Após modernizar estatuto, confederações concorrem a prêmio de governança



Em nova Assembleia Extraordinária, os presidentes de confederações olímpicas ampliaram a participação dos atletas no COB (Crédito; Divulgação/COB)

Um dia depois de terem aprovado, em nova Assembleia Extraordinária, a entrada de 12 atletas no colégio eleitoral do COB (Comitê Olímpico do Brasil), as confederações olímpicas do país conhecerão nesta quinta-feira quais são as de melhor governança esportiva. A terceira edição do Prêmio Sou do Esporte, entidade sem fins lucrativos que promove ações para o desenvolvimento do esporte brasileiro, acontece a partir das 18h30, no Hotel Grand Hyatt, no Rio

Criado pela ONG Sou do Esporte, que ao lado da Atletas pelo Brasil atuou de maneira importante na elaboração do texto do novo estatuto do COB, o prêmio tem como objetivo analisar as confederações do ponto de vista da governança. As entidades são analisadas por um estudo reconhecido pela organização dinamarquesa Play the Game, que atua na promoção da democracia, transparência e liberdade de expressão no esporte.

A avaliação é feita a partir de mais de 130  atributos, tomando como base os indicadores transparência, equidade, prestação de contas, integridade institucional e modernidade.

Nas edições de 2015 e 2016, o prêmio de melhor governança olímpica ficou com a CBRu (Confederação Brasileira de Rúgbi). Outras entidades que também apresentaram média superior a 5 foram CBTM e CBV (em 2015), CBHb, CBAt, CBV e CBTM (em 2016).

Haverá também uma homenagem especial ao ex-boaxeador Éder Jofre, duas vezes campeão mundial de boxe e atleta olímpico nos Jogos de Roma-1960.

Susana Schnardorf, Rodrigo Minotauro e Isabel Swan serão homenageados na categoria Atleta de Valor. Sou do Esporte Solidário celebra o Projeto Grael. A Câmara dos Deputados será homenageada por sua Atitude Positiva, pela promoção do I Concurso de Artigos Científicos da Comissão do Esporte.

VEJA TAMBÉM:

Recuo de cartolas a favor de mais atletas no COB foi por medo e não convicção 
Comissão de Atletas precisa ir além das cartas para buscar seu espaço no COB 
Pressão por mudanças no COB chega até do ministério do Esporte 
O caminho para o COB iniciar uma nova era



MaisRecentes

Qual sua dupla de mascotes preferida para os Jogos de Tóquio-2020?



Continue Lendo

Eliminação no Mundial precisa servir de aprendizado para o handebol do Brasil



Continue Lendo