PAUTA DO DIA – Internacional 100%

por Mauro Beting em 02.jun.2009 às 16:44h

—–Mensagem original—–

De: Mariana Fraga

Enviada em: segunda-feira, 1 de junho de 2009 13:35

Para: Mauro Beting

Assunto: Inter

Mauro,

precisamos que você escreva um texto para mostrar o que muda no Inter misto, mas que ainda permite ao time manter um bom nível. E explicar pq os outros clubes não conseguem montar times mistos tão bons quanto o do Colorado.

Obrigada desde já.

Mariana Fraga

ATENDENDO AO PEDIDO:

O que muda nos reservas de Tite, por ora, é apenas o RG. O DNA é o mesmo. Tite conseguiu padronizar a equipe no 4-3-1-2, e o desempenho tem sido notável pela mecanização do desempenho dos atletas nas funções específicas.

Mas tudo só realmente acontece pela técnica elaborada do elenco, e pelo claro comprometimento no vestiário e no gramado. Tudo facilitado pelos resultados e mesmo pelo ótimo ambiente do centenário. A estrutura ajuda, as tantas conquistas recentes, idem. Mas nada daria certo se não fosse a qualidade dentro e fora de campo.

O padrão e o resultados não variam. Pode jogar completo, pode só escalar dois titulares (como na vitória sobre o Avaí), o Inter é 100%. Pode atuar bem, pode jogar mal, também segue vencendo. O ciclo virtuoso – por ora – se mantém.

E Tite não deverá mais mexer na estrutura da equipe. Na ótima vitória em Goiás, ele adiantou Gluliano como meia-atacante, compôs o time num 4-3-2-1. Não foi feliz. Contra o Avaí, optou por Talles Cunha para dar velocidade e a mesma característica de um velocista na frente. Deu certo.

No mais, tudo se assemelha: na lateral direita atua um zagueiro de origem (Bolívar ou Danilo Silva), o que facilita o apoio do lateral-esquerdo mais ofensivo (Kléber ou Marcelo Cordeiro). No meio, o cabeça de área sabe jogar, como os volantes-meias laterais. À frente do losango, mais próximo da dupla de ataque, um meia-atacante dinâmico e hábil (D’Alessandro ou Andrezinho).

No ataque, um que corre, e outro que faz gols – Nilmar ou Alecsandro. Mas não apenas isso.

Não apenas o Inter tem dos mais ricos elencos do país. É um dos mais entrosados, e com menor abismo de qualidade entre titulares e reservas. O que facilita o trabalho do treinador, que também tem tido sorte na montagem da equipe – o que não é demérito, apenas constatação.

Tags:

  • http://www.ferreiraneto.com.br Custodio Neto

    ———————————————————————————

    —–Mensagem original—–

    De: Custodio Neto

    Enviada em: terça-feira, 2 de junho de 2009 17:21

    Para: Mauro Beting

    Assunto: GALO
    ———————————————————————————

    Mauro,

    Não sou editor, apenas um torcedor que está visitando seu blog.

    Ja que os editores pedem matérias como a do Marlus, do Sâo Paulo, por gentileza, será que você poderia fazer um texto pequeno e discreto sobre as possibilidades do Galo do Técnico SEXROTH galgar a liderança nas próximas 6 rodadas!

    Grato.

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • http://www.ferreiraneto.com.br Custodio Neto

    Em tempo: o pedido é sério, apesar da brincadeira com o nome do técnico, que, aliás, não fosse pela sua “fama” com a imprensa, talvez a campanha do razoavel do GALO MINEIRO até então tivesse maior atençãod a imprensa brasileira.

  • http://www.wv.santos.zip.net WALDEMIR VIDAL SANTOS

    MAURO PARABÉNS PELOS COMENTÁRIOS A RESPEITO DO INTERNACIONAL 100%

  • http://www.wv.santos.zip.net WALDEMIR VIDAL SANTOS

    CARO MAURO BETING PARABÉNS POR ESTE COMENTÁRIO A RESPEITO DE INTERNACIONAL, LEMBRO A VC MAURO QUE NA EQUIPE DE JUNIORES DO INTERNACIONAL TEM UM ATACANTE QUE É BAHIANO DA MINHA CIDADE JEQUIÉ O NOME DELE É PEDRO HENRIQUE, NO ANO PASSADO NA PRIMEIRA TEMPORADA ELE JOGOU NO JUVENIL DO VASCO DA GAMA DEPOIS FOI PARA O INTERNACIONAL(RS), EM BREVE COM CERTEZA SERÁ UM DOS DESTAQUES DO INTER, LEMBRO TAMBÉM QUE O EX-LATERAL ESQUERDO DO VASCO DA GAMA GUILHERME HOJE NO ALMERIA DA ESPANHÃ É BAHIANO DA CIDADE DE JEQUIÉ, O ATACANTE AMILTON DO IPITANGA É BAHIANO DE JEQUIÉ COMO O ATACANTE VAL BAIANO DO BARUERI O ATACANTE JUCA DO GAMA É BAHIANO DE JEQUIÉ.
    GOSTARIA DE SABER QUAL O ESQUEMA TÁTICO QUE O VASCO DA GAMA DEVERÁ UTILIZAR CONTRA O CORINTHINAS.
    UM FORTE ABRAÇO
    WALDEMIR VIDAL

  • claudio romanelli

    Esse inter é cavalo paraguaio,duvido que daki ha 5 ou 6 rodadas eles ta abaixo dos que classifica pra libertatadores..Os times mais fortes as moranguinhas do sul não enfrentou…O interregional ganhou do time reserva do Corinthians,pegou a galinha morta do palmeiras,venceu o fraco goias e pegou outro mosca morta do Avaí. Poratnto na copa do Brasil vcs vão ver o quanto esse time do interregional é fraco..pura balela.

  • Lucas Fagundes

    Correto Mauro, concordo com a tua análise do Inter.
    Mas como o Tite se vale de um lateral ofensivo pela esquerda (Kléber ou Marcelo Cordeiro) e um zagueiro destro( que logicamente é mais defensivo) pela ala direita e, ainda com um meia canhoto (D’Alessandro) o time não ficaria previsível com uma equipe que tende a jogar pela esquerda?
    Não concorda que uma marcação mais cuidadosa desse lado esquerdo e um volante grudado em D’Alessandro inviabilizaria a criação da equipe?
    Concordo que o time ainda possui a melhor dupla de ataque do Brasil, mas com uma equipe compactad, a velocidade dos dois se torna um pouco menos letal.
    Claro que tudo isso é complicado de uma equipe adversária fazer a contento e essas três armas principais do Inter já são um grande trunfo.
    Além de as outras equipes terem seus defeitos e terem que jogar.
    Visto o Brasileiro ser uma competição de pontos corridos, dificilmente o titulo escapa do Inter.
    Entretanto, não acho o título da copa do Brasil favas contadas.
    Abraço

  • Gilberto COLORADO

    Mauro, parabéns pelos comentários. Discordo totalmente com que diz que o Inter é cavalo paraguaio, quem diz que o Inter só jogou com galinha morta eu pergunto teu time teria vencido aqueles jogos com time misto (máximo 4 titulares)?
    Concordo plenamente com o Lucas Fagundes, jogo de mata-mata nunca dá para dizer que é favas contadas porque um dos jogos pode cair naquele dia que dá tudo errado e tudo certo para o time adversário e aí danou-se… O mesmo não dá paea dizer em campeonato de pontos corridos, onde uma má jornada eventualmente possa aparecer, mas que não vai atrapalhar a campanha como um todo porque não ocorre desclassificação.
    Espero que o Inter vença o Coxa hoje, e na domingo contra o Cruzeiro, se jogar com time misto, que escale os seguintes titulares: Guiñazu, Sandro, Alecsandro e Taison; e deixe na reserva o D’alessandro, Magrão, Andrezinho,o Giuliano e o Tales Cunha para uma eventual necessidade. Se for deste jeito, pode voltar com uma vitória ou um empate. Para mim, a dupla de zaga titular é Dany Moraes e Sorondo (quanto estiver 100%).
    Será o jogo de domingo que dirá o quanto meu time é forte, sendo que se jogar bem e perder, não será um desastre porque é o Cruzeiro, um dos melhores times do Brasil, jogando em casa, salvo se ele jogue com os reservas…

  • Orleans

    NÃO ESQUEÇAM QUE O FLAMENGO SEM ATAQUE DEU UM NÓ NO INTER AGUARDEM DAQUI A TRÊS RODADAS…

  • MICHEL MARIANO PIZZETTI

    Mauro O nosso time misto o sistema defensivo é melhor que o Titular , ja que temos Sorondo e Danny Morais e nas laterais Kleber não apóia prefiro o Marcelo Cordeiro e o Danilo Silva tem mais vontade do que o Bolivar , então pelo sistema defensivo eu acho o mistão melhor que o Titular.Como diz os torcedores do Atletico mineiro , esse time reserva do Inter é o segundo melhor time do Brasil só perde pros titulares ehhehe. Abração

  • Mauro beting

    Mauro sei que és uma pessoa muito atarefada ,mas soube do trabalho de estagiário em sua redação.gostaria de saber como faço para me escrever,se possivel um telefone de contato pois estou no ultimo ano de jornalismo e gosto muito de sua coluna. obrigado desde já.