Coisas que só um Pan-Americano pode fazer por você



[getty src=”481584348?et=vGgoqygvQz1iziOvYSxoPQ&viewMoreLink=on&sig=-iMoSRDupmk8Ck2xawIXr8STEEoC0muXY9vybjicdYU=” width=”594″ height=”396″]

“Só quero agradecer a Deus por ter saído da competição sem lesões e por ter vencido. Nenhuma outra atleta de Santa Lucia havia ganhando antes uma medalha de ouro em um Pan-Americano e foi uma grande honra poder levar esta conquista para meu país”

Levern Spencer, atleta de 31 anos, nascida na pequena Santa Lucia, ilha do Caribe, que nesta quarta-feira ganhou o ouro na prova do salto em altura feminino dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, com a marca de 1,94m. O resultado deu ao país sua primeira medalha de ouro na história da competição. Até a edição deste ano do Pan, Santa Lucia só havia conquistado duas medalhas de bronze. Pelo sorriso de Spencer, o Pan de Toronto vale muito, ao contrário do que dizem por aí.



MaisRecentes

Ranking olímpico dá alento ao judô do Brasil após Mundial



Continue Lendo

Brasileiros sonham receber bronze do revezamento de 2008 nos Jogos de Tóquio



Continue Lendo

Brasil define equipe para o Mundial de ginástica artística



Continue Lendo