BOTA-TEIMA – Rodada 15

por Mauro Beting em 01.ago.2009 às 16:23h

A intenção deste tira-teima (além de pedir para ser xingado mais que árbitro…) é discutir a arbitragem – sem martirizar ou santificar apitadores.

Esta é apenas uma lista subjetiva de lances em que interpretei DIFERENTE ou IGUAL ao árbitro – e sempre com a ajuda da TV, o que facilita meu trabalho, e a sua crítica.

E, se mesmo assim, eu ainda erro, imagine os mortais que apitam…

O espaço é livre para detonar este que escreve, outros que blogam e, claro, os próprios árbitros.

Não é a primeira, não será a última, e espero que não seja a única palavra a respeito do tema interpretativo. Logo, subjetivo. Logo, passional, clubista, bairrista, etc.

O BOTA-TEIMA é apenas um jeito de tentar evitar chororôs desmedidos, teorias conspiratórias, jogadas ensaiadas, achismos e outros chutes imaturos. Ou maduros até demais.

Ao final das contas e dos supostos erros, faço um saldo dos erros IMPORTANTES que tiraram – ou botaram – pontos dos times. Sempre tentando fazer um saldo de erros e acertos, com o devido – ou indevido – modo de tentar equilibrar as contas e critérios. Isto é: um pênalti marcado indevidamente ou um não marcado “valeria” como um gol, que “poderia” mudar um resultado e uma tabela.

Sempre lembrando que, nessa conta AINDA MAIS SUBJETIVA, uma equipe pode superar até a arbitragem adversa, ganhando o jogo mesmo sendo “prejudicada”. Algo que necessariamente não mudaria a classificação real.

Reiterando que tudo isso sem a pretensão de ser a única fonte a respeito de inesgotável assunto.

P.S: Lances de expulsão “justa ou injusta” não estarão contabilizados no BOTA-TEIMA.

Lances polêmicos em que entendo que a arbitragem “acertou” estão comentados no texto referente a cada partida.

Para critério de “pontuação”, um pênalti não marcado vale o mesmo que um gol anulado.

Boa corneta e bom apito!

Os jogos que estiverem destacados em amarelo significam que tiveram o placar “alterado” por decisões da arbitragem. Isto é, os pontos foram “modificados”por conta de supostos erros de interpretação.

LANCES

São Paulo 2 x 1 Grêmio

Grêmio prejudicado; São Paulo ajudado; Assistente 1 Gilson Coutinho (PR) – bem colocado – e Héber Roberto Lopes (PR) invalidam lance que poderia dar em gol de Máxi López, aos 5min, anotando impedimento inexistente. Estava 0 x 0.

GOL LEGAL – O gol de Dagoberto foi legal. Borges estava em posição de impedimento. Correu em direção à bola. Mas, na MINHA interpretação, não obstruiu rival, não interferiu no jogo ou sobre rival, não obstruiu a visão do goleiro. O fato de correr em direção à bola, pelo gráfico 3 da INTERPRETAÇÃO DAS REGRAS DO JOGO E DIRETRIZES PARA ÁRBITROS, não configura impedimento. Gol legal.

PÊNALTI – Discutível o pênalti de Miranda em Jonas. Mas eu teria marcado o agarrão não acintoso. Mas faltoso. Na MINHA interpretação.

Santo André 1 x 1 Corinthians

Corinthians prejudicado; Santo André ajudado – Cléber Abade marca falta inexistente de Chicão em Marcelinho Carioca, aos 19. Na belíssima cobrança, primeiro gol do jogo, de Marcelinho.

Flamengo 3 x 1 Atlético Mineiro

Atlético Mineiro prejudicado? Flamengo ajudado? – Leonardo Gaciba (RS) não viu o agarrão de Everton em Marcos Rocha, antes de a bola sobrar para Adriano tocar para o terceiro gol rubro-negro. Apenas pela TV foi possível ver a infração. Lance muito difícil para a arbitragem. Estava 2 x 1 Flamengo.

Atlético Mineiro prejudicado; Flamengo ajudado – Leonardo Gaciba (RS) não marcou o pênalti sofrido por Diego Tardelli de Willians, que o puxa pela camisa (só deu para ver pela TV), e entra de modo imprudente do atleticano, que salta altes de ser atingido, sim. Mas seria derrubado se não o fizesse. Para mim, vale a imprudência. Estava 3 x 1 Flamengo, aos 39min do segundo tempo.

SALDO TOTAL – RODADA 15

PREJUDICADOS

4 pontos a menos – Botafogo

2 pontos a menos – Fluminense, Barueri, Sport, Palmeiras, São Paulo, Grêmio

1 ponto a menos – Atlético Paranaense, Cruzeiro, Internacional

BENEFICIADOS

4 pontos a mais – Santos

2 pontos a mais – Atlético Mineiro

1 ponto a mais – Náutico, Avaí, Flamengo, Barueri

NÚMERO DE VEZES EM QUE FORAM AJUDADOS OU PREJUDICADOS:

PREJUDICADOS –

Cruzeiro prejudicado 8 vezes; ajudado 3 vezes

Palmeiras prejudicado 9 vezes; ajudado 6 vezes

Botafogo prejudicado 5 vezes; ajudado 2 vezes

Atlético Paranaense prejudicado 3 vezes; ajudado 2 vezes

Fluminense prejudicado 2 vezes

Sport prejudicado 2 vezes

BENEFICIADOS –

São Paulo ajudado 8 vezes; prejudicado 6 vezes

Flamengo ajudado 7 vezes; prejudicado 6 vezes

Santos ajudado 5 vezes; prejudicado 2 vezes

Avaí ajudado 3 vezes

Internacional ajudado 5 vezes; prejudicado 3 vezes

Corinthians ajudado 5 vezes; prejudicado 3 vezes

Santo André ajudado 3 vezes; prejudicado 2 vezes

Vitória ajudado 3 vezes; prejudicado 2 vezes

Barueri ajudado 3 vezes; prejudicado 2 vezes

Coritiba ajudado 2 vezes; prejudicado 1 vez

Grêmio prejudicado 2 vezes; ajudado 1 vez

SALDO ZERADO –

Náutico prejudicado 4 vezes; ajudado 4 vezes

Goiás prejudicado 3 vezes; ajudado 3 vezes

Atlético Mineiro ajudado 3 vezes; prejudicado 3 vezes

PLACAR DOS ERROS (somando todos os lances, quem foi mais beneficiado: o time mandante ou o visitante)

CASA 40 X 30 VISITANTE

Tags:

  • David

    Mauro,
    Nao entendi o pq de vc “doar” 2 pontos ao Gremio nessa rodada…
    Por um acaso a sua regra tem sido a de rigorosamente contar como gol TODOS os impedimentos incorretamente marcados que nem foram concluidos??? Se for, ainda assim, eh um tanto palha! Pq as chances de um gol assim nao se comparam a de um penalti. A porcentagem de aproveitamento deve ser bem menor. Protesto!
    Valeu, abraço

  • Rodrigo Simonin

    Aó vou comentar sobre o jogo FlamengoxAtlético. Mas antes gostaria de uma resposta. Vc faz a cobertura de que parte do Brasil ?
    Poderia ser imparcial? Vc não colocou ai o impedimento que foi assinalado de forma errada em um lance do Emerson, e nesse lance seria ele e o goleiro. Vc tb não falou do penalti no Angelin em que o Aranha se jogo pra cima do zagueiro evitando que ele domine a bola. Bom no primeiro lance a Sportv passou bem rapidinho mas deu pra ver o Emerson bem atras do ultime homem do Atlético. Já no segundo, o comentário foi ” Ele empurrou mas foi sem querer ” hahahahahah. Por isso vc não deve ter comentado, por que foi sem querer correto ? Ou talvez vc vá dizer que esses lances não existiram. Veja o VT do jogo e depois me fale.

    RODRIGO, eu comento o que eu vejo e interpreto, não o que outros pensam. E respeito quem pensa diferente.

  • Claudio

    Caro Mauro, acho que os impedimentos mal marcados deveriam entrar no bota-teima, no jogo Flamengo e Atlético o auxiliar, não sei direito o nome Valtemir ou Altemir Halzmem, inventou dois impedimentos absurdos ainda no primeiro tempo quando os atacantes do Flamengo estavam na cara do gol. Estão culpando demais os árbitros mas nossos auxiliares são muito piores, veja Inter x São Paulo.

  • Gustavo Figueiredo

    Mauro… Permute a repetição do “ajudado” por “prejudicado” no Flamengo… Só para evitar que aqueles que te taxam de tendencioso não caiam em cima.

  • Guilherme Gios

    Mauro,

    Sobre o São Paulo, na rodada passada ele tinha sido “roubado” em 4 pontos (contra Flamengo e Inter), e agora contra o Grêmio entendo que sem a ajuda da arbitragem teria sido empate, na sua visão. Por que? Pelo impedimento do Maxi Lopez que foi marcado, quando ele estava no meio campo? Se o gol do Dagoberto foi legal, e o penalti do Miranda foi dado, você acha que o “justó” seria o empate? Discordo.

    Abraço

  • Marconi Moura

    Mauro,

    Gosto de você e sempre leio a sua blag, mas tenho uma crítica a fazer: Visualmente o seu blog não é legal. A estética, claro, não tem tanta importância, mas não custa nada fazer uma coisa mais arrumadinha, mais uniforme.

    Um abraço.

    Marconi, vou tentar me corrigir, Muito obrigado pelo toque.

  • Carlos Camper

    Prezado Beting. É infrutífero ficar discutindo se o juiz, que é um simples mortal errou ou não em lances de interpretação. Sabe-se que o juiz está corrompido ou não, em outro tipo de lance. Vou te dar exemplos: Jogo SantosXCorintians da época do Geovani e Marcelinho. Jogo em Rbeirão Preto. Bernardo do Corintians dá um soco no Galo na frente do bandeira, que faz um gesto pro Bernardo não fazer mais aquilo. O Galo percebe a sacanagem e ao levantar-se dá um tapinha no Bernardo. O bandeira então avisa o árbitro que expulsa somente o Galo. Neste mesmo jogo o Santos no ataque e a bola é cruzada e o zagueiro é empurrado e cai aos pés do goleiro Ronaldo que pega a bola e ainda com ela nas mãos, ou seja com o jogo em andamento, chuta o zagueiro do Santos no chão. O juiz Cerdeira, vira-se de costas rápidamente para o lance para dizer: estava de costas e nada ví. este tipo de coisa é que denuncia esquemas. Neste ano, nas semifinais do campeonato o Farah tirou licença e deixou a Federação nas mãos sabe de quem? Do Dualibi, então diretor de futebol do Corintians. Com o empate neste jogo em 2×2 o Santos foi eliminado e o Corintians caminhou para a decisão contra o Palmeiras. São coisas assim que você deveria comentar meu caro, e não se foi penalti ou impedimento. Você quer outros exemplos? enumero vários outros: José Roberto Wright que acabou o jogo aos 44 do 2o. tempo, diante de um penalti vergonhoso do Ricardo Gomes, do seu Fluminense, na final do campeonato carioca contra o Bangu, e sem que ninguém pecebesse refugiou-se no vestiário. Cadê o árbitro para acabar o jogo pois precisa para isto de tres sonidos do apito, o famoso trilar do árbitro.
    Outros? Arnaldo César Coelho jogo santos X Flamengo final da brasileirão de 1983, Guarani x Corintians final de um campeonato Paulista, quando deixou o Edson quase deixar o JoãoPaulo paralíitco. O Marcio Rezende de Freitas que como o Cerdeira vira-se de costas para um soco do Tulio (que já tinha amarelo) contra o Narciso na final de 1995. Mas ficam analisando o erro do impedimento do Camanducaia, e não é ai que ficamos sabendo que o resultado estava já ajeitado na CBF. São coisas assim que os jornalistas precisam atacar com firmeza, caro Beting. No entanto parabéns pelos seus comentários e observações. Caso um dia queira te conto muitos mais casos.

  • DiegoFla

    Mauro,
    por favor corrija-se:

    No 3º gol, realmente é discutivel e concordo com vc…

    Não foi penalti no Tardelli, Willians e Éverton travaram a bola, tanto que a bola sobra para trás e o Willians sai jogando tranquilamente

  • Paulo

    É necessário estar atento! O time do Morumbi consegue seus títulos desta maneira, num cenário de muito equilíbrio entre todas as equipes do futebol brasileiro. Atenção: gaúchos, mineiros, cariocas, paranaenses, catarinenses e pernambucanos… Juvenal Maioral e seus lobistas são macacos velhos que conhecem o quem é quem das comissões de arbitragem pelo país. No Teatro Morumbi, tudo é possível! Lá já teve até gol de mão… São marcados penaltis inexistentes e até gols de outras equipes tem sido anulados com frequência. O Dagoberto, mau caráter, já foi até o porta voz de críticas ao trabalho do ex-técnico Muricy Ramalho. É que lá pros lados do Jardim Leonor, treinador é o que menos conta, já que os esquemas, que incluem até a ação de lobistas nos TJDs da vida, é realmente muito forte… Lá no SPFC de Todos os Lobbys, o futebol é só um negócio!

  • fiel!

    Aonde q as porcas foram prejudicadas??? e as bixaS????? vc é louco mlk??? q lixo!!!!!!!!

    ANSELMO, obrigado pelo equilíbrio, educação e respeito.

  • Cristiano

    Mauro, você colocou o Grêmio na relação dos beneficiados quando ele foi, segundo você, prejudicado em 2 jogos e ajudado em 1.

    Ainda continuo achando que o segundo gol foi ilegal, pois ele participa do lance sim. Há casos parecidos em que o jogador impedido ergue os braços e anda em direção contrária. No lance, a bola vai para o jogador impedido e ele nitidamente corre para pegá-la, participando do lance. O Dagoberto simplesmente sai de trás, está mais embalado, e chega um segundo antes para concluir.

    Houve ainda um pênalti claro cometido sobre o Jonas, sem bola, antes do gol do Grêmio.

    Ah, e ninguém comentou que o Grêmio fez apenas duas faltas (e leves) durante o jogo inteiro.

    CRISTIANO, para um jogador estar impedido, como vc sabe, não basta apenas estar na posição de impedimento. Precisa participar do lance – o que gera a interpretação sempre discutível. por definição, lances como esse eu costumo não interpretar como impedimento. até por conta da orientação expressa da regra do jogo, no desenho 3 já comentado.

  • Douglas

    Ae Fiel seu freguês. O Palmeiras foi prejudicado contra o Atlético-PR, Goiais e contra o Santos, e foi benificiado contra o Curitiba, Vitória e Cruzeiro. Então perdeu 9 pontos e ganhou 6, saldo de 3. O Mauro ta certo.
    Chupa gambazada

  • Arthur

    Mauro era um excelente blogueiro até inventar isso.
    Simplesmente ridículo, sem nexo e parcial.

    ARTHUR, agradeço a primeira linha. E, quanto à segunda, tem nexo, não é simplesmente ridícula – é trabalhosa – e tenta não ser parcial como alguns dos que postam seus comentários.
    Aliás, repare que há muito equilíbrio entre erros e acertos dos árbitros. não há nenhuma equipe flagrantemente prejudicada ou ajudada. erros humanos. como os dos árbitros. como os meus. como os seus.

  • Wagner

    Belo trabalho de pesquisa e labor. Parabéns pela iniciativa. Pelo menos, há alguém que comprova, com fatos, o que todos os cariocas já sabem, mas alguns (rubro-negros) preferem chamar de “chororô”: o Botafogo está sendo (mais uma vez!) prejudicado pelas “incorreções humanas” dos “imparciais” árbitros do campeonato brasileiro. Curioso que o mesmo acontece no Carioca, na Copa do Brasil… estranho! Grande abraço e continue com esse jornalismo de qualidade!

  • Guilherme Vieira

    ushqaushaushuahsuahs
    q falta de critério é essa ?
    meu, eu axava q vc soh falava merda , agora eu sei q vc tbm escreve merda .

    GUILHERME,
    O pior (para mim) é que a sua frase é ótima… Mesmo. Não que eu concorde muito, mas ela é muito boa mesmo. Pena que eu não saiba o que vc fala. Mas, talvez, pelo uswejhefsahhauhdhdf inicial, já posso imaginar que vc não fala tão bem quanto escreve.