DUNGA CONVOCA x INGLATERRA, OMÃ

por Mauro Beting em 27.out.2009 às 17:57h

Brincando de Dunga:

GOLEIROS – Júlio César e Doni. Sem Victor e Fábio, atuando em clubes brasileiros, e devidamente poupados, convocaria Diego Alves, do Almería. Respeitando Doni, pela história na Roma e na Seleção, mas preferindo o ex-atleticano. JC é indiscutível. Como diz Buffon, o melhor goleiro do mundo nos últimos anos (em todos eles?), Júlio é “o melhor goleiro do mundo no momento”. Ponto final.

LATERAIS-DIREITOS – Maicon e Daniel Alves. Os dois com potencial para serem titulares. O baiano em qualquer outra posição, porque o interista é o dono da lateral.

LATERAIS-ESQUERDOS – Fábio Aurélio, aleluia! Enfim chamado, para ser titular. E ficar um ótimo tempo com a camisa 6. Parabéns a ele e ao treinador. Michel Bastos (Lyon) também é opção interessante, mais ofensiva. Tem jogado, e bem, na linha de quatro do meio, como André Santos, na Turquia. Entre os dois, mais para o ex-corintiano. Mas Marcelo (Real Madrid) ainda é uma boa opção. Como Filipe Luís – outro com passagem pelo Figueirense. No meu time, para resumir, Fábio Aurélio e Marcelo.

ZAGUEIROS – Lúcio, Juan, Luisão e Naldo– Luisão tem jogado muito pela Seleção. Pelos dois lados. Naldo merece mais oportunidades. Como Thiago Silva, que ajuda a recuperar o Milan. Gostaria de vê-lo mais vezes.

VOLANTES – Gilberto Silva, Josué, Felipe Melo e Lucas – Respeitando demais a história e a pessoa de Gilberto, tentaria mais uma vez Denílson (Arsenal); trocaria Josué por Anderson (Manchester United), para qualificar mais o meio. Felipe Melo e Lucas mandam bem. Renato (Sevilla) também seria interessante.

MEIAS – Kaká e Ramires; Elano, Alex (Spartak Moscou), Júlio Baptista e Carlos Edusardo – Com Ramires, em grande fase no Benfica, é possível optar por jogadores mais ofensivos no elenco. Ainda pensaria no Alex (Fenerbahçe). Diego (Juventus) merece mais oportunidades. Mas, enfim, fecharia com Kaká, Ramires, Elano, Diego e Júlio Baptista. Lembrando que Zé Roberto quer voltar para a seleção…

ATAQUE – Nilmar e Luís Fabiano; Adriano e Hulk- Grafite seria um ótimo nome. Mas Pato merece mais chances que Hulk, que não é Bobô nem Afonso Alves. Nem me perece ser o caso.

A seguir, a brincadeira mensal de convocar uma seleção brasileira como se a Copa fosse em 15 dias:

São 253 nomes de jogadores brasileiros.

São 23 goleiros, 23 laterais ou alas direitos, 23 alas ou laterais-esquerdos, 46 zagueiros (direitos ou esquerdos, volantes recuados), 46 volantes (”primeiros”, “segundos”, volantes-direitos, volantes-esquerdos, meias recuados que estão atuando como volantes, volantes que estão atuando como meias em suas equipes), 46 meias (armadores ou meias-atacantes, “externos” ou interiores”), e 46 atacantes (centroavantes, pontas, meias avançados, pontas-de-lança).

Todos convocáveis por Dunga. Ou por mim. Ou por você.

Alguns, nem pela própria família.

É um simples exercício (nem sempre prazeroso) de listar 23 nomes por camisa para a Seleção Brasileira.

Por que 23? Porque serão 23 os chamados para a Copa. Não necessariamente os “escolhidos”. Alguns poderão vir por absoluta exclusão. Até pela nossa entressafra técnica.

Você pode estranhar alguns nomes listados – eu também estranhei. Você deve sugerir outros, lamentar pacas algumas das minhas escolhas.

Mas juro que não tive muita escolha.

Isso é o que temos.

E o que teremos todo mês no blag até a Copa.

Antes de cornetar o Dunga, vamos nos cornetar. Vamos também brincar de convocar uma Seleção a cada mês.

Para ter a convicção de que não é brincadeira.

Dá até para fazer um time campeão, uma equipe hexacampeã.

Mas não dá para brilhar demais com o que temos.

GOLEIROS Júlio César (Internazionale); Victor (Grêmio); Fábio (Cruzeiro); Renan (Jerez); Diego Alves (Almería); Marcos (Palmeiras); Diego Cavallieri (Liverpool); Felipe (Corinthians); Doni (Roma); Gomes (Tottenham); Bruno (Flamengo); Rubinho (Palermo); Rogério Ceni (São Paulo); Magrão (Sport); Vanderlei (Coritiba); Helton (Porto); Fernando Prass (Vasco); Lauro (Internacional); Renê (Barueri); Cássio (PSV); Fábio Costa (Santos); Felipe (Santos); Dida (Milan)

LATERAIS-ALAS-DIREITOS Maicon (Internazionale); Daniel Alves (Barcelona); Rafinha (Schalke-04); Rafael (Manchester United); Ilsinho (Shaktar Donetsk); Vítor (Goiás); Felipe Mattioni (Milan); Leo Moura (Flamengo); Cicinho (Roma); Belletti (Chelsea); Jonathan (Cruzeiro); Coelho (Atlético-MG); Alessandro (Corinthians); Zé Luís (São Paulo); Élder Granja (Sport); Jean (São Paulo – tem atuado como ala); Bolívar (Internacional); Ceará (PSG); Ruy (Fluminense – embora jogue melhor pelo meio); Maranhão (Guarani); Raul (Atlético-PR); Alessandro (Botafogo); Apodi (Vitória, mas só como ala)

LATERAIS-ALAS-ESQUERDOS – Fábio Aurélio (Liverpool); Marcelo (Real Madrid); André Santos (Fenerbahçe); Adriano Correa (Sevilla); Kléber (Internacional); Roberto Carlos (Fenerbahçe); Maxwell (Barcelona); Filipe Luís (La Coruña); Júlio César (Goiás); Juan (Flamengo); Júnior César (São Paulo); Fábio (Manchester United); Sylvinho (Manchester City); Michel Bastos (Lyon); Gerson Magrão (Dínamo de Kiev); Márcio Azevedo (Atlético-PR); Marcelo Cordeiro (Internacional); Ramón (Vasco); Netinho (Atlético-PR); Fernandinho (Cruzeiro); Leandro (Vitória); Jadilson (sem clube); Thiago Feltri (Atlético Mineiro)

ZAGUEIROS – Lúcio (Internazionale); Juan (Roma); Thiago Silva (Milan); Miranda (São Paulo); Alex (Chelsea); Naldo (Werder Bremen); Luisão (Benfica); Henrique (Racing Santander); Breno (Bayern Munique); Leo (Grêmio); Rever (Grêmio); André Dias (São Paulo); Alex Silva (Hamburgo); Chicão (Corinthians); David Luiz (Benfica); Edu Dracena (Santos); Leonardo Silva (Cruzeiro); Ronaldo Angelim (Flamengo); Índio (Internacional); Bordon (Schalke 04); Cris (Lyon); Luiz Alberto (Fluminense); Rafael Tolói (Goiás); Lima (Betis); Renato Silva (São Paulo); Wallace (Vitória); Felipe Santana (Borussia Dortmund); Bruno Rodrigo (Portuguesa); Rodolfo (Lokomotiv Moscou); Sídnei (Benfica); Anderson Polga (Sporting); Caçapa (Cruzeiro); Emilson Cribari (Lazio); André Bahia (Feyenoord); Rafael Santos (Atlético-PR); Gláuber (Manchester City); Rafael Marques (Grêmio); Durval (Sport); William (Corinthians); Betão (Dinamo Kiev); Fabão (Santos); David (Flamengo); Rodrigo (São Paulo); Alcides Eduardo (Dnipro-Ucrânia); Juninho (Botafogo); Maurício Ramos (Palmeiras); Welton Fellipe (Atlético –MG)

VOLANTES – Felipe Melo (Juventus); Ramires (Benfica); Anderson (Manchester United); Denilson (Arsenal); Lucas (Liverpool); Sandro (Internacional); Pierre (Palmeiras); Marquinhos Paraná (Cruzeiro); Elias (Corinthians); Hernanes (São Paulo); Cristian (Fenerbahçe); Cícero (Hertha Berlim); Gilberto Silva (Panathinaikos); Josué (Wolfsburg); Kleberson (Flamengo); Dudu Cearense (Olympiacos); Renato (Sevilla); Marcelo Mattos (Panathinaikos); Tinga (Borussia Dortmund); Thiago Motta (Internazionale); Rafael Carioca (Spartak Moscou); Fernando (Porto); Richarlyson (São Paulo); Charles (Lokomotiv Moscou); Rodrigo Souto (Santos); Cléber Santana (Atlético de Madrid); Fábio Rochemback (Grêmio); Willians (Flamengo); Edinho (Lecce); Fábio Simplício (Palermo); Edu (Corinthians); Fabrício (Cruzeiro); Magrão (Internacional); Matuzalém (Lazio); Arouca (São Paulo); Bida (Vitória); Martinez (Cerezo Osaka); Fernando Menegazzo (Bordeaux); Adilson (Grêmio); Wendel (Bordeaux), Jonathas (Botafogo); Mineiro (Schalke 04); Emerson (Santos); Edmilson (Palmeiras); Leandro Guerreiro (Botafogo)

MEIAS – Kaká (Real Madrid); Ronaldinho Gaúcho (Milan); Alex (Fenerbahçe); Alex (Spartak Moscou); Diego (Juventus); Júlio Baptista (Roma); Elano (Manchester City); Diego Souza (Palmeiras); Cleiton Xavier (Palmeiras); Thiago Neves (Al-Hilal-ARS); Éderson (Lyon); Carlos Eduardo (Hoffenheim); Renato Augusto (Bayer Leverkusen); Ibson (Spartak Moscou); Souza (Grêmio); Giuliano (Internacional); Maicosuel (Hoffenheim); Paulo Henrique Ganso (Santos); Gilberto (Cruzeiro); Douglas (Al-Wasl-EAU); Jorge Wagner (São Paulo); Roger Flores (Qatar Sport Club, ex-Grêmio); Madson (Santos); Felipe (Al-Sadd-Qatar, ex-Vasco); Jadson (Shaktar Donetsk); Mancini (Internazionale); Carlos Alberto (Vasco); Lincoln (Galatasaray); Fernandinho (Shaktar Donetsk); Willian (Shaktar Donetsk); Taddei (Roma); Wágner (Lokomotiv de Moscou); Kerlon (Internazionale); Douglas Costa (Grêmio); Renan Oliveira (Atlético-MG); Bernardo (Cruzeiro); Tcheco (Grêmio); Zé Roberto (Hamburgo); Fernandão (Goiás); Marcinho (Atlético-PR); Athirson (Cruzeiro); Andrezinho (Internacional); Alex Teixeira (Vasco); Morais (Corinthians); Felipe Menezes (Benfica); Jorge Henrique (Corinthians)

ATACANTES Luís Fabiano (Sevilla); Alexandre Pato (Milan); Nilmar (Villarreal); Robinho (Manchester City); Adriano (Flamengo); Grafite (Wolfsburg); Taison (Internacional); Ronaldo (Corinthians); Fred (Fluminense); Keirrison (Benfica); Amauri (Juventus); Vágner Love (Palmeiras); Diego Tardelli (Atlético-MG); Diogo (Olympiacos); Kléber (Cruzeiro); Hulk (Porto); Borges (São Paulo); Deivid (Fenerbahçe); Guilherme (CSKA Moscou); Jô (Everton); Washington (São Paulo); Dentinho (Corinthians); Thiago Ribeiro (Cruzeiro); Ricardo Oliveira (Al-Jazira-EAU); Araújo (Al-Gharafa-Qatar); Kléber Pereira (Santos); Neymar (Santos); Dagoberto (São Paulo); Rafael Sóbis (Al-Jazira-EAU); Raffael Araújo (Hertha Berlim); Iarley (Goiás); Pedro Oldoni (Atlético-MG); Nenê (Monaco, ex-Santos); Wallyson (Atlético-PR); Reinaldo (Botafogo); Alex Mineiro (Atlético Paranaense); Fernandinho (Barueri); Nenê (Cagliari, ex-Cruzeiro); Marcelinho Paraíba (Coritiba); Brandão (Olympique de Marselha); Felipe (Goiás); Ciro (Sport); Edno (Corinthians); Dênis Marques (Flamengo); Obina (Palmeiras); Neto Berola (Vitória)

Meu time: Júlio César; Maicon, Lúcio, Juan e Fábio Aurélio; Denílson e Anderson; Ramires, Kaká e Robinho; Luís Fabiano.

Os comentários estão fechados.