Como o COB vai distribuir as verbas da Lei Agnelo/Piva em 2011



Nesta segunda-feira, o COmitê Olímpico Brasileiro (COB) anunciou, através de um comunicado à imprensa, como será a distribuição dos recursos da Lei Agnelo/Piva, com base na arrecadação das loterias, para as confederações olímpicas em 2011. Segundo o comunicado do COB, “a proposta é diminuir a diferença entre as confederações que já dispõem de patrocínios e as que ainda não contam com este tipo de recurso.”

Sei não. Todas as confederações tiveram um aumento na verba destinada. Até mesmo entidadses que nada receberam em 2010, ganharão um troquinho” em 2011, casos do golfe e rugby, duas modalidades que integram o programa olímpico dos Jogos de 2016, no Rio de Janeiro.

A impressão que fica é que o COB decidiu abrir um pouco mais o cofre talvez com medo da concorrência de projetos alternativos de patrocínio, como o da Petrobrás – que destinará R$ 265 milhões para atletas do boxe, remo, esgrima, taekwondo e levantamento de peso -, cuja verba irá diretamente para as respectivas confederações, sem passar pelo COB.

Abaixo, os valores da verba da Lei Agnelo/Piva de cada confederação para 2011:

Atletismo – De R$ 2.825.000,00 em 2010 para R$ 3.000.000,00
Badminton – De R$ 904.000,00 para R$ 1.300.000,00
Basquete – De R$ 1.921.000,00 para R$ 2.100.000,00
Boxe – De R$ 1.582.000,00 para R$ 1.700.000,00
Canoagem – De R$ 1.808.000,00 para R$ 2.300.000,00
Ciclismo – De R$ 1.808.000,00 para R$ 2.300.000,00
Desportos Aquáticos – De R$ 2.825.000,00 para R$ 3.000.000,00
Desportos na Neve – De R$ 678.000,00 para R$ 800.000,00
Desportos no Gelo – De R$ 678.000,00 para R$ 800.000,00
Esgrima – De R$ 1.017.000,00 para R$ 1.100.000,00
Ginástica – De R$ 2.599.000,00 para R$ 2.800.000,00
Golfe – R$ 500.000,00
Handebol – De R$ 2.599.000,00 para R$ 3.000.000,00
Hipismo – De R$ 2.034.000,00 para R$ 2.900.000,00
Hóquei sobre a Grama – De R$ 904.000,00 para R$ 1.300.000,00
Judô – De R$ 2.825.000,00 para R$ 3.000.000,00
Levantamento de Peso – De R$ 904.000,00 para R$ 1.100.000,00
Lutas Associadas – De R$ 1.017.000,00 para R$ 1.500.000,00
Pentatlo Moderno – De R$ 904.000,00 para R$ 1.300.000,00
Remo – De R$ 1.808.000,00 para R$ 1.900.000,00
Rugby – R$ 500.000,00
Taekwondo – De R$ 1.130.000,00 para R$ 1.200.000,00
Tênis – De R$ 1.469.000,00 para R$ 1.800.000,00
Tênis de Mesa – De R$ 1.808.000,00 para R$ 2.300.000,00
Tiro com Arco – De R$ 904.000,00 para R$ 1.300.000,00
Tiro Esportivo – De R$ 1.469.000,00 para R$ 2.000.000,00
Triatlo – De R$ 1.356.000,00 para R$ 2.000.000,00
Vela e Motor – De R$ 2.825.000,00 para R$ 3.000.000,00
Vôlei – De R$ 2.825.000,00 para R$ 3.000.000,00



MaisRecentes

Brasil cumpre meta e torce por ‘sorteio camarada’ no pré-olímpico mundial



Continue Lendo

Derrota na estreia não muda o roteiro do Brasil no Pré-Olímpico de basquete



Continue Lendo

Entenda os caminhos do basquete feminino do Brasil para chegar a Tóquio-2020



Continue Lendo