Pequim-08: Handebol feminino acerta a mão e comemora vitória histórica



A participação da seleção feminina de handebol nos Jogos de Pequim tinha sido marcada até ontem pelo “quase”. Contra a Alemanha, na estréia, virou o primeiro tempo na frente, mas acabou perdendo por 24 a 22; diante da Hungria, o time vencia até o último segundo do jogo, quando levou o empate (28 a 28); no jogo contra a Rússia, jogou muito bem no primeiro tempo, mas foi massacrada na etapa final (28 a 19).

Nesta quinta-feira, acabou o “quase”. A atuação histórica do Brasil na vitória sobre a Coréia do Sul (vice-campeã olímpica em Atenas) é mais um marco na evolução deste esporte no país, e mais uma prova de que quando há um trabalho sério, com o dinheiro do patrocinador sendo bem aplicado, os resultados aparecem.

As garotas do Brasil ainda dependem de uma vitória sobre a Suécia para passarem à próxima fase e, desta forma, tentar superar o sétimo lugar obtido em Atenas-04, o melhor da história do handebol nas Olimpíadas.

Foto: Deonise, autora de três gols na vitória sobre as corenas

Crédito: Federação Internacional de Handebol


MaisRecentes

Ao tentar inovar, Fiba cria uma grande confusão no basquete mundial



Continue Lendo

Comissão de Atletas precisar ir além das cartas para buscar seu espaço no COB



Continue Lendo

Do que têm tanto medo os cartolas olímpicos brasileiros?



Continue Lendo