Tóquio-2020 entrega a primeira arena permanente a 971 dias dos Jogos



Faltam 971 dias para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio-2020 mas a primeira arena já foi entregue pelos organizadores. Neste sábado (25), os organizadores inauguraram a primeira instalação esportiva permanente, a Musashino Forest Sport Plaza. O local receberá as competições de badminton e o evento de esgrima do pentatlo moderno da Olimpíada. Além disso, também hospedará o basquete em cadeira de rodas da Paralimpíada.

+ O blog está no Twitter. Clique e siga para acompanhar
+ Curta a página do blog Laguna Olímpico no Facebook
+ O blog também está no Instagram. Clique e siga 

Com um total de 10 mil lugares, a arena teve um custo estimado de US$ 300 milhões. A Musashino Forest Sport Plaza é o primeiro dos nove ginásios e locais de competição permanentes que serão erguidos para os Jogos de Tóquio-2020. O local possui ainda uma piscina, ginásio e salas de fitness disponíveis para uso do público em geral, além de ser abastecido em parte por energia solar.

“Nossas atividades mudaram da fase de planejamento para a fase de entrega e nossos olhos estão agora firmemente na abertura dos Jogos”, afirmou o CEO do comitê organizador, Toshiro Muto, à agência AFP.

Os Jogos de Tóquio terão ao todo 39 locais de competição. Serão 23 locais existentes e oito instalações temporárias, além dos oito novos permanentes.

Para o COI, que ficou traumatizado com os atrasos nas obras da Rio-2016, o evento deste sábado foi um grande alívio.

VEJA TAMBÉM:

Dez motivos para não perder a Olimpíada de Tóquio-2020, segundo os japoneses 
Cartola projeta recorde de 30 ouros para o Japão nos Jogos de Tóquio-2020 
Brasil vê mesmos protagonistas chegarem ao pódio em largada para Tóquio-2020 
Polêmica termina e CBSK irá comandar o skate do Brasil nos Jogos de Tóquio-2020



MaisRecentes

Qual sua dupla de mascotes preferida para os Jogos de Tóquio-2020?



Continue Lendo

Eliminação no Mundial precisa servir de aprendizado para o handebol do Brasil



Continue Lendo

Após modernizar estatuto, confederações concorrem a prêmio de governança



Continue Lendo