Corinthians 2 x 0 Atlético Mineiro

por Mauro Beting em 16.ago.2009 às 16:00h

Ronaldo, Alessandro, Morais, Marcelo Oliveira, Souza, Escudero, Aranha, Welton Felipe, Jonilson, Carlos Alberto, Serginho, Márcio Araújo, Alessandro atleticano, Evandro, Samuel, Marques, Wellington Saci. Fica difícil cobrar mais futebol de corintianos e atleticanos. Mesmo completos, pelo momento irregular, não seria aquela partida. E não foi para o Galo, que pode perder o lugar no G-4 (que ocupou por 15 rodadas) ao final do turno na derrota por 2 a 0 para o Corinthians, saudado ao fim do jogo com o coro de “o Coringão voltou”.

Mano montou o Timão no usual 4-2-3-1, mas adiantando Dentinho (seguido pelo jovem Thiago Cardoso) para atacar com o desambientado Heerique. Roth adotou um 3-4-1-2 que, no início, foi um 3-3-2-2, com Tchô e Júnior armando para Éder Luís e Tardelli. Mais ousado, o Galo começou melhor e poderia ter aberto o placar se não fosse Edu salvar gol certo aos 3 minutos.

Aos 21, ele torceu o tornozelo e Moradei teve de entrar. O que significaria perda de qualidade corintiana não ocorreu. O novo volante travou Júnior (que mais uma vez pregou), Elias se soltou mais (e foi muito bem mais à frente) e o Timão enfileirou três lances seguidos: no primeiro, Vuaden anulou corretamente um lance de gol de Henrique, marcando carga do corintiano; no terceiro, aos 25, Dentinho bateu uma bola que iria às mãos de Bruno, mas desviou em Werley e começou a matar o Galo.

No intervalo, Roth sacou o amarelado e perdido Tchô, adiantou Werley como volante, colocou Marcos na zaga, passando Alex Bruno para a sobra, e tentou, como o Corinthians, ganhar a bola na marcação. Não necessariamente o jogo. Aos 5 minutos, um lance perdido na intermediária atleticana criou o contragolpe para o golaço de Boquita, numa bomba no ângulo.

Qualquer reação mineira parou na falta de Renan em Elias que deu no cartão vermelho, aos 13 minutos. Com um a mais, o Corinthians administrou o jogo que o Atlético, mesmo querendo, não conseguiu equilibrar. E vai ter de suar – e jogar – muito para voltar ao lugar que era dele na tabela.

Tags:

  • Edmilson Jarbas de Penápolis/SP

    Vc não acha que os comentaros do Mano Menezes sobre o time tais como ridicularizando a condição técnica dos atletas acaba piorando o nivel do time? Não seria hora de levantar a moral desses atletas que lá estão já que o projeto para reforços está mesmo pro ano que vem ? Se ele não levantar a moral do time, esse time pode voltar pra segundona, vc não acha ?

  • http://bloguedotimao.wordpress.com/ Álvaro

    Como a coisa melhora sem o Jucilei de volante, hein? Hein?

    http://bloguedotimao.wordpress.com/2009/08/16/timao-2-x-0-galo-abaixo-os-pontos-corridos/

  • Áurea Souto

    Impressionante a diferença que uma semana de treinamento intensivo com um técnico de qualiidade não faz com um time… até o Boquita jogou bem!!

  • Custodio Neto

    Mauro,

    Do Galo, ao todo, não puderam estar em campo:

    O Goleiro, Aranha;
    Lateral Direito; Sheslon (reserva)
    Os zagueiros, Welton Felipe e Samuel (reserva)
    O Lateral Esquerdo, Saci (reserva)
    O Meia Evandro;
    Mas, as perdas piores mesmo foram dos Volantes Serginho; Márcio Araújo
    Carlos Alberto e Jonílson
    Por fim, o atacante Alessandro;

    CUSTÓDIO, valeu. De fato, esqueci do Sheslon. E do Soutto, volante da base que poderia ter sido relacionado.
    E sofre Galo pra garantir a ponteira da tabela, de novo!

  • http://www.thedudetalk.blogspot.com Diego

    O Roth é o culpado.
    Roth sabia que não teriamos o Tardelli contra o Palmeiras há mais de 15 dias. Não montou uma boa formação para fugir da ausência do craque do brasileirão até aqui. Jogando em casa, o Galo sai na frente Roth recua o time todo naquele famoso “agua mole em pedra dura”, e tem sido assim em jogos fora de casa.
    Quando é jogo fora de casa ele monta um time audacioso até mesmo quando o time está totalmente desfalcado, não consigo entender a logica de Roth! E sem contar que ele joga uma responsabilidade enorme somente para cima do Tardelli, que é craque mas não é Pelé. E pelo amor de Deus, está na hora do Tchô decidir se ele é jogador para o Galo, ou se ja podemos colocar ele para rodar os times pequeno por emprestimo?

    Obs: se todos repararem, escanteios do Galo é uma vergonha! Bola cega no primeiro pau, Welton Felipe atravessar o campo para ir para area, os caram batem escanteio rasteiro, ou alguem aparece para receber na lateral. Roth acorda, chega de muambas paraguaias!!!

  • Frank Lucas 1.5.7

    Até que fim ! o meu Timão voltou a ganhar uma, também ficou dificiu com o time todo desestruturado. Com sáida e contusões, mais o time tá começando a se ajeitar ” Graças a Deus “

  • alessandro rodrigues

    como diz o alexandre kaiul ,toda maldade será paga aqui no campeonato brasileiro.
    GALO o jumento paraguaio. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • http://www.coposujo.blig.com.br Marcelo Vargas

    O Galo não morreu por causa desse jogo. O Campeonato é longo e o Atlético vai recuperar a ponta.

  • Renato Batista

    Não concordo com o Marcelo Vargas, o Galo já tá morto a muito tempo, ele já foi para a panela Domingo, háá, e a quanto tempo ele não ganha um título importante, héin?

  • jefferson adriano mendes coelho

    FOI SO TER UMA CONVERSA COM O GRUPO FECHADO QUE O TIMAO MOSTROU NOVAMENTE SUA FORÇA .
    AGORA O QUE QUE FOI O GOL DO BOQUITA HEIN GALERA ,ESTE MENINO TEM QUE JOGAR NO TIME TITULAR NA MINHA OPINIAO , ISTO JA VEM DESDE O PAULISTAO POR QUE ME DESCULPEM MAIS ELE TEM MAIS BOLA QUE O DOUGLAS .
    AQUELE PASSE QUE ELE DEU PARA O ANDRE SANTOS COMTRA O SAO PAULO JA DEIXOU CLARO SUA CATEGORIA .
    QUERO DIZER AQUI TAMBEM QUE EU ADIMIRO MUITO O MAURO BETING E DEIXAR UM GRANDE ABRAÇO PARA ELE QUE ACOMPANHO ELE DESDE O TEMPO QUE ELE ESTAVA COM O AVALONE .
    VALEU GALERA BRAÇO =JEFFERSON FIEL DE CURITIBA

  • Pingback: Cada um falando uma coisa… « Não para de lutar!()