Irlanda usará camisa em apoio à causa LGBT. Quanto estamos longe de ações assim?



Há três anos o casamento entre pessoas do mesmo sexo era proíbido na Irlanda. O país atualizou suas leis e permitiu a união legal dos homossexuais. Hoje, a seleção de futebol do país entrará em campo contra os EUA com os números nas cores da bandeira LGBT, uma campanha com o intuito de ajudar a combater o preconceito não apenas dentro do país, mas principalmente no esporte.

“Não é apenas um número, é um posicionamento. Irlanda, apoiando os direitos LGBT”, diz o comunicado da federação.

O preconceito aos homossexuais ainda extremamente presente no futebol. Atletas não falam abertamente sobre o tema, muitas vezes temendo o dano que uma revelação pode fazer à suas imagens. Dentro de campo, provocações com termos depreciativos relacionados à sexualidade também são vistos como normais. Cânticos homofóbicos são comuns em arquibancadas e vistos como “parte do universo de um estádio de futebol”.

A Irlanda é uma das poucas a fazer um posicionamento reivindicando respeito em um ambiente absolutamente hostil aos homossexuais. Quanto estamos longe de ações assim? Sejam nossos clubes ou seleção?

A preview of Ireland's shirt design ahead of friendly with the USA



MaisRecentes

Somados, Bale e Benzema nunca conseguiram os números de Cristiano Ronaldo pelo Real Madrid



Continue Lendo

O Real Madrid se transformou em um clube “ex-galáctico”?



Continue Lendo

Modric-Inter-Valverde: as chaves que aproximam Vidal do Barcelona



Continue Lendo