Palmeiras 3 x 1 Cruzeiro

por Mauro Beting em 14.jun.2009 às 20:34h

* Escalado pela Rádio Bandeirantes, congelo aqui na cabine do Palestra Itália *

* Um dos melhores jogos do BR-09. Uma das mais polêmicas arbitragens. Uma das melhores partidas do Palmeiras. Uma das melhores atuações de um time misto no campeonato, mesmo perdendo. Mesmo com o Cruzeiro não vencendo fora de casa desde setembro. Foram 8 chances palmeirenses contra 6 cruzeirenses.

* Fábio. Em 15 minutos, quatro defesas espetaculares, para todos os gostos, e desgostos verdes. Um goleiro que compensa as falhas defensivas azuis.

* Com o retorno de Willians, como era de se esperar, voltou a luz e a velocidade do jogo verde. Diego Souza jogou na dele (meia-atacante), e Cleiton Xavier voltou para armar desde trás, dando um pé ao irrepreensível Pierre. Foi assim o melhor Palmeiras em 2009, num 3-4-1-2 que vira 3-4-2-1 com o recuo de Willians.

* Bernardo. O moleque promete. Parece um Alex destro. Mas como avisou Adilson, antes do jogo, na reportagem da Rádio Bandeirantes: “Alguém joga 15 minutos e já é craque…”. De fato. Mas o guri sabe das coisas. E não se esconde.

* Ele quase fez de cabeça, aos 7. E fez aos 24, cobrando falta, numa bomba que bateu em Cleiton Xavier, e matou Marcos, 1 x 0 Cruzeiro.

* Gustavo torceu feio o joelho aos 28. A zaga cruzeirense foi reforçada com o trauma com a saída de Gustavo para a entrada do melhor dos zagueiros azuis – Leonardo Silva.

* Aos 30, para corrigir o avanço despropositado de Sorín, Adilson compensou com Jonathan. Elicarlos fez a lateral, Jonathan entrou no meio.

* Marcão cabeceou em mais um passe preciso de Cleiton Xavier, aos 32. Mas, desta vez, a bola não entrou no gol de empate paulista.

* Indiscutível foi o golaço de virada e da virada verde. O gol que Keirrison precisava mais que o Palmeiras.

* O Cruzeiro iniciou o segundo tempo melhor, com Jancarlos e o volante Elicarlos nas laterais, Henrique na cabeça da área, o lateral Jonathan e Marquinhos Paraná como volantes-meias, Bernardo aberto à esquerda. Bem Adilson.

* O Palmeiras ampliou na primeira escapada boa de contragolpe, num lance comentado no bota-teima abaixo, aos 13min.

* Dudu, outro joia da base azul, veio para o jogo. Mas ele já estava muito difícil para o Cruzeiro, que mais parecia pensar na dureza de quinta-feira que no jogo no Palestra.

* Wendel responde melhor que qualquer outro que tenha atuado pela direita no Palmeiras em 2009. No primeiro tempo, só não fez um gol magnífico de canhota porque Fábio foi Fábio.

* Deyvid Sacconi entrou bem. Mais uma vez. Todas as chances que Evandro teve com Luxemburgo, Sacconi teve poucas.

* Velloso, Sérgio, Júnior Baiano, Cléber, Alex, Galeano e Evair. Os campeões sul-americanos de 1999 foram homenageados pelo Palmeiras antes do clássico contra o Cruzeiro. Festa mais que merecida pelos 10 anos do título, que serão completados em 16 de junho.

* BOTA-TEIMA – Pênalti em Diego Souza, empurrado na área, antes do lance do gol de Marcão? Para Alexandre Praetzel, companheiro de transmissão da Bandeirantes, sim. Para mim, da cabine, a mesma impressão. Pela TV, porém, lance normal. E aí? Para a minha interpretação, segue o jogo… Foi gol o de Marcão? Não validaria. Depois da cabeçada, a bola bate no chão e levanta tinta da linha fatal. Não entrou inteira. Em outro lance difícil para o assistente Altemir Haussmann– se sou bandeirinha, torço para não trabalhar no Palestra: dois jogos, dois lances complicados… Pênalti de Wendel em Bernardo, aos 43? Para mim, sim, O excelente meia-atacante cruzeirense foi tocado pelo ala-direito, aos 43… Aos 13, erro juvenil do assistente Roberto Braatz e de fraldinha da zaga celeste, que foi na do bandeira (anotou impedimento de K9 – que estava em posição de impedimento); porém, a bola foi para Wendel, em condição legal, vindo de trás. Keirrison não participou do lance. Desta vez, Vuaden foi muito bem. E Braatz, mal: não esperou a definição da jogada, numa precipitação que não cabe em assistente tão experiente.

P.S. – Em conversa pela Rádio Bandeirantes, Braatz afirmou que, para ele, a corrida de Keirrison em direção contrária a da bola indica que ele teve participação na jogada, que quis participar dela. É uma tese discutível. Mas eu continuaria validando o lance.

Tags:

  • Renato Faria

    O Cruzeiro vem sendo prejudicado SISTEMATICAMENTE em seus jogos. Foi assim contra o Flamengo no primeiro jogo (no penalty e expulsão), contra a violência de Sampa e Inter e absurdamente contra o Palmeiras.

    SISTEMATICAMENTE também são os beneficiados… me impressiona como os times de São Paulo são favorecidos… O dia em que Corinthians, Palmeiras e São Paulo chorarem pela arbitragem, será a moralização do futebol…

    Por fim, o comentário da imprensa que SISTEMATICAMENTE repete que “os erros acontecem, não existe erro premeditado e nem time beneficiado, blá blá blá… e SISTEMATICAMENTE vamos vendo um erro atrás do outro (os capitais e/ou nos momentos decisivos) sempre em favor dos mesmos.

    E vale parabenizar os árbitros e quem os dirige… afinal, tiveram que se adaptar ao longo dos tempos… antigamente era roubo na “cara dura mesmo” (assim como Foucoult chamava de Sociedade de Controle… era na marra)… agora é a Sociedade Discipliniar, você acha que vive com diretos e escolhas e que a arbitragem não quer roubar de você… são APENAS ERROS sutis e que acontecem sem maiores pretensões.

    Sei que o contra argumento vai ser de delírio persecutório ou síndrome de vira-lata… é maneira mais fácil de não enxergar a quantidade de erros em prol dos mesmos!!! Só não me venham com clichês ou com a verborréia de que o Cruzeiro mereceu a derrota, porque não é disso que se trata…

    No mais, Gerais… e boa sorte ao time Estrelado na quinta contra o Sampa e sua corja!!!

  • Luizão Mancha(Limeira-SP)

    Ê mineirada, para de choramingar, o VERDADEIRO PALESTRA impôs, de todas as formas, a sua mais que mereceida vitória…

    Tá certo que a bola do gol de empate não entrou toda, mas, convenhamos, tava bem difícil… Mas tb, se não desse o gol ele seria marcado no rebote!

    Concordo que há time paulista favorecido, mas, com certeza não é o Palmeiras… Muito raro erros a favor do Verdão e, quando ocorrem são daqueles que todos ficam na dúvida… O que não se aplica ao time do apito ROSA, que vira e mexe tem lances claros totalmente virados a seu favor (como no penalty em D. Souza em pleno Palestra)…
    Mas deixa estar… vamos levando assim, como sempre foi, contra tudo e contra todos e, ainda assim, meio que na raça, meio que na técnica, levar o caneco no final, tudo isso apesar de Luxemburgo…

  • Renato

    Por favor Renato Faria, meu chará,

    Acompanhe o bota-teima do Mauro Beting, desse ano e do ano passado, antes de falar as asneiras que vem dizendo. Ano passado o Cruzeiro nem de longe foi o mais prejudicado. Esse ano o Palmeiras acabou contando com dois erros sucessivos a seu favor, o que vai criar polêmica. Mas já tinhamos sido prejudicados antes.

    O campeonato está só no começo, guarde o choro pro final, e pense em criticar mais o seu time, que não vence há alguns bons jogos e não vem fazendo boas atuações. Boa sorte contra o São Paulo, torcerei por vocês.

    Mauro, gostei da análise. Seria possível uma prancheta com o Palmeiras de Willians? Gostaria de ver a diferença.

    []’s

  • Jean Frank

    Cruzeiro garfado de novo???!!

    Pelo amor de Deus vocês da imprensa…falem do Corinthians, do São Paulo…é só falar bem do Cruzeiro que tá essa lambança…o Palmeiras não precisa disso pra jogar contra o time misto do Cruzeiro, mas aí a coisa sempre acontece, contra o Cruzeiro.

  • Lets

    No começo do brasileirão o Cruzeiro e Internacional eram cantados em prosa e versos como os grandes favoritos a tudo, o futebol mais vistoso e varios outros adjetivos, desde então o Cruzeiro vem sendo minado, não existe um jogo apenas que o time não seja vítima de “erro” da arbitragem, até nas vitorias incontestáveis há um cartão a mais, uma violencia adversária não punida, um penalti não marcado, já nos tropeços, de não gol validado a voadoras ninjas tudo há.

  • Júlio César Rosa

    É preciso ficar de olho na arbitragem nos jogos do Palmeiras, já é a segunda vez seguida que são benificiados e se levarmos em consideração são ao todo quatro pontos que estão favorecendo a equipe do Palestra Itália que devem ser computados aos que sopram o apito, quer queiram ou não. É muito estranho que isto aconteça em lances parecidos em que um contra em que a bola entrou e o juiz não deu a favor do Barueri e o outro em que a bola não entrou e o juiz deu o gol a favor do Palmeiras.
    No final vamos ver se estes gols não vão ajudar o Palmeiras a ser o campeão, vamos aguardar de toda forma!

  • Adriano Gonçalves

    Meu Deussssssssssssssss o apito amigo parou de ajudar o time do Jd. Leonor (que por conta disso parou de vencer) e começou a ajudar o pessoal do Palestra Itália !!!!!!!!!!!!!!!!
    Contra o rubro-negro baiano não deu um gol, em bola que marcos defendeu após a linha. Ontem contra o Cruzeiro uma piada, a cabeçada de Marcão bateu em cima da linha e nosso bandeira deu gol e o terceiro gol impedimento clarissímo de Keirrison que participou da jogada e o juizão amigo mandou seguir e ainda quase comemora junto com a galera palmeirense.
    Nem citarei o pênalti em Bernardo para não desqualificar a vitória do Palmeiras.
    Isso é uma vergonha errar é humano mais persistir no erro é porquisse.
    Assim é fácil ficar entre os primeiros no Campeonato!!!!!!!!!!!!!

  • Bernardo Dória

    FALA SÉRIO!!! QUE O CRUZEIRO NÃO JOGOU BEM NINGUÉM PRECISA ME FALAR PQ EU ESTOU VENDO, MAS O QUE ESTÃO FAZENDO ESTES ÁRBITROS É COISA DE OUTRO MUNDO. VALIDANDO GOL QUE NÃO ENTROU, DEIXANDO DE MARCAR PENALTY, INDO CONTRA A MARCAÇÃO DO BANDEIRINHA DE IMPEDIMENTO. LEMBRO A VOCÊS QUE O BANDEIRINHA NÃO ESTÁ LÁ SÓ PARA VER A LINHA, ELE ESTÁ LÁ TAMBÉM PARA AVALIAR A INTENÇÃO DO JOGADOR EM PARTICIPAR DO LANCE, E O KEIRRISOM CORRE PARA A BOLA E DEPOIS PARA. QUAL FOI A ÚLTIMA VEZ QUE VIRAM O ÁRBITRO IR CONTRA O BANDEIRINHA???

    BERNARDO, entendo a revolta. Mas, da minha parte, não fiquei em cima do muro.

    DESSE JEITO FICA DIFÍCIL, FOMOS GARFADOS. E VOCÊS DA IMPRENSA TEM QUE PARAR DE FICAR EM CIMA DO MURO. POXA MAURO ATÉ VOCÊ!!! AS COISAS PRECISAM SER DITAS COMO A IMAGEM MOSTRA E NÃO DE FORMA “DESCOMPROMETIDA”.

  • ROSSI ALE LE BLEUS

    EM PRIMEIRO LUGAR AO COMENTAR EM SEU BLOG ACREDITO NA CAPACIDADE ,HOJE TÃO INCOMUM ENTRE OS JORNALISTAS, DE SER OUVIDO SEM QUE PARA TANTO PRECISE ME SUBMETER A RESPOSTAS OU CONTRA COMENTARIOS QUE DE ALGUMA FORMA SE TORNEM EMBARAÇOSOS!! FOI ASSIM QUE ME SENTI COM SUA RESPOSTA AO MEU COMENTARIO SOBRE A POSSIBILIDADE DE VOCE NAO TER ASSISTIDO O JOGO ENTRE CRUZEIRO E INTER MAS UM COMPACTO!! E NAO O FIZ DE MODO DESREIPEITOSO. VOCE DISSE QUE ASSISTIU, ENTAO DEVO ACREDITAR QUE SUAS CONCLUSOES SOBRE O JOGO FORAM FRUTO DE ALGUMA DISTRAÇAO, JÁ QUE MESMO SABENDO DE SUA PREFERÊNCIA CLUBÍSTICA, ACHO QUE VOCÊ É UM DOS POUCOS OU O ÚNICO QUE MANTEM O EQUILIBRIO, À ALTURA DOS SEU PAPEL DE COMENTARISTA E JORNALISTA.
    Hoje estamos novamente comentando os erros da arbitragem contra o Cruzeiro, parece muito facil a imprensa ( nao voce) dizer que o Cruzeiro anda mal quando joga fora de casa , mas em dois jogos em Sao Paulo foram quatro gols ilegais e um penalti nao marcado.
    Contra o Sao Paulo , uma falta gritante, que se cometido pelo zagueiro do Cruzeiro teria sido penalti, mas a imprensa ameniza e fala da raça do atacante washington enquanto no segundo tempo do jogo impedimento de dagoberto, quase ignorado pela imprensa paulista. Ontem, contra o seu Palmeiras novamente o Cruzeiro foi garfado, com um gol ilegal ( ja que a bola nao entrou sequer foi gol ilegal, foi um NÃO GOL) legitimado pelo arbitro, depois um penalti clarísimo para os celestes que foi ignorado pelo arbitro de rugbi, esse que nao apita falta foi apitar justamente um jogo que o GLADIADOR não jogou ( eeeta seca pimenteira!!!) e discordando de
    voce, o terceiro gol do Palmeiras tambem foi irregular porque ao contrario do que voce diz ( que Keirrisson não participou da jogada ) , Keirrisson participa da jogada fazendo um corta luz, todo o seu movimento foi compreendido assim pelo assistente e por mim e de fato esse ato iludiu a defesa cruzeirense, dai pra frente só um bola murcha pra errar o gol!!
    PLCAR MORAL DE ONTEM 2 A 2 , e nao acho que o mistão do Cruzeiro jogou bem não!! Fiucou aquem , muito aquem do esperado. Pobre Adilson, pode arrebentar pro lado dele e eu sei sque ele nao é o culpado, afinal perder dois atacantes, um meia e um volante ( so agora wagner esta voltando) perder quatro laterais esquerdos e perder um zagueiro , sao nove jogadores, algusns titulares absolutos , outros reservas imediatos!!! Não é facil rearmar a equipe nestas condiçoes , ainda mais preciçsando vencer!!!

    ROSSI, valeu pelas considerações.
    Mas, para mim, Keirrison corre para o outro lado. Para mim, em nome do gol, não se deve parar um lance desse pela ação do atleta – que não chamou a atenção da zaga celestete. Não acho que ele tenha feito um corta-luz. É um lance de interpretaçõa muito interessante, e que merece ampla discussão, SEM DONO DA VERDADE. Para mim, gol legal, mas por questão de uma interpretação minha em lances do tipo. Acho que a intenção do legislador é dar mais chances de gol em casos como esse. E, sem dúvida, a precipitação do assistente é amplamente debatida e condenada pelos orientadores de arbitragem. a intenção dessa nova – já não tão nova – interpretaçào é deixar o jogo seguir. Como para mim, foi o lance do Palestra. e como costumo interpretar em jogadas similares.

  • Renato Faria

    Ao nobre xará RENATO:

    Quer dizer que o bota teima do Mauro disse que o Cruzeiro não é um grande prejudicado e o Palmeiras não é beneficiado???? AH, então me desculpe, porque se um palmeirense, com critérios subjetivos disse isso então eu não devo mais criticar… desculpe mesmo, Renato.

    E PELAMORDEDEUS… para com esta história de misturar as coisas. Não é porque jogamos mal que o árbitro e seus MUITOS erros devem ser deixados de lado.

    LUIZÃO “Mancha”: Veja os números do confronto dos Palestras. Até o jogo de ontem tinhamos o mesmo numero de vitórias. O Palmeiras passou uma vitória a frente, no geral (e no apito… hehe). Mas somente em jogos do Brasileiro o Cruzeiro ainda tem TRÊS vitórias a mais.

    E ROSSI, graças a Deus o Mauro Betting é jornalista, porque se fosse árbitro ia morrer de fome (e matar de raiva… RsRsRs). Interpretar o lance do terceiro gol como normal!?!?!?! O ídolo dele deve ser o ARMANDO MARQUES… (com todo respeito, hein Mauro)!!!

  • alessandro rodrigues

    CRUZEIRENSES ESPERANÇOSOS:
    sexta feira vai ser o melhor dia do ano para nós.
    motivo: ou passamos pelos bambis ou o adilson cai.
    mauro, temos bernado,dudu o matheus e o adilson continua com henrique
    jeancarlos,depois vc não quer que fale mal dele.

  • Renato

    Ao xará novamente,

    Você tem o direito de achar o que quiser. O que nem de longe significa que está certo. Eu acho que temos que ser menos hipócritas. Lembra de um certo 5×0 do seu time sobre o meu, onde em 5min o árbitro Wilson de Souza Mendonça (salvo engano) expulsou o Pierre num lance que não foi falta, e não deu pênalti para o Palmeiras, de Alecsandro numa cobrança de falta?

    Nem por isso eu vou dizer que a derrota foi por causa dos erros de arbitragem. O Palmeiras foi superior ao Cruzeiro, desde o início do jogo.

    E por favor, o pênalti no Bernardo pra mim é discutível, assim como o possível pênalti no Diego Souza. O erro se deu realmente pelo gol do Marcão que foi validado, e só.

    E é óbvio que o terceiro gol foi regular. A regra diz que se deve esperar a conclusão do lance pra levantar a bandeira. Agiu corretamente o árbitro.

  • http://ww.cox.net Mauricio Lizardo (USA)

    A chance do Palmeiras ganhar do Cruzeiro no Palestra jah era grande, pois meu Cruzeiro nao tem ganhado de ninguem fora de casa, agora que houve sim a ajuda do juiz isso ficou bem claro. Ja estava dificil pra nos vencer o porco, principalmente porque nosso time jogou praticamente com 3 titulares, e com a “forcinha ” do juiz, ficou praticamente impossivel. Tem problema nao, ainda tem muita agua pra passar de baixo da ponte, e sei que meu time dara a volta por cima. Podem esperar.

  • Jean Frank

    Mauro, o fato do bandeirinha levantar a bandeira no lance do terceiro gol não chama a atenção da zaga cruzeirense? O palmeiras não ganhou só pelos erros do juiz, mas dizer que quando um bandeira assinala o impedimento (pois o K9 vai em direção a bola sim, mesmo esta não indo em direção ao mesmo) e a zaga celeste para (neste devia ter a crase mantida) não se caracteriza erro ou falta de critério, é algo um tanto quanto cômodo.

    JEAN, a zaga precisa ser mais esperta. aliás, todos: até o Wendel quase parou no lance.

  • Renato Faria

    Ao irreproxável xará, Renato:

    Caro amigo,

    No lance do terceiro gol, o willians só corre atrás da bola, depois do bandeira erguer seu instrumento de trabalho… afinal, ele percebe que o Keirrison corre para o lance, para, assim como a defesa celeste e só assim o Willians corre… DUVIDODEODÓ que ele seria capaz de marcar o mesmo lance contra o time da casa…