Palmeiras avança, mas esbarra em um bom América



A Copa do Brasil, historicamente, é conhecida como uma competição de surpresas. O Allianz Parque foi o palco de Palmeiras e América, em jogo válido pelas oitavas. Se olharmos investimento e nomes de jogadores, o Palmeiras não deveria passar por dificuldades. Se olharmos tempo de trabalho, Enderson Moreira poderia surpreender.

E não é que o América marcou o primeiro gol, através de Serginho. O jogo, especialmente no primeiro tempo, foi muito duro para o Palmeiras. O Coelho fechava os lados do campo e permitia pouco aos donos da casa. Deyverson, opção do técnico Roger Machado para o lugar de Borja, poucas vezes teve a bola e pouco acrescentou.

Roger mudou no intervalo. Guerra entrou e Deyverson saiu. O time abria mão de uma referência perto da área e ganhava em bola e movimentação. O gol do Palmeiras saiu com William aproveitando cruzamento, de cabeça, de Marcos Rocha.

O América mantinha a sua organização, mas esbarrava em algumas limitações técnicas evidentes e também no crescimento do Palmeiras.

O jogo serviu para carimbar a classificação dos donos da casa, mas também para evidenciar que o Palmeiras tem tido dificuldades em casa. O América tem muitos méritos. Ajeitado, esforçado, bem montado e comprometido com as causas do clube. Foi bom ver as estratégias em campo e avançou o time que pode render mais, mas vai se acertando a cada dia.



MaisRecentes

A primeira rodada da Premier League



Continue Lendo

A noite de Copa do Brasil foi também a noite dos passes errados



Continue Lendo

VAR do VAR



Continue Lendo