria saído num lucro bem grande! Como venceu, o lucro foi comparável a um prêmo da Mega Sena! Time ruim, mas de sorte!

    O Flamengo voltou a repetir as bobagens defensivas, e o árbitro voltou a cometer erros “estranhos” contra o Flamengo.

    No jogo anterior, o Wágner dos Santos Rosa (que conheço pessoalmente, e é tricolor), inventou um pênalti contra o Fla e deixou de marcar um claríssimo a favor.

    Neste último jogo, o outro juizão também aprontou das suas. Não marcou faltas em várias botinadas dos jogadores do Americano e, não contente, expulsou o Léo Moura por reclamação, após este ter sido puxado pelo adversário. Tudo isso por mais uma falta ignorada pelo homem do apito.

    Tem algo muito estranho no ar. Se estão fazendo isso com o Flamengo, contra os pequenos, o que aprontarão contra os grandes?

    Parece que não querem ver o Flamengo campeão. Espero estar enganado…

    Um abraço.

  • Anselmo Z

    Bem vindo de volta, Mário Betti. Ainda estou aguardando um papo de boteco, ams tenho certeza de que vai pintar neste fim de semana.

    Bom, você, que adora uma explanação teórico-tática da forma de atuar das equipes, poderia explicar ao Andrade e a mim também como um time pode ter consistência defensiva jogando com 3 postes no ataque: Adriano, Love e Pet.

    Calma lá, eles são postes apenas na parde defensiva, com a bola no pé são gênios. Infelizmente, acho que vamos sofrer muitos gols ainda com esse trio; é o clássico exemplo de formação que faz 6 mas leva 4.

    O Flamengo só foi campeão brasileiro porque teve equilíbrio entre defesa e ataque. Mas nem tudo está perdido, penso que a volta de Maldonado e Williams trará a consistência defensiva necessária para equilibrar novamente o time, atuando no 4-3-1-2.

    Só um recado para o Andrade: O Flamengo tem o melhor elenco do Brasil (concorda, seu Betti?) mas não adianta nada se ele não coloca o povo para jogar. No último jogo o time estava lento e previsível e mesmo assim o Pet só saíu no fina para entrar o beatle Lenon, uma alteração do tipo “segura-jogo”, deixando o ótimo Vinícius Pacheco no banco.

    Enfim, seu Mário, gostaria que você discorresse um pouco sobre a qualidade do elenco rubro-negro e sobre a enorme quantidade de variações táticas que este elenco proporciona ao Andrade.

    Amplexos e bom retorno!

    S.R.N.

    ANSELMO, valeum, amigo. Como ainda estou em pré-temporada, volto ao boteco só esta semana. E, de fato, vc foi preciso na explicação. mas o time vai se encaixar.

  • Ricardo Santana

    Olá Mauro Beting,

    Primeiramente gostaria de dizer que sou leitor assíduo deste blog.Quem dera se todos os comentaristas paulistas e cariocas tivessem a mesma forma de ver o futebol que vc tem!!
    Acabaria o bairrismo babaca!!
    Quanto ao post concordo em genero numero e grau, o Botafogo de Joel será outro Botafogo, mas infelizmente com as mesmas peças, o que vai demorar para arrumar a retaguarda, o meio e o ataque!!
    No mais,

    Grande abraço pra vc!!