EUA calçam as sandálias da humildade



“Vencemos duas grandes equipes, mas
amanhã temos o Brasil, que é difícil de ser batido”
Kevin Durant, astro da seleção dos EUA, autor de 22 pontos na vitória sobre a Esolvênia por 99 a 77, neste domingo, mostrando um inesperado respeito pela seleção brasielira,, adversária desta segunda-feira pelo Mundial masculino de basquete


MaisRecentes

Porque o Mundial de piscina curta traz otimismo à natação do Brasil em Tóquio



Continue Lendo

Hugo Calderano se consolida como esperança de medalha em Tóquio-2020



Continue Lendo

Olimpíada da Coreia ‘unificada’ começa a ser discutida em fevereiro



Continue Lendo