O corpo de Messi é humano?



Messi nunca descansa, nunca para, sempre quer jogar. O garoto que tinha problemas de crescimento e precisava tomar hormônios todos os dias para pensar em ter um futuro no futebol é, aos 30 anos, o jogador do plantel do Barcelona com mais minutos disputados na temporada, com 3.663 minutos em campo. Jogou 43 dos 47 de sua equipe ficando fora apenas quando o Barcelona escalou reservas duas vezes contra o Múrcia da terceira divisão, quando o time misto enfrentou o Celta ou quando seu filho nasceu no dia do jogo frente ao Málaga. Ainda começou no banco contra Espanyol, Juventus e Sporting.

O camisa 10 se poupa durante os jogos com longos períodos de caminhada e raros de sprint. É o jogador que menos corre do Barcelona na Liga dos Campeões e na Liga Espanhola, ao mesmo tempo que é o mais devisivo.

Leo viajará a Sevilla depois de desfalcar a Argentina em dois amistosos e deve começar no banco no Ramon Sanchez Pizjuan, jogando cerca de 30 minutos para não ficar quase 20 dias parado até enfrentar a Roma e perder ritmo.

Vem agora o momento mais importante para o Barcelona no ano e contar com seu principal jogador 100% é a prioridade. Nos próximos 45 dias, o Barcelona poderá entrar em campo 13 vezes, sendo quatro por quartas e semifinais da Liga dos Campeões, final da Copa do Rei e clássico com o Real Madrid. A próxima semana que Ernesto Valverde terá para trabalhar o time e descansar os jogadores será entre 13 e 20 de maio, caso o time vá avançando. O Sevilla é o menor dos problemas.

O certo é que ao menor sinal de algum problema muscular de Messi todos os alarmes são disparados em Barcelona. Faltam 15 partidas para o final da temporada, caso o Barça chegue à decisão da Liga dos Campeões, e não há tempo para descanso.



MaisRecentes

Wenger sai merecendo respeito, mas sem deixar bom legado ao Arsenal



Continue Lendo

Com apenas um título na carreira, Coutinho admite ansiedade por ser campeão com o Barcelona



Continue Lendo

Reverenciado em todo o mundo, Guardiola perde até quando ganha em seu próprio país



Continue Lendo