Pentatlo moderno do Brasil começa a definir vaga masculina na Rio 2016



Felipe Nascimento é o melhor brasileiro classificado no ranking brasileiro (Divulgação/UIPM)

Felipe Nascimento é o melhor brasileiro classificado no ranking brasileiro (Divulgação/UIPM)

Por causa da marcante e emocionante medalha de bronze conquistada horas antes do encerramento dos Jogos Olímpicos de Londres 2012, a pernambucana Yane Marques acabou indiretamente tornando-se a imagem do pentatlo moderno no Brasil. De fato, ela tem um papel fundamental no trabalho de divulgação de uma modalidade ainda pouco conhecida por aqui, que reúne cinco esportes diferentes: natação, esgrima, hipismo e o evento combinado tiro esportivo + corrida. Se Yane Marques inclusive já tem vaga assegurada nos Jogos Olímpicos do Rio 2016, no masculino a briga para garantir um lugar na equipe brasileira começa a esquentar.

>>> E mais: Brasil encerrou 2015 com 402 vagas na Rio 2016

Por ser o paíse-sede dos Jogos 2016, o Brasil tem direito a duas vagas, uma por gênero. Como Yane assegurou a classificação ao ficar com a medalha de bronze no Campeonato Mundial do ano passado, realizado em Berlim (ALE) e também pelo ouro nos Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015, resta a definição da vaga masculina. A primeira etapa para isso acontece neste final de semana, com a disputa do Torneio Internacional de Budapeste.

Quatro brasileiros participam da competição: Danilo Fagundes, Enrico Ortolani, Felipe Nascimento e William Muinhos. O objetivo é somar preciosos pontos no ranking mundial e definir quem será o representante no masculino. Pela lista da CBPM (Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno) de janeiro deste ano, Nascimento aparece na liderança, com 74 pontos, seguido de perto por Fagundes, com 61, com Muinhos em terceiro (48) e bem mais atrás Ortolani, em sexto (19 pontos).

Danilo Fagundes (à esq) aparece em segundo lugar no ranking brasileiro (Divulgação/UIPM)

Danilo Fagundes (à esq) aparece em segundo lugar no ranking brasileiro (Divulgação/UIPM)

Segundo informou a assessoria da CBPM, em contato com o blog, a última seletiva mundial do pentatlo para a Rio 2016 será via ranking mundial da UIPM (União Internacional de Pentatlo Moderno), que será divulgado em 1º de junho. Ali serão definidas as últimas 12 vagas da modalidade para os Jogos. Haverá ainda a disputa do Campeonato Mundial, marcado para Moscou (entre 17 e 23 de maio) e que reservará seis vagas olímpicas.

>>> Veja também: Prévia aponta Brasil no top 10 da Rio 2016, mas pelo total de ouros

Se mesmo depois dali, o Brasil não tiver classificado nenhum atleta no masculino, tem direito a levar um competidor por ser o país-sede, onde o critério utilizado será o ranking nacional fechado no dia 31 de maio. Como os brasileiros estão muito distantes na lista da UIPM e terão concorrência pesada no Mundial, é quase certo que será o ranking nacional o responsável por escolher o parceiro de Yane Marques nos Jogos do Rio.



MaisRecentes

Calderano espera repetir no Mundial desempenho da Rio-2016



Continue Lendo

Rúgbi feminino do Brasil disputa nova etapa da Série Mundial e seca Espanha



Continue Lendo

Índice para Mundial, estrela confirmada e patrocínio renovado agitam atletismo



Continue Lendo