China negocia com prefeitura de Santos para aclimatação antes do Rio 2016



[getty src=”149369338?et=vqyQmlTKQsRErJM2VQR9mw&viewMoreLink=off&sig=WlH7cncOIL6BV-uioohXmP5ZmyWaoS0FmlvC-0R_A4U=” width=”594″ height=”435″]

Uma das grandes potências olímpicas pode fazer sua preparação final para os Jogos do Rio 2016 na cidade de Santos. Na última semana, uma delegação de políticos chineses, comandada pelo cônsul geral do país em São Paulo, Chen Xi, esteve na cidade do litoral paulista para receber informações sobre a estrutura esportiva que teria disponível no caso de instalar ali sua base antes das Olimpíadas.

Os chineses, que foram recebidos pelo vice-prefeito de Santos, Eustázio Alves Pereira Filho, puderam assistir a um vídeo apresentando detalhes dos equipamentos esportivos localizados em Santos, como a Arena Santos, o Complexo Esportivo do Rebouças, a piscina da Universidade Santa Cecília (Unisanta).

“Acredito que Santos está preparada para receber nossos atletas. A cidade possui também a vantagem do clima ser mais ameno em comparação ao Rio de Janeiro”, avaliou o cônsul geral da China, que pretende agendar uma visita de dirigentes do comitê olímpico chinês antes de finalizar o acordo.

A China iniciou sua participação olímpica em Helsinque 1952, mas apenas a partir dos Jogos de Los Angeles 1984 é que passou a ser presença constante do evento. Desde então vem mostrando sua força como um dos gigantes do esporte. Já são 473 medalhas em 12 edições das Olimpíadas, sendo 201 de ouro, 144 de prata e 128 de bronze. Em Londres 2012 (foto acima), a China só ficou atrás dos Estados Unidos no quadro de medalhas.

//

 



MaisRecentes

No Dia Olímpico, comemore acompanhando muito esporte



Continue Lendo

Liberação da Fiba é o mais novo título mundial do basquete brasileiro



Continue Lendo

Herói olímpico dos EUA desafia escândalo sexual no Mundial de taekwondo



Continue Lendo