Modric ganha o prêmio que deveria ser de Salah e Cristiano perde duas vezes



A UEFA premiou Luka Modric como melhor jogador da última temporada no continente. A conquista é importante para premiar várias temporadas em alto nível, deixando o Real Madrid competitivo, rápido e preciso nas transições e sempre muito consistente, porque o croata raramente joga mal. No entanto, não vejo Modric como o melhor. Certamente não é o mais decisivo.

A escolha é subjetiva e cada um tem a sua. A minha seria em Mohamed Salah. O egípcio foi importante para o Liverpool durante toda a temporada decidindo partidas-chave tanto na Permier League como na Liga dos Campeões. Fez gols e deu assistências como nunca e foi o responsável por desengarrafar e abrir caminho em momentos delicadíssimos. Na final, a chave de braço de Sergio Ramos o impediu de brigar por protagonismo no jogo mais importante do ano, mas toda a trajetória até ali merecia melhor reconhecimento.

Ao que parece o grande perdedor foi Cristiano Ronaldo. Na minha opinião, alguém que merecia mais o prêmio do que Modric, por ser também mais decisivo que o croata em momentos importantes, mas merecia menos que Salah porque ficou desaparecido contra Bayern e Liverpool.

O ponto negativo de Cristiano é justamente ter desaparecido. Não é de hoje que um favorito que não vai levar não aparece. Cristiano, Messi, Mourinho e outros já fizeram isso outras vezes. O problema está em dois pontos: Modric foi companheiro de Ronaldo e valia presenciar o momento de glória do ex-companheiro; e as declarações do empresário de CR7, Jorge Mendes, foram desastrosas.

“O futebol é jogado dentro das quatro linhas e aí Cristiano Ronaldo ganhou. Marcou 15 golos, levando o Real Madrid às costas e à conquista da Champions mais uma vez. É, pura e simplesmente, ridículo”.

Mendes não fala por Cristiano, mas é quem o representa. Ronaldo foi melhor do que Modric, na minha opinião. O que não torna a escolha de um outro campeão “ridícula”. Alegrar-se pela vitória de um colega, que o ajudou também a vencer tantas e tantas vezes, deveria ser elementar.

Resultado de imagem para modric uefa



MaisRecentes

Sinal amarelo para Barcelona, Tottenham, Liverpool, PSG e United na Champions



Continue Lendo

A importância da confiança e dos gols de Lucas Moura



Continue Lendo

Para Mourinho não resta mais nada, só a arrogância



Continue Lendo