Cielo rejeita o Corinthians de olho em Londres-2012



Um dos trunfos que o departamento de marketing do Corinthians sonhava para impulsionar as comemorações do centenário do clube acabou literalmente, fazendo água. Neste sábado, o nadador Cesar Cielo, campeão e recordista mundial dos 50 e 100m livre, além de campeão olímpico dos 50m, anunciou oficialmente neste sábado que as negociações para assinar contrato com o Timão foram encerradas.

E os motivos apontados por Cielo foram bem simples: a opção pelo Corinthians poderia afetar a sua preparação para os Jogos Olímpicos de Londres-12.

Eis um trecho comunicado divulgado pela assessoria de Cielo: “Apesar das partes comerciais e estruturais estarem acertadas para a recepção do atleta no Corinthians, Cielo, que vive um ciclo olímpico, preferiu não concluir as negociações para a mudança de sua rotina pessoal e profissional, o que, segundo ele, interferiria em sua carreira no momento. Este motivo fez com que as partes encerrassem as conversas.”

Duas coisas precisam ser lembradas sobre o caso: Cielo está abrindo mão de um salário que jamais imaginou ganhar, cerca de R$ 50 mil mensais mais participações em ações publicitárias desenvolvidas pelo marketing corintiano. Não é pouco coisa.

Mas a pobre estrutura existente no clube (em comparação, por exemplo com o Pinheiros) para um atleta do porte de Cesar Cielo, que costuma passar parte do ano treinando no Brasil, pode ter pesado bastante na decisão do nadador.



MaisRecentes

Esportes de PyeongChang-2018: combinado nórdico



Continue Lendo

A história das Olimpíadas de Inverno: Lake Placid-1932



Continue Lendo