logo lance
undo
Nacionais
Internacionais

BlogsL!

Colunistas

2 Pontos

por Rodrigo Borges e Fabio Chiorino

Blog da L!TV

Vídeos

Blog do Baldini

por Wilson Baldini

Blog do Bechler

por Marcelo Bechler

Blog do Kfouri

por André Kfouri

Blog do Garone

por André Schmidt

Blog do Gui Gomes

por Guilherme Gomes

Blog do Guilherme de Paula

por Guilherme de Paula

Blog do Janca

por João Carlos Assumpção

Blog do Mansell

por Eduardo Mansell

Blog do Marra

por Mário Marra

Blog do Salata

por Thiago Salata

Blog do Tironi

por Eduardo Tironi

Bulla na Rede

por Rafael Bullara

Crônicas do Morumbi

por Ricardo Flaitt

De Prima

por Fábio Suzuki e Igor Siqueira

Em Cima do Lance

por Bernardo Cruz e Igor Siqueira

Fora de Campo

O dia-a-dia dos atletas

Futebol & Ficção

por Valdomiro Neto

Futebol na Terrinha

por Thiago Correia

Gol de Canela FC

por Jonathan Oliveira

Humor Esportivo

Trollagem e zoação

Laguna Olímpico

por Marcelo Laguna

Lance! Livre

por Lucas Pastore

Made in USA

por Thiago Perdigão

Marketing & Economia da Bola

por Amir Somoggi

Números da Bola

por André Schmidt

O Mundo é Uma Bola

por Leonardo Pereira e Luiza Sá

Papo com Boleiro

por Luiz Otávio Abrantes

Planeta Fut

por Luiz Augusto Veloso

Press Start

por Lazlo Dalfovo e Pedro Scapin

Quem Não Sonhou?

por Gabriel Carneiro

Saque

por Daniel Bortoletto

Segunda Pele

por Leonardo Martins, Rafael Pereira e Vinícius Perazzini

Sua Saúde

por Fabiano de Abreu

Super-Raio X

por Alexandre Guariglia

Tênis

por Fabrizio Gallas

Clubes

Doentes

Internacional 2008-09 | Blog Mauro Beting
logo lance
undo
Nacionais
Internacionais

BlogsL!

Colunistas

2 Pontos

por Rodrigo Borges e Fabio Chiorino

Blog da L!TV

Vídeos

Blog do Baldini

por Wilson Baldini

Blog do Bechler

por Marcelo Bechler

Blog do Kfouri

por André Kfouri

Blog do Garone

por André Schmidt

Blog do Gui Gomes

por Guilherme Gomes

Blog do Guilherme de Paula

por Guilherme de Paula

Blog do Janca

por João Carlos Assumpção

Blog do Mansell

por Eduardo Mansell

Blog do Marra

por Mário Marra

Blog do Salata

por Thiago Salata

Blog do Tironi

por Eduardo Tironi

Bulla na Rede

por Rafael Bullara

Crônicas do Morumbi

por Ricardo Flaitt

De Prima

por Fábio Suzuki e Igor Siqueira

Em Cima do Lance

por Bernardo Cruz e Igor Siqueira

Fora de Campo

O dia-a-dia dos atletas

Futebol & Ficção

por Valdomiro Neto

Futebol na Terrinha

por Thiago Correia

Gol de Canela FC

por Jonathan Oliveira

Humor Esportivo

Trollagem e zoação

Laguna Olímpico

por Marcelo Laguna

Lance! Livre

por Lucas Pastore

Made in USA

por Thiago Perdigão

Marketing & Economia da Bola

por Amir Somoggi

Números da Bola

por André Schmidt

O Mundo é Uma Bola

por Leonardo Pereira e Luiza Sá

Papo com Boleiro

por Luiz Otávio Abrantes

Planeta Fut

por Luiz Augusto Veloso

Press Start

por Lazlo Dalfovo e Pedro Scapin

Quem Não Sonhou?

por Gabriel Carneiro

Saque

por Daniel Bortoletto

Segunda Pele

por Leonardo Martins, Rafael Pereira e Vinícius Perazzini

Sua Saúde

por Fabiano de Abreu

Super-Raio X

por Alexandre Guariglia

Tênis

por Fabrizio Gallas

Clubes

Doentes


Internacional 2008-09

por Mauro Beting em 20.dez.2008 às 13:48h

Era para ganhar mais que a Sul-Americana (o que não tira o brilho da conquista internacional, a que faltava das taças existentes “conquistáveis”). O Inter entrou 2008 e investiu com o fogo que incendiou o Beira-Rio na épica goleada no RS-08, contra o Juventude. Apenas o sexto lugar no BR-08 é quase nada. Mas o centenário promete. As estrelas devem ser mantidas. Já há um desenho de time, uma idéia do treinador na cabeça. Uma defesa mais forte, e o Inter será mais que promessa.

Saiu Abelão na quarta rodada, quando o Colorado era apenas o 13º. Talvez fosse a hora de mudar ares. Também vale o raciocínio para Fernandão. Mas a ausência de Renan pesou. Dos contratados, a rigor, D’Alessandro foi o único que deu resposta à altura a Tite (outro de quem se poderia esperar mais). O ótimo elenco só foi engrenar quando já era tarde. Valeu o 4 x 1 no Gre-Nal que se revelou decisivo. Mas é ainda pouco para tanta expectativa e investimento. Era time para mais que o sexto lugar. Foi o segundo time que mais bolas cruzou no BR-08 (o terceiro que mais escanteios conquistou). Mas foi apenas a 16ª. equipe em finalizações – média ridícula para a qualidade da equipe. A equipe que menos ficou impedida no campeonato – o que também denota menos ataques. Foi o time que menos lançamentos fez na competição – uma escolha tática, mais que um defeito ou qualidade. Foi o terceiro time que mais perdeu bolas – nem tanto por abusar dos dribles, mas por questões técnicas.

APROVEITAMENTO: 47%

BASE: Clemer; Bolívar, Índio, Álvaro e Marcão; Edinho; Magrão e Guiñazú; D’Alessandro e Alex; Nilmar

OS 44 DO INTER NO BR-08:
GOLEIROS: Clemer, Lauro, Renan
LATERAIS-ALAS-DIREITOS: Bolívar, Ricardo Lopes, Ângelo, Bustos, Jonas
LATERAIS-ALAS-ESQUERDO: Marcão (28), Gustavo Nery, Ramón
ZAGUEIROS: Índio (28), Álvaro, Danny Morais, Sídnei, Sorondo, Orozco, Titi, Pessanha
VOLANTES: Edinho (27), Guiñazú (27), Magrão, Rosinei, Ji-Paraná, Maycon, Sandro, Wellington Monteiro
MEIAS: Alex, D’Alessandro, Andrezinho, Taison (30), Daniel Carvalho, Rodrigo Paulista, Derley, Paulinho, Wagner
ATACANTES: Nilmar (27), Adriano, Fernandão, Gil, Guto, Walter, Iarley, Luiz Carlos, Talles Cunha

(levando em conta os que jogaram ao menos 20 jogos, pelas contas do Footstats)
O ASSISTENTE – Alex (7, em 23 jogos)
DESARMES – Guiñazú (5,6 em média)
DRIBLADOR – Nilmar (3,5 por jogo)
O FALTOSO – Guiñazú (3,3 por jogo)
A VÍTIMA – Alex sofreu 3,6 faltas por partida.
O FINALIZADOR – Alex acertou 49,4% das conclusões.
PASSE CERTO – Índio acertou 92,4% dos passes.
DONO DA BOLA – D’Alessandro a dominou por 1min28s em média, a cada jogo.

MELHOR DO TIME NO BR-08– Alex
REVELAÇÃO – Taison
DECEPÇÃO – Daniel Carvalho

EXPECTATIVA PARA O BR-08 – Título. Decepcionou.

GOLEADORES PRINCIPAIS –

Nilmar (14 gols; média 0,5);

Alex (10 gols, média 0,4);

Índio (6, média 0,2).

Tags:

  • http://roxosporfutebol.blogspot.com Emerson Lima

    O Inter era sim uma promessa e mostrou que não tem que ter só time, e sim principalmente planejamento, ano que vem tem tudo para ganhar tudo mas tem que esperar pois ano que eh o ano do centenario e centenario sempre tem uma maldição

  • http://rumoatokyo.wordpress.com Alan de Almeida

    No papel, o Inter é o único time do Brasil que pode fazer frente ao São Paulo.
    Com um ou outro reforço a mais (não acho que seja necessário tantas contratações) o Colorado do Guaíba tem time para ganhar a tríplice coroa do futebol brasileiro.

  • JOSÉ MACIEL

    SEM ESSA NEURA DE NÃO GANHAR BRASILEIRO, O INTERNACIONAL TEM 3 E 1 INVICTO, NÓS COLORADOS QUEREMOS CONTINUAR A GANHAR TÍTULOS INTERNACIONAIS, JÁ SOMOS COPEIROS PARA OS ARGENTINOS E VINDO DOS IRMÃOS ARGENTINOS ISSO É UM BAITA ELOGIO.
    UM FELIZ NATAL A TODOS E TRAGAM A CHAMPANHE POIS AS TAÇAS NÓS COLORADOS JÁ TEMOS.

  • Paulo Henrique

    O cOLORADO PRECISA GANHAR MAIS UM BRASILIERO, NÃO GANHAMOS AINDA EM PONTOS CORRIDOS, SE NÃO DAQUI A POUCO O NOSSO CO-IRMÃO GANHA MAIS UM TITULO E FICA EMPATADO