Sem rival francês, Thiago Braz busca novo pódio no salto com vara em 2017



O brasileiro Thiago Braz, atual campeão olímpico do salto com vara, busca nesta sexta-feira (10) seu terceiro pódio seguido na temporada indoor (pista coberta). Mas para decepção da torcida, não terá entre seus adversários o francês Renaud Lavillenie, que superou na final dos Jogos Olímpicos Rio-2016.

Braz será uma das principais atrações do Meeting Istaf Indoor, em Berlim, que será realizado na Arena Mercedes-Benz. Na lista de partida anunciada nesta quinta-feira pelos organizadores, não constava o nome de Lavillenie. Os principais adversários do brasileiro nesta prova serão o polonês Piotr Lisek, dono da melhor marca do ano na prova (6,00 m) e o grego Konstadinos Filippidis (com 5,73 m neste ano).

Thiago Braz tem o terceiro melhor resultado na temporada indoor, com o 5,86 m que lhe deu a vitória no meeting de Rouen. No último domingo (5), o brasileiro voltou a subir ao pódio, ao ficar na terceira posição no All Star Perche, em Clemont-Ferrand (França), competição organizada por Renaud Lavillenie. No ano passado, Thiago Braz venceu a competição alemã com a marca de 5,93 m, estabelecendo novo recorde sul-americano em pista coberta.

O francês usou o Instagram para explicar o motivo de não participar da competição em Berlim. “Lamento ter que abrir mão de participar do Meeting de Berlim nesta sexta-feira. Não estou sentindo dores significativas durante o salto, mas preciso tomar todas as precauções para não agravar a situação. Vou redirecionar toda minha energia para buscar a completa recuperação, no tempo que for necessário, para retomar o caminho das conquistas”, escreveu Lavillenie, que no domingo, em Clemont-Ferrand, ficou apenas em sexto lugar.

Além de Thiago Braz, a competição em Berlim terá ainda a participação da velocista brasileira Rosângela Santos, que está inscrita para disputar a prova dos 60 m rasos. Na atual temporada em pista coberta, ela tem como melhor marca 7s34, obtida na última segunda-feira (6) em uma prova em Val-de-Reuil (França)

VEJA TAMBÉM:

Thiago Braz derrota Lavillenie na primeira prova de 2017 no salto com vara 
Thiago Braz sonha com voos mais altos 
Os melhores momentos olímpicos de 2016 
Todas as medalhas do atletismo do Brasil na história das Olimpíadas



MaisRecentes

Robert Scheidt desiste de Tóquio-2020 por família e falta de resultados



Continue Lendo

Cartola projeta recorde de 30 ouros para o Japão nos Jogos de Tóquio-2020



Continue Lendo