Bahia 0 x 0 Vitória

por Mauro Beting em 23.mar.2009 às 12:03h

ESCREVE LEANDRO SILVA

Foi apenas o segundo Ba-Vi do ano. Pode até ser que não haja mais nenhum na temporada, mas tudo indica que os maiores rivais do estado irão se encontrar novamente nas finais do Baiano. O 0 a 0 frustrou a multidão que lotou o estádio de Pituaçu para o primeiro clássico desde a sua reabertura, batendo o recorde da praça com um público de 30 mil pagantes. Apesar de o resultado ter acabado com o aproveitamento de 100% dos pontos do Bahia em 7 partidas no local desde a sua reabertura, os tricolores saíram mais animados.

É que logo aos 22 minutos da primeira etapa, o goleiro Marcelo do Bahia recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso por fazer uma falta desnecessária em Apodi. Com isso, Gallo tirou o único armador em campo, Hélton Luiz, para a entrada do goleiro Fernando, que havia sido vaiado na quinta-feira por causa de uma falha na goleada de 6 a 1 contra o Potiguar. Parecia a senha para que o Vitória devolvesse a derrota no primeiro Ba-Vi do ano, no Barradão, mas o time do Bahia se impôs e fez até a galera esquecer que o time estava com 1 jogador a menos.

Fernando foi pouco exigido, mas fez boas defesas. Já o Bahia teve grandes oportunidades, mas que teimavam em passar do lado da trave, principalmente nas jogadas do volante Elton, ex-Grêmio, Santos e Atlético Mineiro, que virou centroavante no jogo de ontem. Os jogadores que formavam o sistema defensivo tricolor também foram muito bem ontem. A começar por Nen, que ganhava todas as divididas e se antecipava sempre que possível. Rogério colou e anulou Nadson. Evaldo também se destacou, assim como os laterais Patrício e Ávine e o volante Leandro Makelele.

No Vitória, mesmo com a volta de Ramon, quem mais se destacou foi o lateral Apodi e o zagueiro Anderson Martins. O resultado deixa o Vitória com três pontos a mais que o Bahia, com um jogo a mais, mas com uma vantagem de oito no saldo de gols. E apesar de alguns problemas com filas e catracas quebradas antes do início do jogo, o reformado estádio de Pituaçu passou no primeiro grande teste de um clássico.

ESCREVEU LEANDRO SILVA

Tags:

  • Tássio

    O Bahia mereceu muito ganhar o jogo. O vitória está com um time fraco e vai correr riscos no brasileirão

  • Daniel Ewerton

    Mauro, esse texto foi (de forma injusta) consideravelmente mais favorável ao Bahia….o jogo foi na verdade foi assim:

    1- O Bahia jogou retrancado a partida inteira, aproveitando apenas os contra ataques.

    2- As melhores chances “reais” foram do Vitória, principalmente em lances com Apodi e Rafael Bastos.

    3- O Vitória teve um penalti claro a seu favor, patéticamente não marcado pelo árbitro.

    4- Mauro Fernandes(“tecnico” do Vitória) mostrou que é mais um entregador de camisas do que qualquer outra coisa, armou o time mal, com 3 volantes e vem “desentrosando” o time desde que entrou.

    Me espanta como o autor desse texto teve uma avaliação tão ‘alternativa’ sobre o que foi o jogo….

  • Andre Catimba

    Esse babaca que comentou acima deve saber que no ano passado as tricoletes diziam a mesma coisa, que nosso time era fraco e iriamos cair para a segundona. Que aconteceu? Ganhamos o baiano, mais uma vez, e nao corremos risco de rebaixamento em nenhum momento do campeonato. Quero ver é se o Bahia perder mais uma vez o campeonato estadual, rotineiro isso, o que eles farao na serie B, tao pensando que ja subiram, esperem para ver…

  • Daniel Ewerton

    Andre Catinga claramente se referiu ao 1º comentário, do cidadão de nome “Tassio”.