Mecenas anônimo garante Santo André no Nacional feminino de basquete



Informa o Diário do Grande ABC que o Santo André, um dos mais tradicionais clubes do basquete feminino do Brasil, por pouco não ficou fora do próximo Campeonato Nacional, com início previsto para 7 de outubro. A participação no torneio, que terá a presença de apenas 9 equipes, só foi assegurada na última quarta-feira, horas antes do encerramento do prazo, graças a um patrocinador anônimo, que bancou a inscrição da equipe.

Este verdadeiro mecenas, amigo da técnica Laís Elena, pagou R$ 30 mil, que irão bancar despesas de hospedagem e arbitragem. Como a CBB (Confederação Brasileira de Basquete) banca o transporte, o Santo André terá como único gasto os salários, bancados com verba da prefeitura da cidade.

O time do ABC, que disputou as 10 edições do Nacional feminino, não consegue fechar com um patrocinador desde 2001.

Quando uma equipe com a tradição do Santo André não consegue patrocínio, é porque a coisa está mesmo feia no basquete do Brasil.



MaisRecentes

Correria japonesa? Brasil já pensa nas oitavas do Mundial de handebol



Continue Lendo

‘Paredão’ Maik deixa Seleção Brasileira viva no Mundial de handebol



Continue Lendo

Rúgbi do Brasil inicia temporada de olho nos Jogos de Tóquio-2020



Continue Lendo