Macaé 1 x 2 Flamengo

por Mauro Beting em 08.fev.2009 às 10:27h

ANDRÉ ROCHA dá uns toques das questões que ainda podem ser melhoradas no Flamengo 100% na Taça GB.

http://blogs.abril.com.br/futebolearte

– A combinação de alas muito avançados e jogando por dentro com meias e atacantes, com exceção do Zé Roberto, que não têm o hábito de se projetar pelos lados e também procuram o meio, faz o time afunilar o jogo e facilitar a marcação;

– Defesa aberta pelo revezamento dos zagueiros nas descidas ao ataque e na sobra, e também porque o trio de zaga e Willians, vendo o time tão embolado, acabam sendo os homens que se projetam pelos flancos chegando de trás. Quando o time perde a bola é surpreendido com pouca gente no rebote defensivo e na retaguarda, como no pênalti sobre Jackson bem cobrado pelo meia Wallacer. Fábio Luciano acertou ótimo cruzamento para Zé Roberto marcar o gol da vitória contra o Macaé, mas é muito mais importante atuando na sobra do que correndo como um louco para o ataque. Até porque ele nem tem velocidade para isso;

– Marcelinho Paraíba é importante pelos bons chutes, como na cobrança de falta que abriu o placar no Estádio Raulino de Oliveira na partida de ontem, e algumas assistências precisas, mas normalmente mata a velocidade da equipe com seu estilo mais cadenciado e muitos erros de passe. Se Jonatas mantiver a regularidade que vem apresentando quando jogar noventa minutos, deve ser o titular na armação das jogadas;

– Obina vem sofrendo com sua nova função tática. O baiano não é jogador para ficar isolado, fazendo o pivô e tendo poucas chances durante a partida. O atacante, acostumado a marcar, acaba ficando ansioso e seu rendimento cai. Um esquema com mais aproximação de Zé Roberto e de mais um meia ou até a entrada de Josiel pode melhorar o rendimento do “xodó” da torcida. Com a manutenção do sistema de jogo, é melhor substitui-lo.

A classificação antecipada para as semifinais com cinco vitórias foi importante para dar confiança. Mas para os confrontos mais difíceis que estão por vir no Cariocão e, principalmente, para a disputa da Copa do Brasil, é dever de Cuca esquecer um pouco a superstição da camisa preta e rever suas convicções táticas que não permitem que o Flamengo encaixe um bom jogo. Além de sorte, ele vai precisar mostrar competência para, enfim, conquistar o primeiro título de sua carreira.

ESCREVEU ANDRÉ ROCHA

Tags:

  • roberto

    [b] não irá falar sobre o lance aos 46:40 do primeiro tempo no qual o jogador estava sozinho contra o goleiro e o juiz terminou???

  • roberto

    obs: o jogador do macaé contra o goleiro do flamengo!

  • Emanuel

    Oh maurão vc não aparece mais no programa do milton neves,estamos sentindo sua falta,quando é que vc aparecerá na telinha de novo avisa ahe gosto muito dos seus comentarios…..

  • Beto Altieri

    Do blog do Mário Marcos de Souza ( Zero Hora – http://www.clicrbs.com.br ) so bre os 100 anos do Grenal:

    Se você rodar um pouco o blog e conferir um texto um pouco abaixo, verá que lá está a sugestão do internauta e leitor da coluna Paulo Roberto Sanchotene de realização de um Gre-Nal dia 18 de julho, bem no dia em que o maior clássico do país (segundo pesquisa da revista Trivela) fará 100 anos.

    Pois bem, na última segunda-feira, depois de ler a coluna com a sugestão, o presidente da Federação Gaúcha de Futebol abraçou a ideia e ligou para Virgílio Elísio, diretor técnico da CBF, pedindo que a tabela do Brasileirão inclua o Gre-Nal.

    – Ele recebeu bem a ideia e me disse que a tabela não tinha sido divulgada ainda por detalhes – lembra Novelletto, que nesta sexta-feira encerra seu período de férias em Florianópolis, e viaja a Erechim, local do Gre-Nal de domingo. – Como ele é muito amigo, acredito que a ideia irá adiante.

    Elísio deve divulgar a tabela do campeonato nos próximos dias. Se confirmar um dos Gre-Nais para o dia 18 de julho, será uma festa e tanto para comemorar, com um jogo oficial, o centenário de um clássico como poucos.

    E não é que a possibilidade se confirmou?

    Bom, até ali, na linha anterior ao título, era o texto postado esta manhã, prevendo a possibilidade de realização do Gre-Nal no fim de semana do centenário. No fim da manhã desta sexta-feira, para surpresa do próprio presidente da federação, a CBF divulgou a tabela do Brasileirão, prevendo Gre-Nal para o dia 18 ou 19.

    Ele pode até sair dia 19 porque é domingo, dia nobre para o futebol, mas não importa. O dia dos cem anos é sábado, mas o que interessa é ter um Gre-Nal no fim de semana de aniversário – e isso a CBF fez, por sugestão de um leitor, abraçada pela coluna e pelo blog, e apoiada pelo presidente da federação.

    Prepare sua bandeira. Será um fim de semana de festa.

  • LUIS HENRIQUE F TOSOLI

    Olá Mauro, acompanho e admiro muito de seu trabalho e por incrivel que pareça sou expectador de seu programa na BAND SPORTS o PFC,com relação ao que escreveu o ANDRE ROCHA sobre a classificação antecipada do FLA acho legal as análises táticas que ele fez mas na verdade o time deles (FLA) não está é jogando nada, conseguiu as 5 vitórias onde somente nos jogos com MESQUITA e VOLTA REDONDA não foi beneficiado com lances incríveis como o gol legitimo do FRIBURGUENSE anulado, 2 penaltys inexistentes contra o BANGU e novamente um gol legitimo do BANGU anulado e ontem contra o MACAÉ aconteceu um lance que eu só tinha visto na COPA 78 no JOGO BRASIL X SUÉCIA quando o juiz terminou a partida com e bola sendo cruzada em um corner, ontem o juiz terminou o jogo com o atacante do MACAÉ livre com a bola dominada indo em direção ao GOL para faze-lo e estranho hoje não vi, ouvi nem li nada na imprensa sobre o lance, como se fosse a coisa mais natural do mundo, voce bem que poderia fazer aqui no nosso estadual a sua contagem de pontos considerando os ENGANOS de nossa arbitragem, outra coisa que eu até gostaria que fosse tema de um comentário seu é o fato de que ano passado o CARIOCA foi duramente criticado pelo fatos de os GRANDES só jogarem em casa e neste ano todos teriam o direito de jogar em seus estádios, mas acho engraçado pois o FLU foi jogar em CABO FRIO contra os donos da casa, em XEREM contra o Duque de Caxias, o VASCO também foi a XEREM para enfrentar o TIGRES, o BOTA foi a Saquarema pegar o BOAVISTA e foi a XEREM pegar o MESQUITA e somente o FLA não joga no CAMPO DO ADVERSÁRIO ou joga no MARACA e como fez contra BANGU E MESQUITA joga em CAMPO NEUTRO EM VOLTA REDONDA, gostaria de saber o porque???????????????????

    Abraço

    Luis Henrique

  • http://blogs.abril.com.br/futebolearte André Rocha

    Luis Henrique e Roberto,

    Minha análise sobre o Flamengo teve uma abordagem mais tática e não se ateve ao jogo de ontem especificamente.

    Realmente o árbitro errou feio no lance. Mas não foi uma jogada clara de gol. O jogador ainda teria que caminhar com a bola com o Bruno à sua frente. Assim como o Roma perdeu após ganhar um presente do goleiro do Flamengo, ninguém pode garantir que o Jackson marcaria.

    Quanto ao mando de campo, realmente é um erro. Mas isso acontece desde que acompanho futebol. O Fla acaba beneficiado pela sua imensa torcida e, óbvio, por uma força política que outros já tiveram, como o Bota nos anos 60, o Flu que tinha o advogado Vilela mandando na Federação no período do tricampeonato estadual e a dobradinha Eurico-Caixa D’Água na década de 90.

    Abraços a todos!

  • http://blogs.abril.com.br/futebolearte André Rocha

    Dobradinha Eurico-Caixa D’Água na década de 90 a favor do Vasco, obviamente.

  • Eduardo Polonio

    Concordo com a analise do jogo, mas em uma analise mais ampla, acredito que mesmo correndo mais riscos o time do Flamengo esta deixando de ter a lateral-dependencia dos últimos 03 anos, passando a ter mais opções ofensivas. Antes, na ausência do Juan, por exemplo, o time não criava nada, era um marasmo total. Acredito que o Cuca esta atento aos problemas defensivos, mas esta aproveitando este começo de campeonato para alterar o padrão tático ofensivo.

  • Liliano Brandão

    Prezado André Rocha, até que enfim uma análise bem feito em relação ao atual time do Flamengo. Mas vejo o grande dilema Rubro Negro em relação aos seus alas/laterais, seja o Leo Moura ou Juan ou substitutos. O que seria a grande arma tem sido a grande dificuldade, pois além de estarem centralizando muito a jogadas, os dois já não teem velocidade e a qualidade outrora apresentada. Além de serem péssimos marcadores, forçando sempre a saída de volantes para cobertura, gerando um imenso buraco, seja no meio ou seja na própria zaga. Outro fator que tem prejudicado é a lentidão dos zagueiros flamenguistas, especialmente o Fábio Luciano que não mais condições de jogar exposto.Onde o ideal seria a entrada de um zagueiro mais rápido no lugar de um volante, deixando sim Fábio Luciano como sobra, na posição em que ele realmente sabe jogar.Vide seu posionamento bem recuado.Em relação ao Marcelinho Paraíba, sinceramente sempre apresentou desde que chegou no flamengo um futebol bem burocrático sem com uma imensa lentidão, apatia, um custo muito alto para tão pouco futebol apresentado.
    Caso a parte; se é para apostar em promessas, não seria preferivel preorizar o Érick Flores em relação ao Éverton, vide que ambos tem a mesma idade. Ruim por ruim, ou bom por bom, acho que seria mais lucrativo para o flamengo o aproveitamento e crescimento do Érick (prata da casa, com longo contrato e multa rescisória alta, que o Éverton que tem boa parte de direitos não pertecente ao Flamengo ou quase parte nenhuma). Bom, coisas de administração no mínimo estranha.
    Com relação ao ataque, todos os atacantes rubro negros, são extremamente fracos, longe dos grandes atacantes brasileiros (NIlmar, Kairryson, Guilherme, etc..etc..) Então não adianta esperar muito mesmo. Sendo que o melhor tecnicamente deles era o Diego Tardelli, mas que demonstrava uma apatia incrivel tbém quando entrava e tá jogando muito no Atlético/MG.
    Resumindo; infelismente teremos time apenas para brigas caseiras.Longe das tradições de títulos de tempos passados.

  • Judson

    Vamos lá, porque todos querem falar do Flamengo em erros de arbitragem.
    Porque os torcedores do Fluminense não comentão do tapetão que o tirou da TERCEIRA DIVISÃO, porque a torcida do Botafogo não fala aqui da Final contra o Santos, que o arbitro METEU A MÃO no Santos, porque o torcedor do Vasco não fala da era EURICO, até concordo com os erros cometidos a favor do Flamengo, mais no jogo contra o Friburguense, o bandeira era fraco mesmo.
    Ele deu um impedimento do Juan com um erro de 2 metros e meio quando o jogo estava 0 a 0 e ele sairia na cara do gol.
    Contra o Bangu o gol deles estavam empedido e o gol do Everton estava em posição legal.
    Será que o Flamengo é sempre ajudado ou alguns torcedores querem jogar a culpa do fracasso de suas equipes na conta dos arbitros, não se esqueçam que “quem tem telhado de vidro não deve tacar pedras”.

  • wagner

    Caro André respeito sua opinião, mas dizer que um jogador cara a cara com o goleiro não é chance real de gol kakakakkakaka

  • wagner

    prezado Judson estamos falando de vários erros beneficiando o flamengo e que ficaríamos o dia todo relatando e vc infelizmente só tem meia dúzia ou vc esqueceu que ganhou os últimos cariocas de forma vergonhosa inclusive um não ganhou um clássico sequer……. só aqui no de janeiro mesmo pra um time ser campeão sem ganhar nenhum grande kakakakka parece piada….

  • Judson

    Creio que vc possa até estar certo caro Wagner, porém se não acontecesse a virada de mesa o Fluminense estaria na série A do brasileiro, e o Botafogo teria algum titulo Nacional, e o Vasco mesmo com Eurico o que conquistou?
    Sejamos franco os juizes estão destinados a roubar para o Flamengo ou a qualidade dos arbitros cariocas realmente é fraca, alias arbitros que não só no Rio vem causando vergonha mais em todo país, será que não é hora de parar o futebol no Brasil e rever alguns conceitos? ou seremos obrigados a entrar aqui e debater sempre sobre erros dos arbitros? queria muito entrar aqui e falar realmente sobre bom futebol, porém acho que o futebol brasileiro está dificil de comentar bons jogos a não ser quando tem classicos e mesmo assim ainda é dificil.
    Mais respeito sua opinião e gostaria muito que os arbitros não erracem a favor do Flamengo porque qualquer erro toma proporções grandiosas.
    Analise os principais estaduais e veja que não é só no Rio o favorecimento pelos grandes ou até mesmo na duvida é dos grandes, no paulista um gol vergonhoso anulado do Botafogo contra o São Paulo e ai vai.
    torço não só para o Flamengo, torço ainda mais para o futebol Carioca e vou torcer muito para Vasco e Duque de Caxias estarem na primeirona o ano que vem e para que se possivel 4 times paulista caiam.

  • LUIS HENRIQUE F TOSOLI

    olá ANDRÉ entendo quando vc diz da atual força politica do FLA na Federação, basta ver que joga onde lhe é conveniente vide o Jogo contra o BOTA no Brasileiro de 2008 em que o mando era do Bota e o time foi obrigado a jogar no Maracanã e ainda por cima com o mesmo Arbitro da Final da Taça GB ano Passado quando deu aquela confusão toda, só acho que imprensa por ter que ser ” ISENTA E IMPARCIAL ” não pode cruzar os braços e fechar os olhos a isso, porque não fazem agora como na época da Nefanda dobradinha EURICO/CAIXA D’AGUA pois o que acontecia naquela época é o mesmo de agora, o VASCO era beneficiado por TABELAS de campeonato BEM elaboradas para ele, e os constantes ” EQUIVICOS ” da arbitragem eram somente a favor do Vasco, todo este poderio político eu entendo , não entendo é o comportamento diferente da Imprensa.
    E você só pode estar de Brincadeira quando diz que o lance do Macaé não foi uma jogada clara de GOL…..