Mancadas de narradores alegram as transmissões olímpicas no Brasil



Em todo grande evento esportivo, como é o caso atualmente dos Jogos Olímpicos, as redes de TV do Brasil fazem uma ampla cobertura que, muitas vezes, chegam a ser cansativas. Se cansa o telespectador, o que dirá do coitado que está atrás das câmaras, narrando e comentando as mais variadas modalidades esportivas?

Só que isso não dá isenção a que inundem nossas ouvidos com bobagens, ufanismos tolos, erros de português etc…O ótimo Estado de Circo, do amigo e colega Rodrigo Borges, tem ficado atento às besteiras que invadem a telinha. Hoje, quem sintonizou na Band para acompanhar o jogo de basquete entre Estados Unidos e Grécia, pode escutar várias delas.

O narrador Silvio Luiz, para início de conversa, parece que só conhecia dois jogadores americanos, LeBron James e Kobe Bryant. Depois, passou o jogo todo rebatizando o armador Carmelo Anthony de “Anthony Carmelo”…

Mas a peróla veio perto do final do primeiro tempo. O médico e comentarista Osmar de Oliveira (que tem um profundo conhecimento em outras modalidades) quis fazer uma brincadeira com o nome do pivô grego Schortsanitis, filho de pai grego e mãe camaronesa.

– E o primeiro nome dele é Sofoklis – disse Osmar
– Ah, o deus grego – rebateu Silvio Luiz, na lata

– Não, o filósofo..- respondeu rapidamente o comentarista, referindo-se a Sófocles, um dos mais famosos dramaturgos da Grécia antiga e que escreveu, entre outras obras, Rei Édipo.



  • Chego à conclusão de que as emissoras de TV acham que meus ouvidos são um par de penicos.

  • O pior foi ouvir o Silvio chamar o Chris Bosh de Chris Bush. sinceramente, eu torço para que o avião da Globo e da Band sejam explodidos em pleno ar. Só assim teremos uma renovação, embora a Globo tenha formado sua nova geração maldita de mini-Galvão Buenos por 30 anos.

MaisRecentes

Liberação da Fiba é o mais novo título mundial do basquete brasileiro



Continue Lendo

Herói olímpico dos EUA desafia escândalo sexual no Mundial de taekwondo



Continue Lendo

Com medalhista olímpico, Brasil estreia sábado no Mundial de taekwondo



Continue Lendo