logo lance
undo
Nacionais
Internacionais

BlogsL!

Colunistas

2 Pontos

por Rodrigo Borges e Fabio Chiorino

Blog da L!TV

Vídeos

Blog do Baldini

por Wilson Baldini

Blog do Bechler

por Marcelo Bechler

Blog do Kfouri

por André Kfouri

Blog do Garone

por André Schmidt

Blog do Gui Gomes

por Guilherme Gomes

Blog do Guilherme de Paula

por Guilherme de Paula

Blog do Janca

por João Carlos Assumpção

Blog do Mansell

por Eduardo Mansell

Blog do Marra

por Mário Marra

Blog do Salata

por Thiago Salata

Blog do Tironi

por Eduardo Tironi

Bulla na Rede

por Rafael Bullara

Crônicas do Morumbi

por Ricardo Flaitt

De Prima

por Fábio Suzuki e Igor Siqueira

Em Cima do Lance

por Bernardo Cruz e Igor Siqueira

Fora de Campo

O dia-a-dia dos atletas

Futebol & Ficção

por Valdomiro Neto

Futebol na Terrinha

por Thiago Correia

Gol de Canela FC

por Jonathan Oliveira

Humor Esportivo

Trollagem e zoação

Laguna Olímpico

por Marcelo Laguna

Lance! Livre

por Lucas Pastore

Made in USA

por Thiago Perdigão

Marketing & Economia da Bola

por Amir Somoggi

Números da Bola

por André Schmidt

O Mundo é Uma Bola

por Leonardo Pereira e Luiza Sá

Papo com Boleiro

por Luiz Otávio Abrantes

Planeta Fut

por Luiz Augusto Veloso

Press Start

por Lazlo Dalfovo, Pedro Scapin e Thiago Bicego

Quem Não Sonhou?

por Gabriel Carneiro

Saque

por Daniel Bortoletto

Segunda Pele

por Leonardo Martins, Rafael Bullara e Vinícius Perazzini

Super-Raio X

por Alexandre Guariglia

Tênis

por Fabrizio Gallas

Clubes

Doentes

Goiás! Grêmio! Atlético Mineiro 1 x 1 Botafogo | Blog Mauro Beting
logo lance
undo
Nacionais
Internacionais

BlogsL!

Colunistas

2 Pontos

por Rodrigo Borges e Fabio Chiorino

Blog da L!TV

Vídeos

Blog do Baldini

por Wilson Baldini

Blog do Bechler

por Marcelo Bechler

Blog do Kfouri

por André Kfouri

Blog do Garone

por André Schmidt

Blog do Gui Gomes

por Guilherme Gomes

Blog do Guilherme de Paula

por Guilherme de Paula

Blog do Janca

por João Carlos Assumpção

Blog do Mansell

por Eduardo Mansell

Blog do Marra

por Mário Marra

Blog do Salata

por Thiago Salata

Blog do Tironi

por Eduardo Tironi

Bulla na Rede

por Rafael Bullara

Crônicas do Morumbi

por Ricardo Flaitt

De Prima

por Fábio Suzuki e Igor Siqueira

Em Cima do Lance

por Bernardo Cruz e Igor Siqueira

Fora de Campo

O dia-a-dia dos atletas

Futebol & Ficção

por Valdomiro Neto

Futebol na Terrinha

por Thiago Correia

Gol de Canela FC

por Jonathan Oliveira

Humor Esportivo

Trollagem e zoação

Laguna Olímpico

por Marcelo Laguna

Lance! Livre

por Lucas Pastore

Made in USA

por Thiago Perdigão

Marketing & Economia da Bola

por Amir Somoggi

Números da Bola

por André Schmidt

O Mundo é Uma Bola

por Leonardo Pereira e Luiza Sá

Papo com Boleiro

por Luiz Otávio Abrantes

Planeta Fut

por Luiz Augusto Veloso

Press Start

por Lazlo Dalfovo, Pedro Scapin e Thiago Bicego

Quem Não Sonhou?

por Gabriel Carneiro

Saque

por Daniel Bortoletto

Segunda Pele

por Leonardo Martins, Rafael Bullara e Vinícius Perazzini

Super-Raio X

por Alexandre Guariglia

Tênis

por Fabrizio Gallas

Clubes

Doentes


Goiás! Grêmio! Atlético Mineiro 1 x 1 Botafogo

por Mauro Beting em 05.jul.2009 às 20:31h

* O gol fez mal ao Galo. O empate fez muito bem ao Botafogo para o que deve ser feito – além de reforçar o elenco para anteontem: a manutenção de Ney Franco.

* Renan Oliveira tem potencial para armar o time. Mas, como quase todo o Atlético, foi mal no Mineirão que esteve mais uma vez cheio e lindo. O que não pode descartar por completo sua escalação mais vezes.

* Júnior fez falta na armação. Para a mecânica da equipe, melhor ele como meia, mais solto. Se não havia Feltri (quem diria…), melhor fazer o que foi feito – Marcos Rocha na lateral esquerda.

* Juninho fez a diferença que igualou o placar. Há muito tempo não há um batedor de longa distância no Brasil como ele. Funciona melhor como batedor de faltas de como zagueiro do Botafogo.

* Jean Coral parou tudo que o Fogão criou depois do empate. Saudade de Victor Simões e de Reinaldo.

Tags:

  • Eduardo Guimaraens

    Não vi nem jogo e nem compacto, só ví os gols, que aliás, foram de boa feitura e melhor de bola correndo….Mas a dupla argentina funcionou e isso é bom. Tem uma semana para pegar o Corinthians…Muito trabalho pela frente vai ser já que será um jogo difícil. Mano sabe tudo e mais um pouco, tem um time bem armado. Autuori que também sabe, começa um trabalho.

  • Bruno Amoreli do Lago Lopes

    Olá Mauro, blz?
    Assisti ao jogo entre Atlético e Botafogo no Mineirão. Sou corinthiano, moro em BH e de vez em quando vou ao Mineirão assistir um ou outro jogo. Tinha expectativas de ver um time do Atlético organizado, partindo pra cima com qualidade. No início até que o Galo conseguiu, mas depois do gol de Éder Luiz parece que o time entrou em pane. A defesa bateu cabeça e Thiaguinho quase empatou pouco após o gol do Atlético. Márcio Araújo e Carlos Alberto embolavam pelo setor direito, tanto que não dava pra saber quem era o lateral e quem era volante. Se atropelaram por ali, não conseguiam tramar uma saída de bola, nem confundir a marcação do Botafogo. Só confundiram a si próprios. O Botafogo conseguiu numa falta o gol de empate. Só assim mesmo para conseguirem, pois o futebol apresentado não justificava o placar de igualdade até ali.
    Depois disso o Botafogo cresceu e jogou um pouco melhor até o fim do primeiro tempo. Lucio Flávio e Thiaguinho tentavam articular alguma coisa, mas sempre que a bola chegava para Jean Coral a zaga do Atlético roubava. Jean Coral foi o pior jogador do Fogão.
    O Galo no toque de bola, sem velocidade e sem criatividade. Renan Oliveira assistia ao jogo, Junior sofria na lateral, Éder Luiz continuava jogando de cabeça baixa. O primeiro tempo terminou, e nos vestiários Celso Roth troca Renan Oliveira por Julio César.
    Julio César entou com vontade e em poucos minutos produziu mais que o camisa 10 do Galo. O Atlético tinha mais volume de jogo mas era pouco efetivo. Ney Franco colocou Tony no lugar de Renato e o time do Fogão melhorou e passou a tomar conta do jogo, não pela substituição, mas sim porque o Atlético parou de jogar. Roth tentou com Junior no meio, improvisando o lateral direito Marcos Rocha na esquerda. Saiu Renan volante para sua entrada. O Galo melhorou um pouco, mas não muito. O Botafogo seguiu mais perigoso até o fim da partida. Decepcionei-me com o Atlético. Não demonstrou o futebol de líder. O Botafogo foi surpresa, pois não se intimidou diante dos donos da casa.

  • http://www.ferreiraneto.com.br Custodio Neto

    O Galo, sem Thiago Feltri, veio com Junior pela lateral esquerda e o resultado foi um time apático, sem criação.

    No 2º tempo, Celso Roth ainda tentou consertar.

    Tirou Renan Oliveira (que voltava de contusão) e colocou Julio Cesar, para fazer frente aos 3 zagueiros botafoguenses.

    Depois, colocou o lateral direito Marcos Rocha, na esquerda, t e avançando Júnior ao lugar que deveria estar (no meio).

    O time esboçou uma criação melhor mas definitivamente não era a tarde do Galo.

    O Botafogo, por outro lado, jogou o melhor jogo dele no Brasileiro 2009, seja tentando sair do rebaixamento, seja pelo técnico Ney Franco.

    Pior para o Galo que perdeu a liderança e enfrenta o Cruzeiro na próxima rodada.

    Se considerar que o jogo com o Botafogo foi o 1º de uma sequência de 5 jogos em casa, nas próximas 6 rodadas (Botafogo, Cruzeiro, São Paulo, Fluminense e Goiás), intercalados apenas pelo jogo contra o Vitória, no barradão, aliado ao término da Copa do Brasil e do Brasileiro, esse era o momento exato para o GALO vencer e iniciar a arrancada paera uma sequência de vitórias em casa que dê segurança à torcida, jogadores e comissão técnica de que a liderança não foi apenas uma fase.

    Ainda nada mudou.

    Mas é bom o Presidente do Galo pensar em ter um lateral esquerdo para o lugar do Feltri.

    Júnior deve mesmo é permancecer no meio.

    E vencer o Cruzeiro será fundamental para as pretensões atleticanas pois Inter e Grêmio já deram o sinal de sua graça, Palmeiras e Flamengo também venceram e o Corinthians traz consigo o peso da Copa do Brasil.

    Mais do que nunca, é hora de BICAR ELES GALÔôÔôÔô!!!

  • Jonas Rafael

    O Grêmio não jogou bem. Especialmente no segundo tempo. As bolas que não entraram contra o Cruzeiro entraram ontem. Bom aproveitamente, mas o time talvez desgastado de correr com 10 em campo na quinta, sofreu. Deu pro gasto mas precisa melhorar muito. Vamos ver o que o Paulo Autuori vai fazer com tempo pra trabalhar.

  • Gomes

    É infelizmente falta muito a meu Galo. A bola não chega com qualidade. Quem disse que o Renan é jogador de futebol o enganou. Muito fraco no desarme e não faz o time jogar, pega a bola e so joga para trás.
    Agora bom mesmo neste time é O Welton Filipe, se continuar com seriedade, será brevemente vendido para a EUROPA. Este sim é xerifão.
    O Seginho tem lugar garantido neste time. Temos que conseguir aumentar a estatura do meio campo e ter mais opções no ataque.
    Roth, tem que pedir contratações urgentes, dá na canela do Bebeto e do Kalil.

  • http://ibest Jorge Pantaleão Furtat

    Falta ousadia a direção gremista. Passaram 60 dias dizendo que trariam RENATO (EX-FLAMENGO) E RAFAEL CARIOCA. Jogar com Adilson é bobagem. Jogador de qualificação técnica terrivel. Desculpe-me Adilson. O Técnico teria atritado com RUI. Em pleno libertadores, trocamos de técnicos duas vezes e a mudança de esquema. Thiego na ala direita é um erro crasso e n ão entendo como AUTUORI não percebe que o jogador é muito fraco técnicamente. A dupla Argentina deveria ser experimentada há 60 dias atrás. Ousadia que a direção do internacional tem. Contratam craques e simplesmente ganham títulos. Sou gremista, mas percebo antecipadamente que o colorado vai ganhar o título antecipado com pelo 14-15 pontos dos demais.