Internazionale ataca, Juve defende

por Mauro Beting em 15.dez.2008 às 13:12h

Os 15 minutos finais de Internazionale 4 x 2 Chievo explicam o porquê do time de José Mourinho nadar e jogar de braçada no calcio: aos 48, depois do golaço de Ibrahimovic, cinco neroazzurri estavam na área para ampliar o placar de jog mais apertado que a encomenda, em Milão.

Em Turim, como sempre com as equipes de Claudio Ranieri, a Juve ficou trancada em seu medo. Mesmo ganhando bonito do Milan por 4 x 2, mesmo com um atleta a mais – Zambrotta expulso. Mesmo fazendo por cima e por baixo tudo aquilo que Maldini e Khaladze não conseguem destruir – estréie logo, Thiago Silva. A Juve poderia ter aplicado goleada histórica. Trancou-se. Travou-se.

E a Inter vai se soltando na tabela.

Tags:

  • Gabriel

    Aproveitei esse fim de semana para finalmente acompanhar os jogos do calcio e fiquei impressionado com duas coisas Mauro: a primeira eh a forma de jogar da Inter, ja demonstrando o que os times brasileiros(exceção ao SPFC) devem aprender, os jogos do meio do campeonato tem o mesmo peso daqueles do final, a Inter jogou o segundo tempo como se fosse uma final, depois de estar vencendo por 2 a 0 e levar o empate, o Mourinho mandou o time pra frente, sem medo e demonstrou que nao aceitaria nada alem da vitoria sobre o Chievo, os times brasileiros deveriam gravar esse jogo como modelo de como jogar campeonatos por pontos corridos. No segundo jogo da Juve contra o Milan me impressionou como a time do Milan vem se arrastando em campo, Maldini um ex jogador em atividade e o Kaladze nem da pra comentar. Alem disso não acredito até hoje como um jogador como o Ambrosini consegue ser titular de um time campeão mundial como o Milan, a Juve meteu 4 e podia ter feito 6 se nao fosse Iaquinta e cia… Esse time do Milan se não for renovado urgentemente não irá se classificar à Champions pela segunda vez seguida.
    abraço e parabens pelo Blog