Palmeiras vence e Roger vai tirando conclusões



O Palmeiras venceu. Teve dificuldades, mas venceu. Se não tivesse vencido, se, até mesmo tivesse perdido, nada mudaria. O teste, diante de um bem montado time do Red Bull, foi bastante interessante.

O time treinado por Ricardo Catalá mostrou muita qualidade quando tinha a bola, entendimento coletivo e organização defensiva sem a bola.

Seria bem mais fácil se o adversário tivesse postura diferente, mas foi muito mais produtivo para avaliações. Roger viu seu time sendo obrigado a acelerar o ritmo do jogo quando tinha a bola e percebeu que a organização defensiva foi testada.

É para isso mesmo que serve o início da temporada. Adiantaria muito pouco golear por 8 a 0 e se iludir ao não perceber a fragilidade do rival. É bem mais proveitoso quando Roger consegue avaliar, tirar conclusões e acertar detalhes que um dia poderão fazer a diferença em uma competição mais complicada.

É cedo. Cedo até mesmo para achar que Thiago Santos, autor dos dois gols do jogo, vai participar mais ofensivamente na temporada. Thiago não tem as características de um volante mais ofensivo, mas mostrou que é possível pisar e aparecer mais na área adversária. Mas, repito: é cedo até para isso.



MaisRecentes

A primeira rodada da Premier League



Continue Lendo

A noite de Copa do Brasil foi também a noite dos passes errados



Continue Lendo

VAR do VAR



Continue Lendo