Presidentes e torcedores

por Mauro Beting em 26.nov.2009 às 11:47h

Se o presidente do Corinthians que estudou até o sexto ano do antigo ginásio (e que vai dar toda a renda do clássico contra o Flamengo para o Carnaval de uma torcida profissional…) bradasse o que berrou de um rival o catedrático presidente do Palmeiras numa festa de torcida profissional, imagine a reação da mídia…

Infelizmente, todos nós fazemos média.

Todos.

E, na média, apoiamos quem está acima dela.

Quando precisamos de gente nova e/ou com ideias e ideais, e o presidente do Palmeiras está muito acima da média (e, pelo visto, muito além da mídia), vermes e verbas comem e corroem quem vem do bem.

E gente ótima se perde em frases infelizes, nas tribunas ou nas torcidas

organizadas.

Claro que ele não quis matar ninguém. Nem vai querer.

Ainda mais claro é que um presidente de clube precisa pensar como torcedor muitas vezes. Mas não falar como tal. Até para não ser distorcido.

P.S – Assim como o destempero do presidente palmeirense não pode ser levado ao pé da letra e ao pé de guerra, qualquer reação mais violenta e virulenta contrária é tão despropositada quanto. O que se deve é apenas lamentar a intolerância que vivemos.

Tags: ,

  • Gabriel

    Grande Mauro. Aqui no Brasil o ensino médio só tem três anos. Um abraço

    GABRIEL, à epoca, era o sexto ano do ginásio.

  • Rodrigo Coelho

    Boa tarde, Parabéns Mauro!!! Primeiro pelo seu brilhante trabalho como jornalista esportivo. E segundo pelo comentário feito a respeito das declarações do presidente do Palmeiras!!! O que você disse, (que se fosse o presidente do Corinthians, a repercução seria outra), foi exatamente o que pensei quando ouvi ontem (na rádio bandeirantes no Esporte em Debate), as atrocidades ditas pelo Beluzo. Se fosse o Andres Sanchez, iam falar, repercurtir, especular, muito mais!!! Só porquê vem de uma pessoa formada e de uma reconhecida inteligência, está se falando pouco a respeito, e pior, falando de forma branda!!! Aleás, que raios estaria fazendo um presidente de clube numa festa de torcida organisada? Aleás, não duvido que outros presidentes também participem deste tipo de festa, e isso na minha opinião é estremamente, absolutamente e totalmente errado!!! O que mais me deixa estupefato, é que ao invés de uma pessoa culta e inteligente como o Beluzo mudar o futebol, é o meio do futebol que está mudando o Beluzo!!! e pra pior!!! Acho que os dirigentes devem apenas cuidar de seu clube, e não perder tempo com provocações contra os ditos (co-irmãos). sou corinthiano, mais sempre achei errada as provocações feitas pelo Citadine em relação ao São Paulo. Como acho também um absurdo certas provocações feitas pelo Marco Aurélho Cunha em relação ao Corinthians. O ideal é que as provocações fiquem apenas entre torcedores, (desde que seja de forma sadia e sivilizada é claro). A única coisa que eu descordo, é quando a imprenssa diz que este tipo de provocação de dirigentes, inssita o torcedor a brigar no estádio. descordo totalmente!!! acho que primeiramente quem vai pro estádio pensando em brigar, agredir, matar, não é torcedor, é marginal infiltrado no meio das torcidas!!! e segundo: acho que o cara que vai pro estádio pra arrumar briga, arruma briga de qualquer jeito, com ou sem insentivo de declarações polêmicas de dirigentes. Observação final: Essa história do Andres querer dar a renda do jogo de domingo pras torcidas organisadas que mantém escolas de samba, é um grandioso e retumbante absurdo!!! Nem se o timão tivesse nadando em dinheiro, acharia isso correto, quanto mais sabendo que não está!!! isto é lamentável!!! espero que ele reflita sobre este disparate e mude de idéia, (sonhar não custa nada, né? (já diria a sélebre frase que está em seu livro A vida é a vida, na página 1878964)). Abraços Maurão, e mais uma vez parabéns pelo seu brilhante trabalho como jornalista!!!

  • Vanderlei Oliveira

    Caro Mauro,sou são paulino doente e sinceramente acho engraçado essa raiva,esse ódio que nossos principais rivais sentem do meu grande São Paulo,afinal não vejo esse mesmo sentimento em relação ao Santos ou a Portuguesa,se despertamos esse tipo de sentimento é porque estamos fazendo muito bem nosso papel,conquistando titulos,aumentando nossso grande patrimônio,nossa grande história.Como também acho engraçado quando os corintianos se esforçam em dizer que seu grande rival é o Palmeiras e que nem ligam para o tricolor que tanto faz ou tanto fez,isso só mostra a inveja que despertamos,vide a nova camisa que foi lançada no mercado:O MAIS ODIADO.Porém isso não pode e não deveria vir de pessoas como o Belluzzo,como o Andrés,pois eles ocupam posições que não cabem esse tipo de comportamento e isso mostra o porque cada clube ocupa as atuais posições,enquanto o São paulo acaba de aprovar um grande financiamento do BNDS para aumentar e abrilhantar ainda mais seu patrimônio e está prestes a ganhar um histórico tetra campeonato,o Palmeiras tem jogadores brigando em campo e precisando de ”parceiros”para tentar brigar por alguma coisa e o Corinthians está ai cheio de dividas e com presidente doando dinheiro para organizadas numa atitude pra lá de estranha.

  • Arthur

    Se a fala viesse de uma pessoa com pouca instrução, seria digno de pena. Porém, vindo de um catedrático é digno de medo! Eu torço para que seja no mínimo banido de seu cargo e passe por uma reabilitação para reaprender a viver em sociedade!

  • http://www.creativebox.com.br Leandro Senna – SBCAMPO/SP

    Acho que não tem defesa para o Sr.B
    Nem média.

    Lamentável, apenas.
    Inclusive para todos que gostam de futebol e não só para a porcada.

  • Almir Moura

    O grande X da questão (e dos questionamentos) não é nem o papo e a falta de papas na língua pra voziferar “vamos superar os cordiais tricolores paulistas”, nem mesmo “vamos exterminar os wiskes black-red-whites”.

    Mas sim analisar como um dirigente que se diz (e dizem ser) diferenciado possa assumir posturas e comportamentos tais quais os protagonizados por Belluzo.

    Não é que ele deva ser certinho e politicamente correto sempre, mas nem por isso pode extapolar desta forma e maneira.

    Um meio termo talvez, ficasse de bom tamanho.

    Afinal de contas ele era – pelo menos até pouco tempo atrás – um template de dirigente nota dez, moderno, hours concurs.

    Supostamente desprovido das mazelas que atingem boa parte dos nossos comandantes futebolisticos, e por isso mesmo, se esperaria dele um comportamento no mínimo exemplar.

    Bem diferente do que se viu nos casos citados.

    Tudo bem, o presida do Verdão é ser humano como todos nós aqui e por isso também tem todo direito de errar.

    No entanto, que ele não espere o mesmo respeito e a mesma boa imagem e impressão que tinha antes.

    Pois, como o filme vendido não foi exatamente o assistido.

    O dele, infelizmente se queimou…

    Abraços,

  • Thiago Durante

    Mauro, chega de falso moralismo e hipocrisia, isso é oq está levando o futebol para o fundo do poço, num local totalmente sem credito e com pessoas descrentes de tudo.
    To cansado de ver bons moços sendo masacrados ao vivo na tv.
    Chega de abaixar a cabeça, chega disso.

    Já passou da hora do futebol deixar de ser essa fabrica de interesses.

    To cansado de ver o Palmeiras ser maltratado pela midia.

    E outra coisa.
    Todos sabem da postura assumidamente arrogante dos São Paulinos auto entitulados “bambis”.
    Se na midia são assim, imagina nos bastidores…

    Por favor, o futebol nunca foi lugar de santo e nunca será!!!

  • wanderley severino

    Ainda bem que ele está acima da média, já pensou o que diria se não fosse? Melhor assim, pois atitudes bestas (não bestial) como estas para os da média, resultaria em inquérito na justiça comum(que só existe? para os comuns). O tempo é o remédio de todos os males, afinal, este respeitado senhor da minoria rica e intelectual do BRASIL, anda deixando a máscara cair, e quem está quase morto, é o time de um dirigente, que mesmo sabendo o nível de periculosidade de todas as organizadas, disse todas, vai lá mostrar sua intelectualidade; imbecil é muito pouco para ele, e o melhor é deixar pra lá, vela com defunto ruim, diz o ditado, que é para não se gastar; lamentável…

  • David

    Mauro,

    Claro que o Beluzzo não quer matar ninguem…

    E, diferente do que muitos tem dito, acho minimas as chances da torcida do palmeiras interpretar as suas palavras de forma literal e toma-las de incentivo pra sair caçando bambis por ai…

    Porem, a pior das consequencias desses seus brados ridiculos, é o grau de provocação vindo do presidente do palmeiras a toda uma torcida rival, que não atura bem o apelido com conotação sexual, e viu seu time sendo tido como morto no campeonato e agora esta com a chance de fazer o contrario virar realidade.

    Acho eu que se o SPFC viver e o Palmeiras morrer, a violenta torcida tricolor tera motivos suficientes pra fazer guerra. Querer descontar a raiva que sente de tais provocaçoes!

    Vc Mauro, nao parece ser do tipo q cederia a empolgacao pra gritar coisas assim. Parece sempre tao respeitoso aos outros clubes, e respeita sua profissao quando é profissional sensato como é. Mas se vc sai da sua compostura um dia e sobe em cima da sua mesa no studio de TV e xinga a torcida do flamengo de um monte de bichas e diz q foram destruidos contra o goias e agora o Palmeiras vao mata-los… eu te digo: Vc estara com mtos problemas se quiser andar nas ruas do Rio de Janeiro.

    Tudo errado, mas dentro do errado, maior absurdo é quem tem o microfone na mao se comportar assim como barbaro dando motivo aos verdadeiros barbaros pra fazer o q fazem melhor.

  • David

    PS. Eu sei q vc discorda do Belluzzo… mas falando em fazer media vc fez media, chamando de apenas frases infelizes o absurdo que ele fez.

  • http://epodesigners.spaces.live.com Eduardo Passos

    Que comparação, Mauro Beting!

    O Andrés não tem metade da formação educacional do Sr. Beluzzo, mas comete menos “Irresposabilidades” do que o Presidente alvi-verde. Ainda bem que eu não tenho diploma superior, pois só o meu “Ensino Médio Completo” comprova que a minha resposanbilidade em manifestar minhas opiniões não chegam agredir ninguém.

    Se ter diploma superior pra ser um “Facista” e ficar ameaçando a todos, como resposta, não precisa ter um diploma superior para não levar pessoas Diplomadas como o Sr. Beluzzo a sério.

  • http://www.blogdoemira.blogspot.com Paulo

    Fala Mauro!

    Falou tudo!

    Eu, falo nada!

    A mídia continua falando muito.

    Quando devia falar pouco, quase nada.

    E o Belluzo?

    Do bem. Acima da mídia e da média, sim.

    Mas com uma faceta de falastrão.

    Prefiro assim. O sangue tem que falar.

    Nós, “italianinhos”, somos assim.

    Abraço!

  • Rasangui

    VAMOS MATAR OS BAMBI
    VAMOS MATAR OS BAMBI
    VAMOS MATAR OS BAMBI
    ELES JA MORRERAM HOJE
    VAMOS MATAR OS BAMBI
    PALEEEEEEESTRA

    Foi ridiculo demais,infelizmente ele nao estava mesmo preparado para ser Presidente do Palmeiras.

  • Carlos Lopes

    Mauro, o texto acima, deve ser gravado na lapide sobre o túmulo de sua carreira. O texto politicamente correto apresentado por você, é horrendo. É o “Tratado de latrão” da “Questão Palestrina”, é mais uma das anedotas que ditas e repetidas mil vezes, acabarão aceitas como verdade.Você, e todos os grandes jornalistas deste país, devem repudiar o comportamento do “Duce” alviverde durante o “evento” .O “Duce” alviverde, a cada dia, a cada atitude, cada instante, comprova e confirma as palavras de Abraham Lincoln, a saber,o décimo sexto presidente dos Estados Unidos da América do Norte: “Quase todos podemos suportar a adversidade, mas se quereis provar o caráter de um homem, dai-lhe poder.” O poder. Dádiva para construir, para fazer melhor. No caso do “Duce” alviverde, o poder hoje por ele ostentado, é para sua derrota. Mauro, você não deveria atacar de forma velada aqueles que, possuem opinião diferente e extremamente contundentes sobre o vídeo do “evento”.Hoje, o seu time de coração é a confraria do bolivarianismo clubistico do futebol brasileiro. O “evento” diante de sua “milícia” os “camicie verd” fala por si só.

    Depois de ver o vídeo do “evento” e ler seus escritos sobre, Abraham Lincoln diria sobre suas palavras:

    “A demagogia é a capacidade de vestir as idéias menores com as palavras maiores.”

    CARLOS, eu só lamento, e muito, uma pessoa tão inteligente como vc desgostar tanto de um cara esforçado como eu. a maior diferença entre tantas que temos é a sua virulência e contundência. eu costumo ser mais sutil. apenas isso. mas para alguém inteligente como vc, acredito que o meu jeito de escrever passou a mesma ideia que vc. apenas os termos foram outros.
    PS: Pelo visto, a sua resposta às palavras do presidente do Palmeiras seriam do mesmo nível. E ambos estariam errados no episódio. Como acredito que estão errados aqueles que acham que é algo trivial. Tanto quanto aqueles que pegam pela letra cada vírgula do destempero do presidente palmeirense.

  • Rodrigo Sales

    Só uma coisa…..

    Você tem certeza que é Palmeirense??? Ou fala que é só para vender livros???

    Lamentavel essa sua colocação, comparação e opinião…

    Essa é a nossa ” IMPRENSINHA!! ”

    RODRIGO, vc tem todo o direito de discordar.
    mas, como de costume, troca as bolas.
    então eu sou palmeirense só para vender livros, apresentar a festa do clube gratuitamente, e escrever o roteiro de um filme a respeito da história?

    brilhante linha de raciocínio.

  • Gabriel Garcia

    Mauro, é de muitissímo prazer que estou deixando esse comenário em seu Blog. E quero dizer que vc é u dos melhores comentarista da televisão brasileira.

    Acho que o presindente do Palmeiras foi infeliz em dizer isso porque uma pessoa estudada como ele não deve falar isso nem com boa nem má intensão! ele tem que apanhar de cinta!

  • José Guerra

    Mauro, não entendi?
    Quer dizer que doar a renda do jogo para o carnaval da Gaviões é pior do que bandido dar palestra p/ jogadores?
    E que o Profº Beluzzo por ser “catedrático”, mas ditador, não merece ter sua atitude reprovada e criticada?
    Ele pode não querer matar ninguém, mas os imbecis de plantão, esses sim estão lá, loucos para fazer baderna e descontar sua raiva em gente de bem, que vai aos estádios só para torcer e incentivar o seu time.
    Chega, basta de hipocrisia até quando o Sr. Beluzzo vai se perder nas suas “frases infelizes” e achar que os outros distorcem as suas palavras, ele merece sim ser criticado. Abraços.

  • Luiz com z

    Pois é…aos poucos a verdade vai aparecendo.

    Sempre desconfiei q esse cara não era a última bolacha do pacote, um cidadão acima de qualquer suspeita, um favorecido pelos deuses do Olimpo, como a quase totalidade da mídia escrita, rádio, TV e blogs esportivos quiseram nos passar.

    Entoaram loas à modernidade q esse velhote senil e com Alzheimer traria pro futebol. Economista renomado (pois é, contribuiu com o esbulho q foi o Plano Collor…lembram-se das suas poupanças e C.C.?), intelectual não sei o q, fino, educado…tô vendo. Acho q o verniz aparente desbotou.

    Parece um caso de dupla personalidade, tipo Mr. Hyde e Dr. Jeckill. No fundo, conseguiu ser pior q outros como os nefastos sanchez, mustafá, duailib, eurico miranda (é, em minúsculo, mesmo). Pelo menos, esses toscos citados são autênticos, não querem passar o q não são.

    Esperar isso de uma pessoa menos letrada já seria uma atitude grotesca, para um cara tão sábio, o fato em si, ao invés de diminuir a importância, só aumenta e amplifica, é agravante. Sua atitude foi no mínimo irresponsável.

    E ainda tem a pachorra de falar q é brincadeirinha. Vamos ver se ele lembra de confortar as mães dos seus amados torcedores porcos no velório dos mesmos, após um breve incidente numa estação de metrô com os “bambis”.

    Presidente de clube q não sabe se portar como tal! Babaca!

  • marcão banca forte

    O BELLUZZO FOI INFELIZ NA FRASE, ELE DEVERIA TER FALADO : VAMO COME OS BAMBI,PORRA!!!!!!!!!!!!!!MAIS AI É MUITA REDUNDÂNCIA NÉ MAURO.” SAUDAÇÕES CORINTHIANAS “

  • marcão banca forte

    MAURO, QUEM MANDA OS CARAS SEREM VIADINHOS, É BAMBI E É BAMBI MESMO. CHORA BICHARADA

  • Nivaldo

    Infelizmente, todos nós fazemos média. Todos. Pois é, foi o que vc fez, atacou alguém que não tem nada a ver com o assunto: “Se o presidente do Corinthians que estudou até o sexto ano do antigo ginásio (e que vai dar toda a renda do clássico contra o Flamengo para o Carnaval de uma torcida profissional…)” Mordeu e depois assoprou, para corroborar sua tese, mesmo sendo extremamente indefensavel; o Beluzzo fez uma tremenda cagada, ponto. Isso sim é fazer média com a midia. Faça sem colocar quem não tem nada a ver com o assunto.

    NIVALDO, aproveitei para colocar o Andrés e já cornetá-lo na questão da renda apenas para comparar situaçoes e pessoas. é até um elogio a ele. não deturpe as coisas.

  • Rodrigo Sales

    É Mauro Beting, você como Palmeirense, está abordando os assuntos do Palmeiras igual aos jornalistas torcedores de outros clubes.

    O Professor Belluzzo não precisa fazer média com ninguém, apenas prestigiou um evento e falou que o sp estava morto NO CAMPEONATO.
    Ele não precisa do futebol para sobreviver, ele tem uma vida própria, e por sinal MUITO BOA, um economista renomado, não se compara ele com o Andrés.
    Outros Presidentes e alguns jornalistas gostam de fazer média, uma média mais ponderada, mas fazem. só que como ele falou algumas coisas sobre arbitragem, agora tudo será utilizado contra ele, qualquer palavra.
    Engraçado que os erros contra o Palmeiras não é falado né!!??
    Respeito sua opinão, mas a forma abordada por você não agradou acredito que nenhum Palmeirense de VERDADE! Só serviu de chacotas para os rivais.

    RODRIGO, entendo o seu posicionamento, como entendo algo da ira do Belluzzo. muita gente querida e próxima adorou o que ele falou. muita gente querida e próxiam detestou. o que não os fazem menos ou mais palmeirenses. como vc. como eu.
    não é umq questão de palmeirenses contra são-paulinos, amigo.

  • Vinícius

    Mauro,

    Vim a conhecer seu blog há pouco tempo, mas cada dia mais me divirto e me encanto com sua capacidade de sair do lugar comum da mídia esportiva.

    Dentre tantos que se dedicam ao assunto, seu texto se destaca por aliar simplicidade, modernidade, inteligência, isenção e até poesia.

    Se não bastasse, consegue ainda respeitar até mesmo os comentadores que não merecem, sem deixar de dar respostas duras, mas educadas, quando apropriado.

    Grande abraço,

    Vinícius

  • gabriel de paula

    Mauro UMA VEZ NA VIDA RESPONDA UMA PERGUNTA MINHA

    Voce acha mesmo que um cara que :

    1- Foi ministro do Sarney
    2- foi mentor do clano cruzado
    3- Foi secretário do governo Quercia

    é mesmo tão bom como pintam ?

    pra min ele não passa de um economista que criou o pior plano economico da história do país e um politico que, quando esteve na vida publica, se aliou a COLLOR, SARNEY e QUERCIA.

    Sinto muito orgulho de ter tido Marcelo Portugal Gouveia como presidente do meu time. O maior dirigente que o futebol já viu.

    O Belluzo? um sem noçao……

    GABRIEL, todos nós, uns mais, outros menos, temos alguns amigos “indefensáveis”. o Belluzzo, de fato, é amigo, muito amigo, do Lula e do Serra. Eu tenho muitos amigos indefensáveis. mas são meus amigos.
    por vezes, o Belluzzo se perde. mas como ele procura muitas vezes o melhor lado da coisa, continuo gostando dele. mesmo com arroubos. e sem roubos.
    de fato, MPG foi um ótimo presidente, como JJ também é. o que não significa dizer que sejam pessoas maravilhosas – nem que sejam detestáveis. o futebol é assim,. a vida também.

  • Milton Oliveira

    O presidente do Milan faz coisas piores.

    Estou fazendo média em dizer isso?

    MILTON, vc, não. e, quanto a ele, aqui à distância, tb não faço.
    mas vc não faz média. aliás, está muuuuuito acima dela. até quando discordo de vc.

  • Milton Oliveira

    Por falar em média, eis o top 5 das últimas de nossa varonil imprensa esportiva:

    1. Luxemburgo tira Roberto Brum do Santos a pedido de Robério de Ogum. Brum é evangélico. Robério do Ogum, pai-de-santo. Nenhuma linha.

    2. O péssimo trabalho de Muricy no Palmeiras. Falar em panos quentes é porco, ops, é pouco.

    3. Todo mundo (STJD, Corintinhans, Grêmio) querendo ferrar o SPFC. Vai ter até corpo mole na próxima rodada. Ficam só de longe, como se a conversa não fosse com eles (jornalistas esportivos)

    4. O erro de Simon no jogo palmeiras x fluminense. Olhando melhor, sabe que tinha mesmo uma mão de Obina por ali? Mas aí já arrebentaram o CESimon. Ninguém mais falou nada…

    5. Santos Futebol Clube. A maior decepção do campeonato brasileiro de 2009. Vice-campeão paulista. “Discretamente” brigando para não ficar próximo à zona de rebaixamento. Um trabalho medíocre de um treinador que só ganha quando tem seleções na mão. Ninguém diz nada.

    Ô Mauro, todo mundo faz média, é verdade.

    Mas ó vocês transformam ela em arte.

    Segue a caravana…

  • http://blogdojaovitor.blogspot.com/ João Vitor Dias de Sousa – 17 anos – Santo André/SP

    Belluzzo agiu de forma muito errada,ainda mais num mundo cheio de técnologias que esse se tornou,não tomou cuidado,e falou o que não devia,logo no fim do campeonato.
    Eu achava(acho) que ele ainda pode mudar alguma coisa,mas terá que ter boas atitudes à partir de agora,pois teve essa e a atitude contra o Simon,que não parecem aquilo que ele parecia ser,um cara sábio,tranquilo e que sabe o que está fazendo.
    Bom,aqui em Santo André nosso presidente é dono do jornal,da companhia de ônibus e o clube é empresa,mas deve milhões.Ele ainda pode estar envolvido na morte do ex-prefeito daqui,ou seja,mafioso.Isso,o Belluzzo não é!

  • Tiago

    Beting, parabéns pelo texto. Boa parte da imprensa, especialmente, aqueles q torcem para o sao paulo (mais conhecidos como “bambis”) estão detonando o Beluzzo, uma perseguição implacável, como se fosse um criminoso. E sabe o pq? Só pq ser autêntico e transparente hj é um defeito, na visão de muitos.. e principalmente, pq esses sao paulinos de plantão estão com medo.. medo de perder a hegemonia para o palestra.. pois com Beluzzo nao tem essa de bom e barato.. o cara investiu, segurou jogadores, trouxe o Love, o Muricy, etc… se vai ser campeão ou não.. ai eh coisa do futebol.. nem sempre vence o melhor, as vezes os jogadores são incompetentes.. mas a culpa, dessa vez não é da diretoria… pelo menos temos alguns bons jogadores no elenco… pq antigamente era cada coisa q não dava nem pra sonhar com título! Quanto ao q ele disse, prefiro não comentar a hipocrisia existente no meio do futebol hj… Eh isso.. eh perseguição por medo!!! SOU PALMEIRAS, SOU BELUZZO! Abraços!

  • Fabio Villa

    Mauro,

    peço que vc, como um jornalista conceituado e de prestígio, faça uma justa defesa do Belluzzo, nesse caso das declarações dele, na festa da Mancha Alvi-Verde.

    A mídia, colocou e deu ênfase, a uma parte da fala do Belluzzo (“Vamos matar os bambis!!!”), mas não colocou a oração inteira, pois antes dessa declaração, ele dizia que o time tricolor, havia perdido um jogo, e caso o Palmeiras ganhasse do Flamengo, “mataríamos” o SP, nesse campeonato!!!

    Veja como muda de figura, essa declaração, que foi amplamente divulgada, sem que em nenhuma vez, fosse questionado o fato do Belluzzo ter subido no palco para dar apenas aquela declaração inflamada…

    FABIO, INDISCUTIVELMENTE, e por conhecer muito bem o Belluzzo, não era a real intenção dele o que falou. mas, evidentemente, e por não estar numa festa de escoteiros, era melhor ter se portado de outro modo. mas entendo a sua grita. não a dele.

  • marcelo aparecido de lima

    Mauro é um prazer ler seu blog todos os dias, é a primeira vez que comento, como SÃO PAULINO fico impressionado com a dor de cotovelo dos torcedores e dirigentes ,dos times paulistas, pricipalmente do Palmeiras, que vive de um passado distante, da academia, e depois a era parmallate, sem ganhar um titulo de expressão,a 10 anos e um brasileiro a 15, o palmeiras ainda acha que é uma super potencia do futebol brasileiro, seus dirigentes,precisam cuidar melhor do proprio clube, e não ficar encomodado com o clube ao lado do seu muro, antes do luxemburgo, não tinha sequer uma academia de ginastica descente,e já é o terceiro ano consecutivo que o Palmeiras morre na praia, Se tratarem melhor o Palestra, talvez reecontrem o caminho dos Campeonatos

    abraços Marcelo de Itanhaém

  • http://futebolmusicaetc.blogspot.com Wilson Hebert

    Mauro, me permita discordar da sua opinião.

    Primeiro que na minha visão, apesar de imprensa errar várias vezes, dessa vez não houve erro de interpretação. A minha linha de raciocínio nesse caso é muito simples: quando o Sr. Belluzo assumiu a presidencia do Palmeiras, futebolisticamente ele deixou de ser apenas um torcedor alviverde, para se tornar um homem público. Portanto, deve agir, pensar e falar como tal. Em qualquer lugar. Ainda mais hoje em dia que a velocidade é mais rápida que o piscar dos nosso olhos.

    Independente do que cada um entendeu nas suas declarações no vídeo da Organizada, ele não deveria nunca ter mencionado as palavras “bambi” e “matar”. E eu não estou falando de significado do termo. Estou falando de oratória.

    Você citou o presidente corinthiano, que estudou até sexto ano do antigo ginásio. Pois bem. Numa apresentação de algo do Corinthians, que eu não lembro direito o que foi exatamente, mas tem pouco tempo, houve um telão onde apareceu um bambizinho, fazendo menções ao São Paulo (pouco tempo depois do Sanchez ter falado que seu time nao jogaria mais no Morumbi). E qual foi a atitude do presidente que estudou até o sexto ano do antigo ginásio? Ele pediu desculpas em público e disse que não sabia que aquele bambizinho apareceria na tal apresentação.

    É isto. Estou falando de oratória partindo de uma pessoa pública. Ele até pode ter aprovado tal exibição de imagens. Sim, porque ele é um torcedor. Mas se saiu muito bem na hora de falar para o público, em especial para a imprensa.

    No caso do mandatário palmeirense, ainda tem um precedente bem agravante. Ele chegou a apoiar uma agressão física contra o Simon. Assim fica difícil não levar ao pé da letra e ao pé de guerra, o ‘destempero’ do presidente do Palmeiras.

    Abração!

  • http://futebolmusicaetc.blogspot.com Wilson Hebert

    Mauro, esse link abaixo traz uma matéria sobre o fato que eu mencionei relacionado ao bambizinho e o presidente Andres Sanchez:

    http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Times/Corinthians/0,,MUL1322348-9862,00-SANCHES+SOBRE+IMAGEM+DO+BAMBI+SE+EU+TIVESSE+VISTO+JAMAIS+TERIA+AUTORIZADO.html

    PS: Não precisa aprovar esse comentário do link. Sei que é o endereço de um concorrente do lancenet. Mas estou enviando só pra você se lembrar do que estou falando, caso tenho se esquecido.

    Abraço!

  • giovani

    Agora eu me pergunto: O que o Mauro falou de tão errado pra merecer estes comentarios idiotas ai de cima?
    Ele é palmeirense sim, mas pelo jeito não é nehum fanatico. Muito pelo contrario. Pra mim ele é o melhor jornalista esportivo da atualidade. E por ser o Melhor, só podis ser Palmeirense.

  • Anderson Silvano

    Mauro, otima colocação.
    Estou absmado quanto pano pra manga deu esse assunto.
    Mas de todos os comentários acredito que o Antero Greco foi o mais feliz.
    Simples e correto.
    Estamos dando muito valor e levando muito a sério coisas que não deveriam ser tão discutidas.
    Muito melindre e muita média.

  • davidoff72

    Concordo com o que você diz sobre a imprensa fazer média e sobre a intolerância generalizada que impera nos dias de hoje, muito embora alguns comportamentos realmente não mereçam complacência nenhuma. Na minha opinião, a atitude do bélico Prof. Belluzzo é uma delas. Aquelas palavras na sede da Mancha Verde são tão perigosas quanto fumar num posto de gasolina. E continue sendo o palmeirense gente boa, competente, equilibrado e imparcial de sempre (pode se gabar dos elogios, pois eu sou chato pra caramba).

  • Carlos Marques

    Um austriaco, numa cervejaria da Bavaria também fazia uso de “PALAVRAS…” para incitar a massa ignara e naquele começo do seculo passado os camisas pardas que o seguiram causaram o que causaram…

    Incitamento à violência se faz com “PALAVRAS…” que, dependendo de quem as ouve, transformam-se em atos.

    Nenhuma torcida, pardas, verdes, qualquer cor, deve ser incitada.

  • Fabio Villa

    O texto bem escrito por um amigo…

    “Dizem que apenas duas coisas movem as atitudes humanas: a busca pelo prazer e a fuga da dor. Mesmo o auto-sacrifício não consegue escapulir destas duas regras, porque sacrificar-se por algo provoca o prazer de alcançar o objetivo almejado, ou pelo menos evita a dor de carregar a sensação que poderia ter feito algo e não fez.

    Se eu não escrevesse ou comentasse nada do que vi, ouvi e li hoje, não conseguiria conviver com o pensamento de que a mediocridade, a baixaria, a manipulação venceram mais uma vez. Vamos aos fatos:

    Circulou na internet um vídeo filmado no dia 17 de outubro (após os bambis perderem pro Galo mineiro em casa e às vésperas do nosso jogo contra o Flamengo, que poderia em caso de vitória nossa, abrir 8 pontos de vantagem na cabeça do time da ditadura, aí sim, os bambis estariam bem mortos) em que o Presidente Belluzzo, durante uma festa na Mancha_Alviverde afirma muitas coisas interessantes: “Tem que haver união entre torcida, time e diretoria…Vamos fazer deste clube o maior do Brasil… Vamos matar os bambis, eles já perderam hoje, Vamos matar os bambis!” Antes de prosseguir é necessário um esclarecimento: este comentário não é para afirmar o óbvio. É para mostrar um outro processo em andamento, este mais sutil. O óbvio, qualquer um com um mínimo de capacidade de pensar, já sabe ou imagina, mas não custa nada lembrar:

    .

    a) a fala foi totalmente descontextualizada

    b) foi dita em um momento de grande euforia e alegria

    c) foi dita em um ambiente fechado e privativo

    d) os termos usados são do jargão futebolístico

    e) a menos que os são paulinos se achem bambis, não podem se sentir ofendidos.

    .

    A reação da nossa “Jenial Imprença Exportiva” também é óbvia, mas não custa nada lembrar os motivos deste comportamento.

    .

    a) Belluzzo foi o único com culhão de peitar a máfia do STJD, então agora é preciso desqualificá-lo

    b) Muitos da imprensa realmente não tem capacidade intelectual para perceber o contexto da afirmação. Alguns estão até sendo sinceros quando acham que após isto os Palmeirenses iriam sair matando sãopaulinos na rua. Como diria Mário Quintana, “a burrice é invencível” e com essa gente eu simplesmente não consigo argumentar, porque eles não entendem. A burrice é invencível!!!

    c) Muitos da imprensa são realmente bambis e se sentiram pessoalmente ofendidos. Foi o caso do bambi Téo José, que falou abertamente isto no Jogo Aberto da Bandeirantes.

    d) O dr. Osmar (também do Jogo Aberto da Bandeirantes) entendeu o episódio, falou que não teve nada demais, mas, obviamente, foi voz isolada e abafada pelos indignados arautos do bom comportamento

    .

    Mas tudo isto é muito óbvio, e eu não queria escrever sobre obviedades. Então vamos ver o que realmente podemos tirar de lição neste episódio todo.

    Toda vez que uma sociedade, um povo, uma nação perde a capacidade crítica, entra necessariamente em decadência. Aconteceu isto com o poderoso Império Romano, que não controlou a insanidade de seus imperadores, aconteceu isto com a poderosa Alemanha, que não soube frear a insaciável gana de seu Fuhrer por terras e guerras. O papel crítico é, naturalmente, da imprensa, o chamado quarto poder. Mas este mesmo papel está vago, a imprensa só fala aquilo que quem a controla manda. Criticar? Apontar os erros? Acusar injustiças? Nem pensar! E ai daquele que ousar! Belluzzo está passando rapidamente de conceituado economista para insano violento. A própria imprensa massacra aqueles que querem repensar o futebol, a sociedade. Como a censura pura e simples não é mais admitida, ela vem em formas sutis, em forma de indignação. Juka Kfouri, por exemplo, está indignado com o comportamento do presidente Palmeirense. Hoje em dia o conhecimento, a ética, os julgamentos dos fatos corriqueiros do dia a dia vem em pacotes prontos, para você não precisar pensar.

    Porque ninguém desta imprensa covarde fala que o idiota do stjd que julga de acordo com as cores da trancinha, só está lá porque o papai o colocou lá? Porque não tem concurso público para esta merda?

    Palmeirense, NUNCA, NUNCA MESMO, perca a capacidade de pensar por si mesmo. NUNCA esqueça que a imprensa esportiva aqui no Brasil é comprada, vendida, alugada, é muito pior que uma prostituta. Enquanto alguns não tem fibra suficiente (falo do Parmerista) para continuar, eu não consigo me calar diante do avançado processo para burrificar a população em um pensamento único a respeito do certo e errado. E para ficar coerente com minha própria linha de pensamento, o nosso plano de sócio-torcedor esta cheio de problemas, mas isto é assunto pra outro dia.

    Volto a dizer, ganhar ou perder torna-se secundário diante da prioridade de se manter alerta, crítico, inteligente, não manipulável. E para ficar coerente com esta exaltação ao espírito crítico, nosso programa de sócio-torcedor (que é importante para o Palmeiras e para os Palmeirenses ) está cheio de problemas. A tentativa de apontar suas falhas fica para uma outra oportunidade.

  • C. José

    Não dá para apoiar o Beluzzo nessa situação ridícula na quadra da Mancha. O PALMEIRAS não precisa disso; somos grandes demais para nos metermos nessas provocações juvenis. Beluzzo foi moleque, assim como, em geral, é o torcedor organizado. O São Paulo é um arqui-rival, historicamente o maior (não na prática), mas isso não quer dizer que seja um clube medíocre, digno de piadas infantis: muito pelo contrário, a grandeza do São Paulo apenas acrescenta-se à do Palmeiras na composição dessa grande rivalidade. Só os grandes conseguem reconhecer valor no outro. Palmeiras e São Paulo, assim como Flamengo, Grêmio, Cruzeiro, Inter, Santos, são Titãs do futebol. Compartilhamos com esses times um quinhão da grande tradição do futebol brasileiro e internacional. Somos todos grandes campeões. No século XX, fomos os maiores. Neste, estamos à míngua. MAS NOSSA CAMISA PESA, PESA MUITO (não é, Corinthians???). Nosso orgulho, nossa alegria, nossa exultação, não terá por fonte um grito ridículo de um pseudo-intelectual molecóide: virá de grandes gols, grandes jogadas, grandes títulos.

    Eu sou do tempo em que nosso coração batia mais forte quando os gritos eram:

    Eô, eô, Evair é um Terror!!!

    ou, também:

    Olê, olê, olê, olê…
    Zinhôoooo, Zinhôoooo.

    Abraços, CJ.

  • Thiago Durante

    q reine a hipocrisia, o falso moralismo e que os intereses proprios venham antes de qualquer paixão.

    Lamentavel, estamos a beira do fundo do poço.
    Até o Mustafá está atacando o Belluzzo.
    Depois q o futebol perder a graça, não venham reclamar.

  • Paulo

    O São Paulo FC continua sendo o time do lobby, do patrulhamento, e dos conchavos nos STJDs da vida. Abre o olho, Flamengo… Com relação ao Belluzzo temos mais um factóide criado, bem ao estilo fumaça verde. O que querem é dar instrumentos para que que a oposição do clube alviverde (Mustapha e seus acólitos parecem gente paga pelo pessoal do Juvenal Maioral) possa pedir a impugnação do presidente do Palmeiras, que de toda forma deve aprender a falar menos e agir mais. É assim que funciona o cético e hipócrita mundo dos bastidores do futebol. Parabéns ao editor do Lance que deu espaço para mais este factóide, divulgado inclusive fora de hora. Será que só o Vampeta pode dizer que são paulino é bambi?

  • Rodrigo

    Pra variar, vc sempre inteligente e sútil, como diz Milton Neves, “o futebol é a coisa mais importante, dentre as menos importantes”, os comentários aqui expostos são de uma hipocrísia tremenda, todos temos amigos que torcem pra todos os times, tds brincamos e chamamos os amigos de “gambas” ou de “bambis”, vamos nos estádios e cantados os hinos das torcidas contra esses times, isso não quer dizer que quero matar meu amigo.

    Ahh uma grande bobagem isso, é que o Beluzzo dá corda, fica dando explicando, dando entrevista, se ele ignorasse isso morria rápido

  • André Takebayashi

    Acho que as pessoas estão confundindo “nível educacional” com “caráter e passado histórico”. Realmente, o nível educacional não livra a pessoa de cometer atrocidades (vide o caso Pimenta), mas o que permite atenuar o episódio do professor Belluzzo é o caráter e o passado histórico dele. Se as pessoas com QI baixo dão entendimento literal às frases ditas pelo professor Belluzzo, deveriam estar preocupadas apenas com os veados campeiros que estão ou no zoológico ou no cerrado brasileiro.

    Mauro, um grande abraço e parabéns pelo texto!!!

  • Fernando Nogueira

    Apesar de admirá-lo, discordo de você, caro Mauro. O futebol tem a imagem de batalha, tanto que existe o campeonato “mata-mata”. Belluzzo é sem dúvida, o melhor presidente da história do Palmeiras, passional como o temperamento italiano, que deu origem ao nosso clube. Se ele não tivesse dito o que foi dito sobre o crápula Simon, talvez tivessemos sido roubados novamente contra o Sport. Certamente, com um presidente desses há alguns anos, o Palmeiras não teria sido tão prejudicado quanto nos últimos anos. E isto incomoda a mídia esportiva nojenta (da qual você NÂO faz parte) composta por bambis e gambás…

  • Paulo Sérgio ( SPFC )

    O preço de sermos os melhores do país…

    Nossos rivais praticamente esquecem-se da ética e do futebol

    27/11/2009

    .

    Ser o melhor é bom. É para muito poucos e privilegiados. O São Paulo é o Melhor time do Brasil, disparado, com certeza. É um clube que disputaria de igual para igual qualquer campeonato do mundo, com quaisquer time que seja.

    O preço de sermos os melhores é a inveja. É a angustia vivida pelos outros times por não conseguir sequer fazer concorrência com o São Paulo. Ser o melhor, figurar sempre entre os melhores do mundo, conquistar títulos, revelar craques, repatriotar craques, ser o clube do sonho de toda criança que sonha em ser jogador de futebol, esse é o time que torcemos.

    É normal que repercuta de forma negativa para todos os lados do ramos futebolístico. Ser o melhor incomoda. A mídia se vê obrigada a passar noticias do nosso Tricolor, mesmo que o clube não pague jornalistas para falar dele. Os outros torcedores ficam insatisfeitos pois sabem que sempre seremos campeões. Os tribunais da vida sempre tentarão nos desigualar com suas injustiças parciais.

    O que me espanta é que, a partir do momento que o nosso time faz parte do cotidiano do rival para que esse tente denegrir ou desmerecer nossas conquistas e nossa história, estamos um patamar acima dos outros times. Os dirigentes acabam preocupando-se primeiro em desmerecer o São Paulo e depois em falar ou ter qualquer atitude com o seu próprio time.

    O que seria da festa de centenário do Corinthians (que facilmente poderiam ser apelidados de travecos) se não estivesse em evidência o São Paulo Futebol Clube? O que seria o Palmeiras, se seu presidente não precisasse mostrar que tem que vencer o São Paulo para ser campeão?

    Os recentes fatos extra campo, mostram que o Tricolor é sim um time de dar inveja a todo mundo. Mostra que seremos a maior torcida por merecimento e não por apenas querer ser a maior. Mostra que somos um time tão campeão, mas tão infinitamente superior, que mesmo o descontrole emocional dos dirigentes adversários não nos abalam.

    Não precisamos dar resposta nenhuma. Não estamos em nenhuma crise, não devemos satisfações às baratas que habitam o esgoto. Somos superiores. Somos o time a ser batido. Quer gostem, quem não gostem, incomodamos sim, mas incomodamos pela soberania, e não por palavreados de pessoas descontroladas em xiliques de adolescente.

    Esse é o SPFC, contra tudo e contra todos!

    .

    Por : Bruno Mancini

  • Anderson

    Parabéns pelo brilhante comentário Mauro. Cada dia que passa acabo virando mais fã do seu tipo de jornalismo, sem fofoquinhas, sem intrigas… lembra-me, o pouco que vi em pesquisas, algo tipo Armando Nogueira e Nelson Rodrigues… algo que está quase findando. Um jeito lúdico de ver o futebol, que assim é.

    Pena que alguns de seus amigos jornalistas fazem questão de querer transformar o futebol numa caixa de pólvora. A idéia de quanto pior, melhor. Se tiver brigas, discussões, morte entre torcida, pra esse bando de abutres, haverá mais matéria pra estampar seus veículos de comunicação sensacionalistas e vender muito jornal e ter audiência, afinal o povo quer pão e circo.

    Digo abutres, pois foi só Belluzzo cair em desgraça que descobrem um vídeo de 2 meses atrás pra por na mídia, e tripudiar em cima de alguém que está em um momento não muito bom.

    E pensando na política que rodeia o futebol, essa nada lúdica e muito menos inocente, será que não foi algo plantado em quem quer ver Belluzzo fora? Afinal, ele incomoda, não?

    Abraço
    Anderson

  • Carlos Lopes

    Mauro Beting, heureca!

    Luis Gonzaga Beluzzo, não é Luís Gonzaga Beluzzo, seu verdadeiro nome é “Tertuliano Máximo Afonso”.O homem Duplicado! Sim ele foi duplicado, um é sóbrio, frugal, inteligente,amigo boa praça.O outro? Bem, passemos a duplicata.O outro é cenhoso,triste,trombudo,suas palavras e suas atitudes são fundangos esparzidos no vento. Nesta semana assim como no romance de José Saramago( a saber O Homen Duplicado) um viu o outro. Não no cassete vídeo como no livro, mas, no You Tube, ou quem sabe numa Tv?! Viu e não gostou.E assim, como no romance de Saramago, partiu á conhecer o ulterior. Como pode, duas pessoas idênticas em sua fôrma, serem tão antagônicas? Como o Tertuliano do romance de Saramago instante por instante vai descobrindo suas diferenças suas divergências com seu outro eu, Beluzzo vive está situação. No fim de sua jornada; ele descobrira que ele e sua cópia, são à mesma pessoa.

    Está é mais uma das muitas tentativas de justificar o injustificavél.

    Como consta na contracapa do livro

    : “O caos é uma ordem por decifrar” Livro dos contrários.Para refletirmos.

  • Tiago Mello

    A ignorância humana é uma “virtude” nos tempos de hoje…Acho que todos querem ter…Sem falar na hipocrisia…Quem diz que o Belluzzo errou em falar aquilo, ou é hipócrita, ou é ignorante, ou é politicamente correto (que é um subgrupo do hipócrita). Temos no futebol uma rivalidade sadia e assim deve ficar…gambás, porcos e bambis se provocam a torto e a direito…O lenhador de bonsai do morumbicha (é melhor não falar isso, senão posso estar fazendo apologia a violência, quem sabe?) já compareceu a vários programas esportivos falando “absurdos” do time da marginal. Mas ninguem fala nada. “É só brincadeira!!!” falam…E É MESMO!!! Mas não podemos falar certas palavras…”Matar” é muito feio”!!! Então paremos de rotular o goleador de MATADOR, ARTILHEIRO, a bola forte de BOMBA…Não, chega…Isso é apologia a violência…Tem muito jornalista por aí, dizendo que é amigo do Belluzzo, e diz que é um absurdo o que aconteceu!!! Que o Belluzzo deveria sair da diretoria…Engraçado que o mesmo jornalista (renomeado por sinal) já disse por várias vezes impropérios contra dirigentes cariocas, tão pior ou mais, do que os lançados contra o Simon pelo Belluzzo. HIPÓCRITA!!!
    FORA UM PROMOTOR QUE ADORA FAZER PALANQUE PELO JEITO…MOVIMENTAR A MÁQUINA JUDICIÁRIA POR ISSO É UM DESRESPEITO À JUSTIÇA BRASILEIRA!!! ULTRAJANTE!!! RIDÍCULO!!!
    TEM MUITO JORNALISTA E COMENTARISTA HIPÓCRITA POR AÍ!!!

  • Paulo Sérgio ( SPFC )

    NAÇÃO TRICOLOR SÃO-PAULINA … TORCEDORES DO NOSSO SÃO PAULO FUTEBOL CLUBE :

    – NÃO VAI SER NADA FÁCIL JOGAR CONTRA UM PAÍS INTEIRINHO, VIU ?!!!!

    EM NENHUM MOMENTO DESTE CAMPEONATO, O NOSSO SPFC ESTEVE PRESTAS A FAZER UM JOGO TÃO DIFÍCIL -> CONTRA O GOIÁS, VAI TER DE SER COM O CORAÇÃO E A ALMA NA ‘ PONTA DA CHUTEIRA ‘ … NENHUM TIME NO BRASIL JÁ JOGOU NA TEMPORADA COMO JOGAREMOS AMANHÃ >> 11 EM CAMPO + 15 MILHÕES DE SÃO-PAULINOS – VERSUS – 150 MILHÕES DOS OUTROS BRASILEIROS PELO PAÍS, TORCENDO CONTRA O NOSSO SPFC !!!

    >>> DOMINGO AGORA, É VENCER OU VENCER ! – NÃO HÁ ALTERNATIVA – AGORA É O SPFC CONTRA TUDO E CONTRA TODOS.

    > DOMINGO, CONTRA O GOIÁS, É O JOGO DO TÍTULO – A MAIS IMPORTANTE PARTIDA DO NOSSO ANO, É A GUERRA FINAL !!!

    GOIÁS x SPFC / SERRA DOURADA ( Goiânia – 29.11 – 17h00 ) ……… SE O SÃO PAULO PERDER, PERDEU ESSE BRASILEIRÃO !!!

    SÃO PAULO, DOMINGO É GANHAR OU GANHAR – NÃO TEM OUTRA HIPÓTESE … É GANHAR OU DAR ADEUS AO BRASILEIRÃO !

    SE EMPATAR, VAI DEPENDER DE RESULTADOS TERCEIROS E, NESTE MOMENTO, DÚVIDO QUE OS OUTROS VÃO DÁR MOLE ;

    PORTANTO, DOMINGO É VENCER O GOIÁS, OU NADA ! … PERDEU A PARTIDA, É DAR ADEUS AO NOSSO HEPTA BRASILEIRO !

    SÃO PAULO FUTEBOL CLUBE … DOMINGO É O JOGO DO ANO – O JOGO DA TEMPORADA, DO CAMPEONATO – DESTA NAÇÃO !!!

    SERÁ TODOS CONTRA O SÃO PAULO FC. ……………… SÓ OS SÃO-PAULINOS, CONTRA TODO UM PAÍS – O PAÍS DO FUTEBOL …

    SÃO PAULO … DOMINGO, É VENCER ! OU, É VENCER !!!

    VAMOS SEM PRESSA, SER OS ÚNICOS HEPTA TETRA !

    .

    É, TRICOLOR – O CAMPEÃO … CONTRA TUDO, E CONTRA TODOS !!!!

  • Ademir da Guia

    É SÓ ESPERAR A PROXIMA DECLARAÇÃO
    PRIMEIRO FALOU PARA A TORCIDA BATER NO SIMOM
    AGORA MATAR TORCIDA, CLARO QUE NINGUEM VAI MATAR PESSOAS POR QUE ALGUÉM MANDOU MAS, BATER ELES JÁ ESTÃO É SÓ VER AS IMAGENS DO JOGO CONTRA O GREMIO.
    AGORA ENTENDO O DESEMPENHO DO PALMEIRAS NO CAMPEONATO, SABEMOS QUE ELES TREMEM NA RETA DE CHEGADA 2007 PERDEU PRO ATLETICO-MG PARA NÃO IR PRA LIBERTADORES ANO PASSADO PERDERAM DINOVO SÓ FOI POR QUE O FLAMENGO CONSEGUIU SER MAIS MEDIOCRÍ AINDA ….
    FAZER O QUE ELES NÃO QUEREM NOS QUEREMOS SÓ FALTA 6 CONQUISTAS PARA NÓS GANHARMOS 10 CONSECUTIVAS
    HAHAHAHAAHAHAHAHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHHA

  • Danilo Martius

    Melhor comentario sobre o Assunto Belluzzo, um Homem do bem que vive um momento infeliz. Mas que incomoda muita gente , por isso todo esse redemoinho
    Abraços
    Parabens Pelo seu Trabalho

  • orlando motta filho

    Nossa…Teve um palmeirense ai que escreveu um verdadeiro livro de comportamento humano.Foi psicologo(pra ñ dizer psiquiatra),sociologo,historiador e etc,etc,etc…Critico da imprensa fascista,deturpadora e manipuladora(isso é coisa de italiano).Filosofou,esperneou,só prosopopéia.No escrever,mostrou estar acima da media,assim como o presidente Belluzo.Mostrou ser diferenciado,assim como o presidente Belluzo.Mostrou que se estivesse lá,no lugar do presidente Belluzo,faria a mesma coisa.E com prazer.Fala muito e bem.Mas como pessoa evoluida esquece que o ser humano é assim mesmo.Há horas em que até mesmo os mais lúcidos deixam transbordar aquilo tudo que está contido em suas entranhas e não se deve demonstrar(principalmente inveja e recalque).Ser inteligente não exime ninguém de culpa.Quanto aos bambis se sentirem ou não ofendidos?Na verdade nós estamos há muito tempo é felizes e em paz de espirito.Sabemos que os incompetentes(mesmo com parcerias e patrocinios)não crescem e nós os incomodamos muito.Aqui tem tanto homem como ai.Aqui tem tanto bambi como ai.E dai?Vai querer EXTERMINAR eles também?Parabéns Mauro,pela imparcialidade e por não ter o rabo preso.E saudações tricolores(o maior CAMPEÃO BRASILEIRO-SPFC).

  • Fabio Villa

    Orlandinho???

    É nome de São Paulino mesmo…

    Se julga muito inteligente, superior aos demais, sabe o pq? Pq é São Paulino, pq ser são paulino é quase uma casta.
    Lamentavelmente, a arrogância da diretoria tricolor, está atingindo tbm a torcida.
    Time de torcida esquisita, não vibra, não torce, em sua maioria, ficam sentados, observando o jogo, quando vão, pq o Morumbi, na maioria dos seus jogos, fica vazio, às moscas, como se fosse um São Caetano x Portuguesa, em Araraquara.
    Mas, Orlandinho, parabéns pelo Hepta, vcs mereceram!!! Hahahaha!!!

  • Marcus

    Por mais “escorregadas” que ele tenha dado, enquanto a outra opção for Mustafá, eu prefiro que continue Belluzzo.

    Belluzzo pelo menos é palmeirense.