Rúgbi feminino do Brasil disputa nova etapa da Série Mundial e seca Espanha



A Seleção Brasileira feminina de rúgbi seven estará em ação neste final de semana, pela Série Mundial de Sevens. As brasileiras jogarão em Lagnford, no Canadá a penúltima etapa da competição. Será mais uma chance das brasileiras conseguirem um lugar entre as oito melhores equipes de uma das etapas do torneio. Mas convenhamos, a tarefa é quase impossível. Longe de ser uma das potências do rúgbi mundial, o Brasil tem como melhor colocação na edição 2016/17 um 9º lugar, obtido na etapa de Sydney (AUS), em fevereiro.

Mas o time brasileiro também tem um outro objetivo, talvez ainda mais importante: “secar” a Espanha nesta etapa e somar pontos que lhe garantam vaga na próxima edição da Série Mundial. De acordo com o regulamento da World Rugby (a federação internacional da modalidade), apenas as dez primeiras colocadas terão presença fixa em todas as etapas. Os outros dois participantes serão convidados, que irão se revezar ao longo do torneio.

Para as brasileiras, que ainda precisam adquirir rodagem para encarar as principais rivais, já de olho na Olimpíada de Tóquio-2020, ter participação fixa na Série Mundial de Sevens é fundamental. E o melhor é que as despesas dos participantes fixos são pagas pelos organizadores.

Na classificação atual, as espanholas ocupam o 10º lugar, com 12 pontos, contra 9 do Brasil, que está uma posição abaixo. Por isso, é fundamental que a Seleção fique à frente da Espanha após os jogos deste final de semana.

Tabela de jogos

Em Lagnford, o Brasil integra o Grupo B da etapa, ao lado do Canadá, França e Rússia. No Grupo A estão Nova Zelândia, Inglaterra, Estados Unidos e Holanda. O Grupo C é formado por Austrália, Fiji, Irlanda e Espanha. As brasileiras não se deram muito bem no sorteio, pois além de pegar as donas da casa (que ocupam a terceira colocação na classificação geral do torneio), terão também que enfrentar as russas, atualmente em quinto lugar.

Mas a vida da Espanha também não está nada fácil, pois precisarão encarar as australianas (2º no geral) e Fiji (4º). A liderança até agora é da Nova Zelândia, com dez pontos de vantagem sobre a rival Austrália;

Os jogos do Brasil no sábado (27) são os seguintes (horários de Brasília):

16h20 – Canadá x Brasil
18h42 – Rússia x Brasil
21h26 – França x Brasil

No domingo (28) serão realizados os jogos eliminatórios e que definirão a classificação da etapa.

VEJA TAMBÉM:

Rúgbi divulga camisa e anuncia renovação com patrocinador até Tóquio-2020 
Falta patrocínio no esporte brasileiro? O rúgbi não tem do que reclamar 
Rúgbi feminino vai bem na Austrália 



MaisRecentes

Basquete masculino brasileiro bebe na fonte certa para tentar se reerguer da crise



Continue Lendo

O calote do Comitê Rio-2016 é uma vergonha que ficará para sempre



Continue Lendo

COI volta a se preocupar com os custos dos Jogos de inverno. Mas os de 2026



Continue Lendo