Mundial de Atletismo: Elisângela Adriano admite que não dá mais para competir



“Quero fazer outras coisas, me formei em fisioterapia e quero trabalhar com isso. Quero casar e ter filhos. Se fosse mais nova, poderia fazer isso e voltar a competir. Mas, com 37 anos, já não dá”

Elisângela Adriano, após ter sido eliminada – novamente em uma grande competição – na prova do arremesso do disco do Mundial de Atletismo de Berlim e reconhecendo que já passou da hora de se aposentar.



MaisRecentes

‘Maior’ do que vários países do Pan, Pinheiros pede mais apoio aos clubes



Continue Lendo

COI inaugura sede nababesca, mas não resolve o problema das eleições olímpicas



Continue Lendo