Rúgbi conhece tabela de jogos do Pan de Toronto 2015



A seleção brasileira feminina de rúgbi sevens fará sua estreia no Pan diante dos EUA. Crédito: Divulgação

A seleção brasileira feminina de rúgbi sevens fará sua estreia no Pan diante dos EUA. Crédito: Divulgação

O comitê organizador dos Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015 anunciou nesta quinta-feira a tabela dos torneios masculino e feminino do rúgbi sevens. Esta modalidade, que também fará parte do programa esportivo das Olimpíadas do Rio 2016, é uma versão enxuta do tradicional rúgbi, com as equipes formadas por sete atletas, ao contrário dos 15 habituais, jogando dois tempos de sete minutos cada. Com isso, tudo é definido em apenas dois dias de competição, incluindo as finais.

No torneio masculino, que terá a participação de oito equipes, o Brasil integra o grupo B e fará sua estreia no dia 11/7 (sábad0), a partir da sessão que começa às 10h (horário de Toronto) contra a Argentina. No período da tarde (16h), mais dois jogos previstos, contra o Canadá e a Guiana. No domingo (12/7), na parte da manhã (10h), serão realizadas as quartas de final, enquanto que na parte da tarde (16h) serão realizados os jogos das semifinais, decisão da medalha de bronze e disputa do ouro.

A competição feminina contará somente com seis equipes e a seleção brasileira iniciará sua caminhada também no sábado (11/7), a partir das 10h, contra os EUA. Ainda na sessão matutina o Brasil enfrentará a Argentina, encerrando o dia, no período da tarde, a partir das 16h, contra o Canadá.

No domingo, dia 12, as brasileiras fazem os dois últimos confrontos da fase de classificação, contra Colômbia e México, a partir das 10h. No período da tarde (16h), serão realizadas as disputas de medalhas.

A tabela completa do rúgbi sevens pode ser conferida aqui.

Em Guadalajara 2011, foi realizado somente o torneio masculino e o Brasil terminou em sétimo e penúltimo lugar, com duas vitórias, um empate e três derrotas. A medalha de ouro ficou com o Canadá, a Argentina levou a prata e os Estados Unidos faturaram o bronze.



MaisRecentes

Caio Bonfim pode ser a boa surpresa do atletismo brasileiro em 2017



Continue Lendo