Vice de Medina deu ao Brasil sua 20ª medalha nos Mundiais de 2017



O vice-campeonato assegurado ontem em Pipeline, no Havaí, na final do WCT (Circuito Mundial de Surfe), fez com que o surfista Gabriel Medina desse ao Brasil sua 20ª medalha nos Mundiais de esportes olímpicos de 2017.

Embora não tenha uma configuração habitual de um Campeonato Mundial, o circuito da WCT acaba se enquadrando na mesma categoria da Liga Mundial e do Grand Prix de vôlei. Como o surfe irá estrear no programa olímpico nos Jogos de Tóquio-2020, a competição passa a ser levada em consideração na avaliação dos desempenhos dos atletas brasileiros.

+ O blog está no Twitter. Clique e siga para acompanhar
+ Curta a página do blog Laguna Olímpico no Facebook
+ O blog também está no Instagram. Clique e siga 

Trata-se, é claro, de uma análise baseada exclusivamente em termos de resultados e nem sempre a conquista de medalhas pode traduzir uma evolução de um atleta ou a queda de rendimento de uma equipe. Por exemplo, em 2017 o Brasil teve um resultado excepcional no ciclismo mountain bike, com o quarto lugar de Henrique Avancini no Mundial de Carins, na Austrália.

As 20 medalhas dos Mundiais de 2017 representam a segunda melhor largada do Brasil em um ciclo olímpico. A melhor foi em 2013, quando os atletas brasileiros terminaram o ano com um total de 27 pódios. Sinal de que a redução de investimento em diversas modalidades, especialmente com a saída de patrocinadores, está cobrando a conta.

Confira todas as medalhas do Brasil nos Mundiais dos esportes olímpicos em 2017

Ouro
Seleção feminina Grand Prix de vôlei
André/Evandro Mundial de vôlei de praia
Maya Aguiar (78 kg) Mundial de judô
Prata
Seleção masculina Liga Mundial de vôlei
4 x 100m L Masc. Mundial de natação
Bruno Fratus (50m L) Mundial de natação
David Moura (+100 kg) Mundial de judô
Equipe mista Mundial de judô
Martine Grael/Kahena Kunze Mundial de Vela/49er
Letícia Bufoni Mundial de skate street
Pedro Barros Mundial de skate park
Gabriel Medina Circuito Mundial de surfe WCT
Bronze
Ana Marcela Cunha (10 km) Mundial maratona aquática
Larissa/Talita Mundial de vôlei de praia
Caio Bonfim (20km marcha) Mundial de atletismo
Isaquias Queiroz (C1-1000m) Mundial de canoagem velocidade
Érika Miranda (52 kg) Mundial de judô
Rafael Silva (+100 kg) Mundial de judô
Kelvin Hoefler Mundial de skate street
Ana Sátila (C1) Mundial de canoagem slalom
Total medalhas 20
Atualizado até 19/12

VEJA TAMBÉM:

As medalhas do Brasil nos Mundiais de 2017 
As medalhas do Brasil no Mundial de judô 
Todas as medalhas do Brasil no Mundial de canoagem velocidade 
Todas as medalhas do Brasil na história do Mundial de atletismo



MaisRecentes

Prêmio Sou do Esporte 2018 terá homenagem a Maria Esther Bueno



Continue Lendo