Está no ar mais um campeonato-fantasma do basquete brasileiro



E o Nacional Feminino de basquete começou. O que, você não sabia? Pois é, assim como você, caro(a) amigo(a) basqueteiro(a), provavelmente muitos também desconheciam que o principal torneio de clubes do Brasil, que está em sua 10ª edição, havia começado nesta sexta-feira. O tímido espaço reservado nos principais jornais do país e a falta de jogos transmitidos ao vivo talvez possam justificar tal mistério.

Embora a própria Confederação Brasileira de Basquete (CBB), no texto de apresentação do torneio em seu site, garanta que o torneio mais uma vez terá seus jogos transmitidos pelo canal a cabo Sportv, pelo menos nas primeiras rodadas, não havia nenhum jogo para ser exibido ao vivo. E de hoje, domingo, até a próxima terça-feira (27/11), estão programadas cinco partidas.

Para quem não sabe de nada (vale lembrar que o Paulista feminino terminou há pouco mais de uma semana e só os mais fanáticos acompanharam o título do Ourinhos), algumas informações úteis para não se sentir completamente perdido:

a) Iziane, a principal estrela da seleção brasileira, estará disputando o primeiro Nacional adulto de sua carreira. Ela integra o já forte time de Ourinhos, favorito absoluto ao tetracampeonato;
b) O Nacional terá nove equipes participantes, uma evolução em comparação a 2006/2007, que só teve seis clubes;
c) São Paulo é o estado que tem a maioria dos clubes deste nacional (quatro). Rio de Janeiro (três), Santa Catarina e Pernambuco (um cada) completam a relação;
d) Para a segunda fase (quartas-de-final), estarão classificados oito times. Ou seja, só UM será eliminado;

Os jogos deste domingo: Sport/Faculdade Maurício de Nassau x Catanduva/Unimed; Botafogo x Florianópolis; Santo André x Ourinhos/Unimed

Crédito da foto: Alexandre Vidal/divulgação – Lance de Botafogo x São Bernardo, na rodada de abertura do Nacional



MaisRecentes

Glória do Pan de 1987 tem que ser exaltada por muitos anos



Continue Lendo

Isaquias Queiroz vai aumentar sua coleção de medalhas no Mundial de canoagem?



Continue Lendo

Brasil estreia em mundiais de badminton e wrestling nesta segunda



Continue Lendo