Celso Roth ataca de novo! Sim, ataca!

por Mauro Beting em 15.jun.2009 às 23:15h

Olha o Celso Roth, de novo!

Escreve o jornalista Rogerio Jovaneli

Em seis jogos, quatro vitórias (duas delas fora de casa, contra Sport e Atlético Paranaense, e uma contra o Grêmio, atual vice-campeão brasileiro), dois empates e nenhuma derrota. Essa é a campanha do novo líder, Atlético Mineiro, melhor ataque do Brasileirão deste ano, juntamente com o Santos, com 14 gols marcados, o dobro do badalado Internacional, vice da competição, justamente por ter um saldo de gols menor que o do Galo (cinco contra nove do líder). Atlético que nos últimos dois jogos marcou sete gols e não sofreu nenhum.

Galo Mineiro que era treinado por Émerson Leão até as finais do Mineiro e que depois passou a contar com os ótimos serviços de Celso Roth, justamente o treinador responsável pela excelente campanha do Grêmio, vice-campeão do Brasileiro 2008.

Celso Roth que inexplicavelmente é odiado, pouco reconhecido, tendo sido demitido do Grêmio que ele construiu no ano passado, apesar da boa campanha do time na Libertadores deste ano. Deixou o time sem ter perdido uma única partida. Invicto.

Celso Roth que montou um novo Atlético, com Carlos Alberto (ex-gato, ex-Corinthians) na lateral direita, Thiago Feltri (jogador nascido nas categorias de base do Galo) na lateral esquerda e com Júnior (ex-Palmeiras, ex-seleção, ex-São Paulo) mais à frente, na meia. Uma ótima sacada, já que Júnior já não tem fôlego para marcar como lateral. O time, com Leão, atuava com Elder Granja (ex-Palmeiras e atualmente no Sport) na lateral direita e Júnior na esquerda.

Será mera coincidência a liderança do Atlético Mineiro? Ou é resultado de (mais um) bom trabalho de Celso Roth?

O Brasileiro está no início. Portanto, ainda com bastante tempo de valorizarmos devidamente o trabalho desse bom treinador. Celso Roth não é Telê Santana nem Rinus Michels, ainda carece de uma conquista importante no currículo, mas é muito bom profissional e não deve nada a nenhum técnico brasileiro. Nenhum.

Escreveu Rogerio Jovaneli

Tags:

  • Rafael Martins

    Celso Roth rendeu ao Galo sua melhor campanha em campeonatos brasileiros na “era pontos corridos”.
    Mas não me lembrava disso. Ninguém se lembrava.
    Primeiro, que, por ser atleticano, eu prefiro me esquecer aquele fatídico ano de 2003… Segundo, porque o Atlético apesar de seu regular 6º lugar, não regulava, ou, regulava demais.
    Se não me engano, empatou 15 vezes (em grande maioria em jogos que poderia ter ganho…)
    De futuro, incerto, sabe-se muito pouco.
    De passado, Roth e sua “mecânica” foi sempre foram alvos de críticas e acusações de “retranqueiro”.
    De presente, têm se um time limitado extrapolando seus limites.
    Mudou o Galo, mudou o Roth. Ambos possuem novas caras. O Galo, mais turrão com os adversários. O Roth, menos turrão com todos.
    Um outro time com o mesmo time. E Roth está se deliciando com isso. E a massa atleticana também.

  • Igor

    Parabens mauro pelo blog! sem duvida um dos melhores de todos os comentaristas… quem vai parar o GALOOO???

  • MARINA

    Roth com uma única diferença do Grêmio do ano passado: esse ano ele vai ser campeão brasileiro….

    GALOOOOOOOOOOOO !!!!!!!!!!!!!!

  • http://www.ligadonabola.com.br Thais

    Elevador da Rodada

    O aclamado Elevador da Rodada voltou! Depois de 1 semana de folga, descansando em seu mecânico favorito, a máquina mortífera do Ligado Na Bola retorna para elogiar, criticar e apontar as maiores personalidades da semana que se passou! Segurem-se em suas poltronas, porque ele está de volta…

    Jogadores…

    “O cara” – Edivaldo (Duque de Caxias)

    Édiprimeira, Édimais, Édistaque, Édicairoqueixo… EDIVALDO é o cara! A combinação EDIlson (malandro) + VALdívia (mágico) + DaDO Dolabella (explosivo) deu certo no time carioca, e ele meteu nada mais nada menos do que 4 gols nas redes do América de Natal, pela série B!

    “Com que cara” – Bruno (Flamengo)

    Soltou Bruno, rebateu Bruno, largou Bruno, deixou passar Bruno… O comentarista da Globo, Luís Roberto, cansou de repetir frases desse tipo no domingo. Foram “apenas” 3 falhas decisivas no jogo contra o Coritiba… É Brunão, com que cara você volta pro Rio agora hein?!

    “Troféu Susan Boyle” – Marcelinho Carioca (Santo André)

    Das cinzas ele retorna. Para surpresa de muitos, que dão sua carreira como encerrada, Marcelinho Carioca (ele mesmo!) soltou a perna contra o São Paulo e além de criar boas chances para o time do ABC, ainda marcou um golaço no primeiro tempo. A surpresa da semana então, leva o troféu! Marcelinho Boyle neles!

    Equipes…

    “A esquadra” – Espanha

    A seleção espanhola passeou! Com 15 minutos o placar já apontava 3 a 0. Se forçasse um pouco mais, a Fúria poderia ter aplicado uma goleada histórica! Mas como parou, fez “só” 5. Vale destacar que a Nova Zelândia não é parâmetro pra nada, mas que os espanhóis jogam bonito, ah jogam!

    (continua…)

    http://www.ligadonabola.com.br

  • Mario

    oi Jovaneli ,quem montou o Grémio do ano passado foi o Wagner Mancini que estava invicto na temporada e foi mandado embora ai chegou o Roth perdeu dois jogos seguidos ,um pelo gaúcho e outro pela copa do Brasil( se não me engano) e foi eliminado das duas competições não vou nem falar do Br8 aonde ele consegui dar o titulo de mão beijada para o SP(deve ter sido agradecimento por ter salvado o pescoço dele no 1 jogo do BR8 quando o Gremio venceu o SP no morumbi ).
    Agora para um técnico ser bom na minha opinião ele tem que montar um time que joga bonito e massacra o adversário ou que apesar de jogar feio de doer e ganha titulo duas coisas que Roth nunca fez ou pelo menos eu não me lembro e olha que ele ja dirigiu vários times grandes como o seu Palmeiras entre outros grandes e sempre fracassou.
    E eu não me lembro de nem um tecnico ser amado pelos seus fracassos e sim odiado(tirando o Abel que só foi campeão no Inter ,mas é amado em por torcedores da Ponte Preta e do Flu mesmo sem ter sido campeão pelos seus times ).

  • Misael

    Sou gremista e um dos poucos que queria a permanência do Celso.
    Infelizmente a grande maioria da torcida (liderada por aquela conhecida organizada que só vai ao estádio arranjar confusão ) não gostava do técnico, e isso, aliado a sempre má vontade da imprensa gaúcha com o treinador, contribui e muito para sua saída do tricolor.

    Torço para que ele novamente vá bem aí no galo e que sabe até sejá campeão, mesmo com esse grupo de jogadores limitadíssimo que tem o Atlético. Se conserguir terá feito um verdadeiro milagre!
    Está certo que o grupo do Grêmio do ano passado não era espetacular mas era bem melhor que esse atual do Atlético.

    Acho que pelo menos a vaga pra Libertadores ele consegue.

    Ah! Só deixa eu lembrar que o Grêmio do ano passado seria campeão até com certa facilidade não fossem os inúmeros erros de arbitragem, quase sempre beneficiando o São Paulo. E não é choro não! Nem mesmo a imprensa do centro so país deixou de falar que sem os erros de arbitragem o campeão seria o Grêmio.
    E não foi só o Mauro Beting (o único imparcial aí no eixo que conheço) mas até a Globo fez as contas e até deu certo destaque para isso.

    Esse título pode até não fazer tanta falta pro Grêmio, devido aos inúmeros que possui, mas com certeza para o Celso faria toda a diferença! Assim a imprensa aqui do sul seria obrigada a se render e por conseqüencia a grande maioria da torcida gremista que é uma verdadeira “foca amestrada” dessa imprensa também renderia suas homenagens ao Celso.

    Parabéns pelo texto Mauro! Minha admiração pelo melhor jornalista esportivo do Brasil cresce cada vez mais!

  • Luan Frainer

    Por enquanto o Roth ta dando certo, foi assim ano passado no Grêmio, esse ano ele insistia com o 3-6-1. Com um unico atacante na frente. E quando ele colocou dois o time jogou melhor na na Libertadores.Ele começou a inventar coisas. Por enquanto ele ta dando certo, da qui a poko ele vai pedi aumento pra quase 400 mil reais por mês. O Galo para querer ser um Grêmio toa no passado precisa contratar mas um meia e um atacante. Por que o Grêmio teve que contrata o Souza.

  • Luiz Antonio

    E a história se repete, o Galo ganha do Ituiutaba, desculpem, do Nautico, é que a sequencia de jogos do galo até assumir a ponta no Brasileirão é muito parecida com a sequencia no mineiro deste ano até assumir a primeira posição. Será que quando o galo pegar um time de verdade de novo leva de 5a0 como no campeonato mineiro? Os atleticanos como sempre já estão comemorando vitórias, pois títulos…, logo estarão pedindo Marcio Araujo, Carlos Alberto ou qualquer outro bisonho na seleção.

  • Iran Né

    Caro Beting, só tenho uma coisa a dizer, esse líder é apenas mais um cavalo paraguaio.
    Um grande abraço !

    Iran né

  • zico

    comentário de um gremista,celso roth nunca ganhou nada,sempre parece que vai,mas nunca chega,se não ganhou com o grêmio que é um clube vencedor,imagine com o “galo”que só tem um título,isso em 1971.

  • http://cinemaedepois.blogspot.com JúlioMM – Descalvado – SP

    O grande triunfo do Campeonato Brasileiro é a regularidade, é muito simples, todos contra todos em turno e returno, quem somar mais pontos é o campeão. Lembramos o ano passado com suas noticias, em Agosto o Gremio era o virual campeão, em setembro foi a vez do Cruzeiro, em outubro era o Palmeiras já rumo ao título, por fim terminou o São Paulo campeão, com incriveis 19 jogos do returno com apenas uma derrota.
    É regularidade, mas para isso os dirigentes têm que deixarem seus tecnicos desenvolverem os trabalhos, não como o Gremio que infernizou Celso Roth o ano passado.

  • Cristiano

    A única coisa que surpreende no Roth deste ano é o ataque ofensivo. Sempre retranqueiro, talvez tenha cansado de ser tão criticado pelas torcidas dos times que dirigiu até pegar o Galo e resolver lançar a campo um time mais digno e empolgante. No Grêmio, nem jogando em casa com um homem a mais, vencendo por 2 x 0 e vendo o adversário com apenas 1 atacante em campo o Celso abria mão dos 3 zagueiros. Ele sempre foi do tipo de treinador que vê seu time fazer um gol aos três do primeiro tempo e aos cinco tira um atacante para colocar mais volante.

    Talvez tenha mudado. Desejo boa sorte ao Atlético, mas fiquem sempre com um pé atrás. Esse cara tem cheiro de fracasso. Nasceu para ser vice.

    Quem diz isso é um cara que viu seu time liderar o campeonato inteiro e perder o título há poucas rodadas do fim, depois de abrir 11 pontos de vantagem para o segundo colocado.

  • http://jornalismoesporteclube.blogspot.com Maurício Vargas

    O Celso é muito Rothulado (essa doeu).

    Mas falta-lhe dar mais consistência aos seus times no segundo turno.

    Falei sobre ele no blog também. http://jornalismoesporteclube.blogspot.com

    Abraços!