Liga dos Campeões – Semifinal – Ida – Dia 2

por Mauro Beting em 29.abr.2009 às 17:20h

MANCHESTER UNITED 1 X 0 ARSENAL

* Van Persie, para variar, fora do time – como segue fora Rosicky, há 14 meses. Contra um antenado e inspirado Manchester, deu mais que a lógica. Os Red Devils seguem favoritos. O empate é deles em Londres.

* Não fosse o goleiro espanhol Almunia, autor de três grandes defesas no primeiro tempo, a goleada do United não seria surpresa. Mesmo com a equipe não jogando tudo isso.

* Wenger isolou demais Adebayor e contou com pontadas esporádicas de Walcott pela direita. Fábregas, bem marcado por Fletcher e/ou Carrick, teve pouco espaço, no primeiro tempo. Nasri apequenou-se pela esquerda.

* Impressionante a aplicação tática do Manchester. Baseado em algo próximo ao 4-3-3, com o recuo dos ofensivos Ronaldo e Rooney pelos lados, a equipe marcou muito sem a bola, e atacou bastante desde sempre na primeira etapa.

* Se Cristiano e Rooney podem seguir meio-campistas ou laterais rivais, por que nossos muito menos dotados atacantes não podem fazer o mesmo?

* No segundo tempo, o excelente Fábregas comandou a reação dos Gunners. Song e Diaby marcaram mais à frente, Walcott e Nasri aprofundaram o jogo, e Adebayor veio para ele.

* Mas os lances agudos foram raros. Van der Sar não precisou trabalhar muito.

* Quem mandou bem ao mudar foi o sempre jovem Ferguson. Trocou Anderson por Giggs, tirou Tevez para atacar com Berbatov. Do algo parecido a um 4-3-3 (ou 4-3-2-1), os Red Devils passaram a atuar num 4-4-2.

* Mas veja o naipe das cartas na manga e no banco do Manchester; Fletcher e Carrick foram os médios-centrais. Como wingers, os meias bem abertos pelos cantos no 4-4-2 típico, Rooney (agora à direita) e o incansável Giggs, na dele, pela esquerda.

* No ataque, Ronaldo foi adiantado pela esquerda, com Berbatov mais ao centro. Quatro homens de chegada ofensiva inibiram o crescimento e desarmar o espírito ofensivo do Arsenal.

* Até o fim, mais e melhores chances do United. Também pela ótima mexida de Ferguson.

Tags:

  • mikael

    Quanto o jogo de ontem,nao acho q o chelsea seja favorito para ir ‘a final , mesmo tendo empatado(sem gols)com o barca.O barca é muito forte ofensivamente e tudo pode acontecer no próximo jogo.Quanto ao jogo do manchester,deu o esperado.Mas nada definido,embora o mnchester seja favorito!

  • http://www.rjesportes2.blogpot.comouhttp://www.lanceactivo.com.br/Blog.aspx?profileID=2238&#1 Roberto Junior

    Fala Mauro!Tudo bem? O jogo não foi de todo ruim, mas confesso que fiquei mal (ou bem?) acostumado com os espetáculos que os clubes ingleses vem promovendo nos últimos dias, que esperava mais deste jogo. Como sua análise sobre o jogo está bem legal no meu humilde ponto de vista, só queria destacar 3 pontos com você:
    1 – Foi legal ver o Anderson jogando mais adiantado, já que, normalmente, ele atua de volante no Manchester. Lembrou um pouquinho os tempos do Grêmio.
    2 – Como o russo Arshavin faz falta a este time do Arsenal!
    3 – Respondendo ao seu questionamento de por que Rooney e Cristiano Ronaldo ajudam na marcação e alguns pseudo-craques brasileiros não o fazem, a resposta é até certo ponto simples: consciência tática, espírito de grupo e senso de profissionalismo, coisas que nossas “estrelas” não têm muito. Abraço!

  • http://blogs.abril.com.br/agora-GOLDEPLACA JORGE CLAN

    FALA MAURO TE ACHO UM DOS MAIORES COMENTARISTAS DO BRASIL, E AS VEZES TE OUÇO NA RADIO BANDEIRANTES.

    TENHO UM MINE BLOG, DE FUTEBOL E GOSTARIA DE TE INFORMAR QUE COLOQUE UM LINK SEU EM MEUBLOG. PARABÉNS PELO JORNALISTA QUE VOCÊ É.

    jORGE CLAN, GOSTARIA DE UM DIA TRABALHAER EM UM JORNAL COMENTANDO COM VOCÊ. SERÁ QUE ESSE MEU SONHO SE REALIZARÁ ALGUM DIA?

  • Tulio

    Impressionante é a raça dos jogadores do Red Devil, que correm os 90 minutos atrás da bola, seja em qualquer campeonato Premier, English FA Cup, Champions…. O Manchester United conquistou mais um jogo de invencibilidade, e outro recorde para o clube e campeonato, e o mais importante jogou muito e bonito, cada jogador em campo parece ser um maestro de modo como tratam a bola. É como o sr. Beting informou anteriormente, seria mais um time atropelado pelos Red Devils se não fosse o excelente goleiro Almunia.