As diferenças entre a contratação de Vinicius Jr. e Neymar, que deixam o Real Madrid tranquilo com a justiça



Real Madrid e Flamengo chegaram a um acordo para a contratação de Vinicius Júnior. O jogador de 16 anos irá para o clube espanhol em 2019 e passará a ter vinculo com os merengues em 2018.

Juridicamente as partes tomaram cuidado para não cair em erros, como o Barcelona no acordo feito com Neymar.

Primeiramente, nenhum clube pode contratar um estrangeiro menor de idade. Barcelona, Real e Atlético de Madrid foram recentemente punidos pela FIFA por conta desta prática. No entanto, Vinícius só assinará pelo Madrid em 2018, quando completar 18 anos.

Em segundo lugar, pode-se lembrar do caso Neymar: Barcelona, jogador e Santos estão nos tribunais espanhóis porque fizeram um acordo em 2011 sendo que o atleta tinha vínculo com o clube brasileiro até 2014. Sendo assim, em teoria, o Real Madrid não poderia chegar a um acordo com Vinicius Junior, sendo que ele possui contrato com o Flamengo até 2019. A FIFA determina que apenas seis meses antes do final do vínculo, clube e jogador podem firmar um pré-contrato.

O caso de Vinicius Jr., no entanto, é diferente. O Real Madrid chegou a um acordo com o seu clube, o Flamengo, e não com o atleta – como fez o Barça.

O acordo entre Real Madrid e Flamengo, segundo o advogado Bichara Neto, especialista em direito desportivo, assemelha-se ao que o Manchester United fez com os gêmeos Rafael e Fábio quando eram menores de idade e estavam na base do Fluminense. O mesmo aconteceu com Wellington Silva quando foi do Fluminense para o Arsenal.

Real Madrid e Flamengo estão amparados judicialmente, diferentemente do que aconteceu com Neymar quando foi para o Barcelona.



MaisRecentes

Modric ganha o prêmio que deveria ser de Salah e Cristiano perde duas vezes



Continue Lendo

Sinal amarelo para Barcelona, Tottenham, Liverpool, PSG e United na Champions



Continue Lendo

A importância da confiança e dos gols de Lucas Moura



Continue Lendo