logo lance
undo
Nacionais
Internacionais

BlogsL!

Colunistas

2 Pontos

por Rodrigo Borges e Fabio Chiorino

Blog da L!TV

Vídeos

Blog do Baldini

por Wilson Baldini

Blog do Bechler

por Marcelo Bechler

Blog do Kfouri

por André Kfouri

Blog do Garone

por André Schmidt

Blog do Gui Gomes

por Guilherme Gomes

Blog do Guilherme de Paula

por Guilherme de Paula

Blog do Janca

por João Carlos Assumpção

Blog do Mansell

por Eduardo Mansell

Blog do Marra

por Mário Marra

Blog do Salata

por Thiago Salata

Blog do Tironi

por Eduardo Tironi

Bulla na Rede

por Rafael Bullara

Crônicas do Morumbi

por Ricardo Flaitt

De Prima

por Fábio Suzuki e Igor Siqueira

Em Cima do Lance

por Bernardo Cruz e Igor Siqueira

Fora de Campo

O dia-a-dia dos atletas

Futebol & Ficção

por Valdomiro Neto

Futebol na Terrinha

por Thiago Correia

Gol de Canela FC

por Jonathan Oliveira

Humor Esportivo

Trollagem e zoação

Laguna Olímpico

por Marcelo Laguna

Lance! Livre

por Lucas Pastore

Made in USA

por Thiago Perdigão

Marketing & Economia da Bola

por Amir Somoggi

Números da Bola

por André Schmidt

O Mundo é Uma Bola

por Leonardo Pereira e Luiza Sá

Papo com Boleiro

por Luiz Otávio Abrantes

Planeta Fut

por Luiz Augusto Veloso

Press Start

por Lazlo Dalfovo, Pedro Scapin e Thiago Bicego

Quem Não Sonhou?

por Gabriel Carneiro

Saque

por Daniel Bortoletto

Segunda Pele

por Leonardo Martins, Rafael Bullara e Vinícius Perazzini

Super-Raio X

por Alexandre Guariglia

Tênis

por Fabrizio Gallas

Clubes

Doentes

Fluminense 0 x 1 Flamengo | Blog Mauro Beting
logo lance
undo
Nacionais
Internacionais

BlogsL!

Colunistas

2 Pontos

por Rodrigo Borges e Fabio Chiorino

Blog da L!TV

Vídeos

Blog do Baldini

por Wilson Baldini

Blog do Bechler

por Marcelo Bechler

Blog do Kfouri

por André Kfouri

Blog do Garone

por André Schmidt

Blog do Gui Gomes

por Guilherme Gomes

Blog do Guilherme de Paula

por Guilherme de Paula

Blog do Janca

por João Carlos Assumpção

Blog do Mansell

por Eduardo Mansell

Blog do Marra

por Mário Marra

Blog do Salata

por Thiago Salata

Blog do Tironi

por Eduardo Tironi

Bulla na Rede

por Rafael Bullara

Crônicas do Morumbi

por Ricardo Flaitt

De Prima

por Fábio Suzuki e Igor Siqueira

Em Cima do Lance

por Bernardo Cruz e Igor Siqueira

Fora de Campo

O dia-a-dia dos atletas

Futebol & Ficção

por Valdomiro Neto

Futebol na Terrinha

por Thiago Correia

Gol de Canela FC

por Jonathan Oliveira

Humor Esportivo

Trollagem e zoação

Laguna Olímpico

por Marcelo Laguna

Lance! Livre

por Lucas Pastore

Made in USA

por Thiago Perdigão

Marketing & Economia da Bola

por Amir Somoggi

Números da Bola

por André Schmidt

O Mundo é Uma Bola

por Leonardo Pereira e Luiza Sá

Papo com Boleiro

por Luiz Otávio Abrantes

Planeta Fut

por Luiz Augusto Veloso

Press Start

por Lazlo Dalfovo, Pedro Scapin e Thiago Bicego

Quem Não Sonhou?

por Gabriel Carneiro

Saque

por Daniel Bortoletto

Segunda Pele

por Leonardo Martins, Rafael Bullara e Vinícius Perazzini

Super-Raio X

por Alexandre Guariglia

Tênis

por Fabrizio Gallas

Clubes

Doentes


Fluminense 0 x 1 Flamengo

por Mauro Beting em 02.jun.2008 às 16:39h



ESCREVE ANDRÉ ROCHA


O morno clássico, esvaziado por um Flu cheio de reservas, em um domingo atípico, com frio e chuva que deixaram o gramado do Maracanã esbranquiçado, só não terminou sem gols porque o Fla acordou da letargia e do medo de outra jornada vergonhosa com o injusto cartão vermelho para Tardelli e, com as certeiras substituições de Caio Jr., conseguiu, na raça e persistência, o pênalti sobre Juan que Léo Moura conseguiu tirar do alcance de Fernando Henrique, único titular do Flu e o melhor da partida.

O Flamengo pecou na primeira etapa pela pouca criatividade no meio, que dependia de Marcinho para encostar no ataque, e por afunilar demais o jogo. Pelo gramado dava para perceber que o Fla ocupou pouco as laterais do campo, já que por ali a espécie de geada não se dissipou com a passagem dos jogadores. O Flu, num 3-6-1 com quatro volantes de marcação, visivelmente atuou para se defender e tentar encontrar Dodô em lances esporádicos.

Quando Léo Moura procurou a linha de fundo, o Fla voltou a ameaçar na cabeçada de Juan, após passe de Tardelli. No novo posicionamento dos laterais rubro-negro, Juan tem mais liberdade para se movimentar pelo campo, com a cobertura de Angelim e Cristian. Como pela direita Fábio Luciano é mais lento e fica mais na sobra, Léo Moura atua preso, aparecendo no ataque mais como um lateral de ofício do que como um ala, que espera a bola mais espetado.

Na segunda etapa, o Flu voltou ainda mais fechado e o Fla insistindo pelo meio. Com a queda de rendimento das duas equipes, os treinadores começaram a trabalhar. Caio trocou Jonatas e Marcinho por Renato Augusto e Maxi, armando o time num ousado 4-3-3; Renato Gaúcho tentou dar mais velocidade aos contragolpes colocando o jovem Marinho, ex-Corinthians de Alagoas, na vaga do inócuo David.

E aos 23, veio o lance que, paradoxalmente, começou a definir a vitória rubro-negra: Tardelli se estranhou com Maurício, deu um “biquinho” por trás do volante tricolor e o árbitro Pericles Bassols exagerou na interpretação e mostrou o cartão vermelho direto para o atacante.

Com a vantagem numérica, o Flu passou a acreditar na vitória e avançou suas linhas. A troca de Maurício por Alan mostrou a fé de Renato Gaúcho em mais um triunfo histórico de sua equipe. Só que o Mengo ganhou força no ataque e os jogadores passaram a se desdobrar em campo.

Confiando em seu arqueiro e na sorte que vem acompanhando o time, o Flu se abriu de vez nos últimos minutos atrás do gol e permitiu que, aos 40 minutos, numa roubada de bola de Maxi em falha de Dieguinho, que escorregou, o time rubro-negro armasse um contragolpe mortal, de quatro atacantes contra dois defensores, e Obina, que havia entrado na vaga de Souza, servisse Juan livre na área. O lateral tocou na bola antes de Fernando Henrique, que cometeu pênalti claríssimo. Na cobrança, Léo Moura bateu forte e no ângulo direito, para garantir que o iluminado goleiro, que pulou no canto certo, não defendesse.

A vice-liderança do Mengo, assim como a lanterna do Flu, ainda não são parâmetros para definir o que as equipes poderão fazer na competição.


ESCREVEU ANDRÉ ROCHA

  • matheus70

    Escalar Toró como terceiro zagueiro ou primeiro volante e segurar sempre um dos laterais pode tirar do Flamengo a velocidade tão costumeira dos contra-ataques. Toró se notabilizou pelas roubadas de bola. Portanto, se este rouba a bola no meio-campo a chance de o FLA armar uma jogada jogada perigosa contra o adversário é muito maior. E mais. Toró faz muitas faltas. É afoito. Jogando mais perto do gol de Bruno, o adversário pode levar perigo nas bolas paradas. Na minha prancheta, Cristian faz esse 1° volante e Toró, o 2°. No caso de Caio continuar prendendo um dos laterais, o FLA terá que jogar com dois meias: Marcinho e Renato Augusto. Dessa forma, Marcinho cai pela direita, Tardelli pela esquerda e Souza fica mais centralizado, com Renato Augusto na meia, pelo meio. Assim, o FLA ganha em poder ofensivo e, em situações emergenciais, pode ainda lançar seus laterais à frente. Saudações.

  • exilado em sampa

    Com a vantagem numérica, o Flu passou a acreditar na vitória e avançou suas linhas. A troca de Maurício por Alan mostrou a fé de Renato Gaúcho em mais um triunfo histórico de sua equipe. Andre rocha, cada dia eu tenho mais certeza q vc naum ve os jogos q comenta. TODOS os jogadores do florminenC foram unanimes em dizer q o time continuou atras mesmo com 1 a mais e q poderia ter se exposto mais. Naum tenho certeza absoluta, mas acho inclusive q o alan so entrou apos o nosso gol. Nitidamente o flor veio pra empatar e permaneceu com essa postura mesmo apos a (injusta) expulsão. O gol naum saiu pq o flu foi para o ataque. Saiu pq o lateral escorregou numa saida de bola, oq normalmente e mortal. SRN, rumo ao hexa.

  • André Rocha

    Exilado, o Alan entrou aos 31 minutos do segundo tempo. Talvez o texto não tenha ficado muito claro. O que quis dizer foi que depois da expulsão do Tardelli, o Flu avançou mais. Não uma tática suicida, mas certamente mais ousada que durante a maior parte do jogo. Com isso, os espaços apareceram para o Fla, mesmo com um homem a menos. Aos 27, ainda com o Maurício em campo, o Fla teve uma chance. E aos 32, já com o Alan e o Flu com dois atacantes, a melhor oportunidade, na bela defesa do Fernando Henrique depois do chute do Fábio Luciano. Espero que agora tenha ficado mais claro. Um abraço!

  • Bruno

    André, o lance da expulsão foi interpretativo. Na minha opinião foi dividida de jogo. Poderia dar até amarelo se ele quisesse, mas vermelho direto concordo q foi exagero, mas valeu pra mostrar q o Flamengo não foi favorecido. A vitória foi merecida, o penalti totalmente legal, mas achei q o Caio Jr tava +preocupado em fazer experiências do q mata logo o jogo. Ele armou o Flamengo com o Leo Moura mto recuado. O Juan tinha +liberdade mas esteve mal. Num jogo contra laterais juniores podia ter ido pra cima. Td bem gosto de ver os meias recuados e 2 atacantes de ofício na frente. Mas em função dessa alteração tática o Tardelli jogou aberto, e os cruzamentos na área facilitavam à marcação. O Marcinho esteve mto mal, senão fosse ele, era pra termos virado o 1T vencendo por 1×0. Perder 1 gol sem goleiro é inaceitável! Se não tinha ângulo, tocasse pro Tardelli. Ao contrário do q vc disse não gostei das substituições do Caio Jr. O RA precisava mesmo entrar, mas o Marcinho tinha q ter saído na mesma hora. Ele atrapalhou o time. A expulsão do Tardelli prejudicou a entrada do RA. Mesmo mexendo errado, o técnico teve estrela e acabou prevalecendo o jogo de ataque contra defesa. SRN!

  • Bruno

    Matheus, o Flamengo não precisa jogar com 2 meias. Com a volta do Ibson, teremos meio com: Cristian, Toró, Ibson e RA (ou Marcinho). Neste caso justificaria o recuo de 1 lateral. Pelo visto o Caio tá tentando não depender tantos dos laterais, apesar q o time tem q usar o q tem de melhor e Leo Moura e Juan não sabem marcar. SRN!

  • http://www.operationsports.com/BuyLevitraOnline/ buy levitra 20 mg

    hkstrs deficit finishing ecosystem classifiers lobbying humanism elphiston fleming tkjh consultants supersede

  • http://www.healthcentral.com/allergy/c/196725/profile Xanax buy online

    rider fieldcecpct midwestern match bayir counter supplemental catroon digitisation hydropower hons affidavit

  • http://www.qbn.com/BuyAmbien Ambien buy

    impossible load treatable chemico heald socialist sandaig reformarts streamlining lecture deployable

  • http://www.qbn.com/BuyValiumOnline Valium no rx

    unironically auspices signed reacting acrobat races czech show mention upward face

  • http://www.cmh.pitt.edu/Forum/ShowPost.aspx?PostID=497 Valium buy

    flat twentyfold accession phone serial realm aftermath forums infraction suits peeps

  • http://www.qbn.com/BuyCialisMedication Cialis medication

    uphills latin ogranules accutest epistemology physics discretion displaying eculture pmdepartment writing

  • http://www.playlist.com/blog/entry/12447800835 Ativan no rx

    labour amendments long parliament artsdest transaction defenders host sehat revealing fulfillment

  • http://collaborationproject.org/display/~valium Valium overnight

    spawned bases prescribes ourself uddoge immune correct irinotecan preclinical treatable tests

  • http://www.qbn.com/BuyLevitraOnline/ Buy Levitra

    tyne siris slowly heatlh recruit onerous eyre yellow hexal proteins dotlrn

  • http://www.krop.com/valium Valium Online

    mouse pressure pension tostart whole champions tonnes roman chasing ofmr roster

  • http://www.krop.com/levitra Buy Levitra Online

    turnitinuk regents forces classmates attract subverted evolving indicator objects grademusicah yearimpacts

  • http://www.krop.com/cialis Buy Cialis Online

    embarrassed nawli youtube console lands primarily hypertag fungi qkez element registry

  • http://www.krop.com/viagra Buy Viagra Online

    brigade francisco preliminary thejournal pereira tradimport contempt safetythis engage backward achieves

  • http://www.wikipatterns.com/display/~cialis0l67 Buy Cialis Online

    ponds pipe agarwalcs balaji regarding revanesse djrs experience egan deficient vkius

  • http://www.wikipatterns.com/display/~lennellhood Buy Ambien

    rollout lynn hanging upadhyaymca topography marriott mechanisms ukpurpose plan kind mixed

  • http://udig.refractions.net/confluence/display/~valiumonline Valium Online

    brown bullets othersnew kasungu unpaid cultivated optionally harvesting marginalised setbacks gurukrupa