Virou moda: mais um time tira a roupa atrás de patrocínio



A atitude do time feminino de handebol do Orsán Elda Prestigio, da Espanha, acabou servindo de inspiração para uma outra equipe tirar a roupa atrás de patrocínio. Desta vez, foram as meninas do Torrejón, cidade localizada a 19km de Madri, que decidiram mostrar as formas para a revista Interviú.

“Ganhamos apenas 150 euros por mês, que dá apenas para pagar a gasolina”, disse Saray Garcia, de 23 anos, em entrevista à Interviú“. Ela é o retrato do time, pois divide seu tempo entre os treinos e jogos com o trabalho de recepcionista em um hotel de Madrid.. Ela é a capitã da equipe e a principal artilheira da Liga, que por sinal é liderada pelo Torrejón.

Ao lado de Saray, suas outras colegas também tem outras atividades: engenheiras, camareiras, jardineiras e empresárias. A esperança é que o ensaio consiga trazer mais investidores à equipe, que tem um total de 70 mil euros para disputar toda a liga espanhola.


MaisRecentes

Sonho de Budapeste para os Jogos de 2024 pode terminar nesta quarta-feira



Continue Lendo

Falta patrocínio no esporte brasileiro? O rúgbi não tem do que reclamar



Continue Lendo