Enfim, o melhor técnico para a Argentina e para Messi



Parece questão de tempo para que Jorge Sampaoli deixe o Sevilla e assuma a seleção argentina. Na sexta-feira, inclusive, ele deve dar a lista de convocados para os próximos amistosos, incluindo o Brasil, dia 9 de junho na Austrália. Na Espanha ele cumpriu seu papel: classificou o Sevilla para a Liga dos Campeões. Poderia ter ido mais longe na competição europeia e no meio do campeonato espanhol seu time chegou a botar medo nos líderes.

O certo é que Sampaoli me parece o homem certo para treinar uma seleção com talentos ofensivos tão bons e que nunca teve alguém que soubesse explorar isso. Di Maria, Aguero, Icardi, Higuain, Dybala e claro, Messi. Um técnico intenso que faz seu time atacar com força e defender com agressividade.

Finalmente parece que Messi terá alguém a sua altura para lhe dar um time na seleção.



MaisRecentes

Meio time fora e Bernardo Silva: o Manchester City começa uma necessária revolução



Continue Lendo

A despedida do Totti, o jogador contra a corrente



Continue Lendo

Título da Europa League pode devolver United ao ciclo vitorioso dos grandes europeus



Continue Lendo