Cangurus e encanamentos



Vila dos Atletas

A Zona Internacional da Vila dos Atletas: beleza do local não esconde todos os problemas (Foto: Marcelo Laguna)

Coluna publicada hoje no LANCE!

Se existe uma coisa que o prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes precisa melhorar com urgência é a percepção do momento correto para fazer uma de suas famosas piadas. Só mesmo a falta de noção pode justificar o tamanho da gafe que poderia ter causado um estrago ainda maior do que as tão criticadas instalações da Vila dos Atletas dos Jogos Olímpicos Rio-2016. A malfadada brincadeira dos australianos no último domingo, quando estourou a crise na abertura da Vila (“Estou quase colocando um canguru para pular na frente deles, para se sentirem em casa”) irá entrar para o anedotório olímpico de declarações infelizes.

Mais do que buscar descontração fora de hora em um momento de muita tensão, Paes deveria sim ter mostrado humildade e um senso de auto-crítica para admitir que as reclamações do comitê olímpico da Austrália não eram exageradas. Ou pode ser considerado normal alojar atletas de alto rendimento que brigarão por medalhas olímpicas com as principais potências esportivas do planeta em apartamentos com vazamentos de canos, fios expostos e buracos na parede?

Acompanhe a cobertura da Olimpíada Rio-2016 no tempo real do LANCE!

A maior prova de que passou do tom na descontração é que hoje Eduardo Paes fará, a partir das 13h, na Vila dos Atletas, a cerimônia da entrega simbólica da chave da cidade do Rio de Janeiro para a chefe de missão australiana Kitty Chiller.

Paes deveria ter mostrado humildade e um senso de auto-crítica para admitir que as reclamações da Austrália eram justas

Também é necessário dizer que o tamanho da repercussão pelos problemas na abertura da Vila dos Atletas da Rio-2016 no último domingo foi amplificada por tudo o que o Rio de Janeiro enfrentou na preparação para receber os Jogos ao longo dos últimos anos. Os inúmeros atrasos nas obras, a questão da segurança e do vírus da zika acabaram desembocando na questão dos quartos inacabados dos australianos. Mas o fato é que todas as sedes olímpicas têm um problema ou outro em suas Vilas Olímpicas, até mesmo os badalados Jogos de Londres tiveram suas crises. Só não pode ficar fazendo piadas de mau gosto quando deveria mesmo colocar a casa em ordem.

Bom humor

As reclamações sobre as instalações da Vila dos Atletas também vem dando espaço para algumas situações bem-humoradas. Foi o caso de um atleta queniano não identificado que deixou um recado em um mural na Zona Internacional, pedindo que arrumassem o banheiro de seu quarto. “Mas adorei o lugar’, explicou o misterioso atleta.

>>> Veja ainda: Inferno astral pré-olímpico

O muro do COI

A expectiva era que o COI aplicasse a mais dura sanção na história das Olimpíadas à Rússia, proibindo o país de participar da Rio-2016 pelo escândalo do doping que vem sendo investigado pela Wada desde 2015. Mas a decisão da entidade em deixar a cargo de cada federação internacional banir ou não os russos foi cômoda demais para o COI.



MaisRecentes

Fora da Odepa, Nuzman precisa se preocupar com o esporte do Brasil



Continue Lendo

Em disputa acirrada, Nuzman tenta presidência da Odepa nesta quarta



Continue Lendo

Em semana decisiva na Odepa, Nuzman ganha cargo em Tóquio-2020, diz site



Continue Lendo