Na Espanha, foi Messi que perdeu e não o Brasil que ganhou



Um 3 a 0 contundente que acabou ficando barato para a Argentina. O ressurgimento da Seleção Brasileira que ganha cinco jogos consecutivos, brilha no ataque, não sofre na defesa e vai resgatando pouco a pouco a confiança do torcedor e, principalmente, dos jogadores. Neymar que chega a 50 gols pela seleção e já mira o pódio dos maiores artilheiros.

Pois na Espanha o fracasso argentino chama mais a atenção. O MundoDeportivo, jornal catalão, dedica sua capa à derrota de Messi e não à vitória de Neymar. Durante a transmissão do jogo, a TV Cuatro também destacava a desorganização e abatimento do time de Edgardo Bauza e não mencionava a evolução brasileira. Chegou-se a dizer que a Argentina não era “Messi e mais dez” e sim “Messi e menos dez”, avaliando que os companheiros atrapalhavam Leo.

Na prévia do encontro já se falava do drama argentino e da possibilidade de Messi dar a volta por cima. Algo natural, sobretudo em Barcelona. Uma rápida enquete nas ruas da cidade mostrava uma imensa maioria de torcedores que preferiam a vitória do 10 da albiceleste que o da 10 canarinha.

Imprensa e torcedores espanhóis não tem nada contra a Seleção Brasileira. Mas Messi é quase uma entidade por aqui. Ganhando ou perdendo, é ele que atrairá todas as manchetes.

45329802-0bdc-40a4-b32a-b4fe81caaff1



MaisRecentes

De todos os protagonistas só Cristiano se explica



Continue Lendo

Foi um dos melhores jogos que a Copa verá. Teve tudo, e principalmente Cristiano



Continue Lendo

Griezmann, Piqué e a desnecessária imprensa



Continue Lendo